quinta-feira, 18 de julho de 2019

Falta dagua na França.

Dois terços da França hoje racionam água. Depois de dois anos seguidos de pouca chuva e, em especial, quase nenhuma chuva durante o inverno, a situação é considerada crítica em 21 dos 96 departamentos franceses. 
Na região central do país, onde fica o vale do Loire, a irrigação de lavouras e jardins está proibida e os únicos usos autorizados são para beber, para os serviços de saúde e sanitários. Em outros 40 departamentos, o racionamento ainda é parcial. 
A mudança do clima reduziu a quantidade de neve e a recarga dos aquíferos. O Loire, por exemplo, deve perder até 30% da sua água até 2040. Para Denis Caudron, do Fundo de Conservação de Rios, “ao mesmo tempo, nós desenvolvemos tipos extremamente sedentos de agricultura. Estamos consumindo água demais.” A notícia é do Financial Times.
Em tempo: nos Alpes franceses, perto do Monte Branco, a uma altitude de 3.400 metros, em menos de 10 dias apareceu um lago de quase 30 metros de diâmetro. Alpinistas que vivem na região disseram que nunca haviam visto um lago naquela altitude. A onda de calor que atingiu a Europa no mês passado é tida como a responsável pelo derretimento da neve que formou o lago. A notícia saiu no Independent e no site IFLScience.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gênio!

As andanças e declarações do ministro Salles na Espanha O Acordo de Paris é para o país levar vantagem O ministro Ricardo Salles deu uma ent...