quarta-feira, 11 de setembro de 2019

Isso está no Climainfo


Procurador indicado, Augusto Aras, é pego na mentira
 
Já no começo do ano, o escolhido por Bolsonaro para ser o Procurador Geral da República, Augusto Aras, repetiu as inverdades e generalidades que seu possível chefe costuma proferir sobre as Terras Indígenas, o interesse estrangeiro na Amazônia e as ONGs. O Agromitômetro do Observatório do Clima conferiu algumas.
Aras repetiu o mantra de Evaristo de Miranda, segundo o qual o agronegócio só ocupa 10% do território nacional. Esse número não leva em conta as pastagens que somam outros 16%. A menos que a pecuária tenha saído do mundo rural de Aras. 
Outra pérola dita por Aras: “A Amazônia tem 95% de todas as ONGs do Brasil. Será que o resto do Brasil não merece o mesmo cuidado das ONGs?” Entretanto, o Mapa das Organizações da Sociedade Civil, do Ipea, a região norte tem 8% da ONGs registradas no país. O Sudeste tem cerca de 40% delas.
Em tempo: Evaristo de Miranda, rejeitado pela comunidade científica e por 90% da Embrapa, onde trabalha, é o guru da Bancada Ruralista, do presidente e dos generais Augusto Heleno e Villas Boas. É pena, porque o sujeito não merece a menor credibilidade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Mega Sena

Mega-Sena / Concurso 2190 (21/09/19) 05   09  20  25  35  53 Acumulada próximo concurso: R$ 44.000.000,00