terça-feira, 27 de agosto de 2019

Coluna do blog


Seria fogo amigo
Um admiravel defensor do DNOCS, à sua,dele, maneira, deve estar cheio de comichões, se souber do que rola nos bastidores do prédio da Duque de Caxias e arredores. Cássio Borges, é mais que um defensor, é amante, e como amante chega a ser parcial. Só que agora nem precisa ser; ta na cara demais. O que se informa, até de Brasíllia é que o DNOCS, sem um pau para dar num gato, tem bancado viagens, passagens e diárias, para servidores estarem frequentemente na capital, fazendo loby por diretorias e lugares onde sejam bem remunerados no Departamento de Secas. As constantes viagens, os relatórios caros impressos para impressionar congressistas - impressionar e pressionar -chamam atenção de quem assiste à cena, porque reza a dureza das contas do DNOCS, de cofres vazios, sem perspectivas de grana pra pequenas e médias ações, assim como, para obras emergencias. São emendas parlamentares que sustentam o DNOCS, que continua passando de mão em mão de deputados e senadores que se aliam a goveernos à cata de benefícios próprios, de propósitos nem sempre republlicanos. Quem conhece o velho DNOCS, aquele se Zé Osvaldo POntes, de Uirandé Borges, de Celso Veiga, de Luiz Marques, hoje sente saudades de quando peças corretas estavam em lugares certos o que difere , por exemplo, da assessoria de imprensa, ora assumida pela vaidade e pelo interesse do poderoso de plantão. Quem quer acabar com o DNOCS, quem quer assumir o DNOCS pondo fim à sigla,anda rindo à toa aqui por Brasília, sempre citando a lei do retorno, aquela que bate...e volta.

 A frase; "Existe algo mais brega que um rico roubando? Existe algo mais chic que um pobre honesto?". Fernanda Young, cutucando a vida.



Demissão em massa(Nota da foto)
O Sinduscon anunciou que esta semana a construção civil, a que faz o Minha Casa Minha Vida, vai demitir algo em torno de 2 mil operários.É grave a crise, mas ensina: No cavalo, quando vem carregado de açúcar, até o rabo é doce.

Na fila
O Ceará entrou na fila dos pretendentes a sediar uma indústria importante para o Brasil e para o mundo; da aviação. Uma fábrica de aviões quer se instalar no país e o Ceará mandu dizer que tem coragem de receber asas e motores.

É assim...
A Desaer é uma indústria de ex-Engenheiros da Embraer que quer construir uma nova fábrica de aviões. Segundo Fernando Cesar Guarany, socio-diretor, a empresa já recebeu propostas de Minas,São Paulo, Tocantins e Ceará.

E mais...
Para passar do desejo à realização, ainda segundo o diretor Guarany, depende de um investimento de US$ 108 milhões de dolares. A idéia central é a construção de um avião birreator,com demanda de 2.100 aeronaves que tomariam o lugar do velho Bandeirante.

Doeu no Papa Chico
O Papa Francisco pediu que os incêndios na Amazônia fossem extintos o mais rapidamente possível. “Estamos preocupados com os incêndios que ocorrem na Amazônia. Esse pulmão florestal é vital para o nosso planeta.”

A coluna errou
Ontem foi dito aqui que a posse de Oriel Nunes, em cadeira da Assembléia do Estado seria hoje, com licença do deputado Osmar Baquit. A coluna contou com o ovo na galinha.

É que...
Só ontem Baquit deu entrada na Secretaria Legislativa de seu pedido de licença para tratar de assunto particular. Então o pedido tem que passar,ainda,por leitura em sessão ordinária da Casa, hoje.

Posse na quarta
No mais tarde Oriel Nunes, filho, estará sentado à Assembléia na quarta feira, ou até mesmo na quinta feira, dependendo do trâmite do pedido de Baquit a ser aprovado em plenário, etc.etc.etc.


Promoção
O presidente da Assembleia Legislativa do Ceará, deputado José Sarto (PDT), assinou, nesta quarta-feira (21/08), o ato deliberativo 889, que implementa promoção e progressão dos servidores do quadro de

Meritocracia
"Esses funcionários que foram promovidos passaram por critérios de avaliação, como realização de cursos e treinamentos, e também foram avaliados pelo chefe imediato, no que diz respeito ao desempenho pessoal", diz Luís Edson,da Associação dos Servidores da Casa.

Uma cabeça a menos
Quando não por tiro, por bala,por abandono,por medo do presente e por receio do futuro, a asma tambem mata, como fez no fim de semana  com Fernanda Young. Passamos parte de um bom dia,juntos,conversando,em Lisboa,na embaixada. Morrer de crise asmática aos 49 anos não estará nunca nos planos de ninguém.Dolorosa morte.






Nenhum comentário:

Postar um comentário

Cactus na Assembleia