quarta-feira, 21 de agosto de 2019

E se rapaz virar chanceler,como B ameaçou?


Bolsonaro já considera desistir de indicar filho para embaixada

Para aprovar a indicação do filho, Bolsonaro é obrigado a recorrer à velha política

Por: Gilberto Dimenstein |
A indicação de Eduardo Bolsonaro pegou mal na opinião pública como mostram as pesquisas.
Pegou mal no mundo diplomático e empresarial.
O problema, porém, é que não pegou bem entre os políticos.
bolsonaro e trump
Crédito: reprodução/InstagramBolsonaro sinalizou com a possibilidade de desistir de indicar o filho Eduardo para a embaixada do Brasil nos EUA
Um parecer do Senado classificou a indicação como nepotismo.
Para aprovar o filho, Bolsonaro é obrigado a recorrer à velha política.
Mas ainda não tem os fotos garantidos.
Hoje, ele acenou com a possibilidade de desistir.
Vejam essa notícia do G1″
“O presidente Jair Bolsonaro abriu nesta terça-feira (20) a possibilidade de desistir de indicar o deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) para a embaixada do Brasil nos Estados Unidos, caso não tenha garantia de aprovação do filho pelo Senado. O presidente disse que não deseja submeter o filho a um “fracasso”.
A ideia do presidente de indicar Eduardo para o posto foi anunciada em julho. De lá para cá, o nome do deputado recebeu o aval do governo dos Estados Unidos e elogios do presidente norte-americano, Donald Trump.
No entanto, a indicação ainda não foi formalizada pelo governo brasileiro ao Senado, responsável por sabatinar e aprovar futuros embaixadores. O Palácio do Planalto considera que ainda não tem maioria para aprovação do nome de Eduardo.”

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Capa do jornal OEstadoCe