domingo, 30 de junho de 2019

Mega Sena

Resultado Concurso 2164 (29/06/2019)

Acumulou!

Sorteio realizado ESPAÇO LOTERIAS CAIXA em SÃO PAULO, SP
  • 16
  • 17
  • 25
  • 47
  • 48
  • 58
Estimativa de prêmio do próximo concurso 03/07/2019
R$ 34.400.000,00
A Caixa realizou na noite deste sábado (29) o sorteio do concurso 2164 da Mega-Sena, e o prêmio acumulou pela terceira rodada seguida. Assim, a estimativa de prêmio para o próximo concurso, no dia 3, é de R$ 34,4 milhões. Os números sorteados foram: 16 - 17 - 25 - 47 - 48 - 58 A Quina foi acertada por 51 apostas, que levam R$ 43.294,26 cada uma. Já a Quadra foi acertada por 3.431 apostas, e renderá um prêmio de R$ 919,35.... - Veja mais em https://noticias.uol.com.br/cotidiano/ultimas-noticias/2019/06/29/mega-sena-acumulada-veja-os-numeros-sorteados-neste-sabado.htm?cmpid=copiaecola

Bom dia


Paraísos no mundo para aposentado de classe média viver com R$ 6.000/mês 


Pedro Marques
Colaboração para o UOL, em São Paulo

Aposentar-se e morar em um lugar paradisíaco, seguro, tranquilo e aproveitar a vida com mais calma é o sonho de muita gente. Tanto é que existe uma publicação norte-americana chamada "International Living" que se dedica justamente a visitar e escolher esses lugares.
E o fator financeiro pesa bastante: afinal, com a aposentadoria, a tendência é que os rendimentos caiam. Por isso, o site fez uma lista com as melhores cidades para casais que podem gastar de US$ 1.500 a US$ 2.500 por mês (R$ 6.000 a R$ 10 mil) aproveitarem a aposentadoria.
Os destinos sugeridos pela "International Living" estão na América Latina, Caribe, Europa e Sudeste Asiático. Oferecem boa qualidade de vida com baixo custo. Para a maioria dos brasileiros, ainda é um valor alto. Mas, para um casal de classe média que tenha aposentadoria pelo teto do INSS (R$ 5.839,45 cada um), é um sonho possível de realizar. Confira a lista a seguir e faça a conta no conversor do UOL Economia:

Puerto Viejo (Costa Rica)

Getty Images/iStockphoto
Imagem: Getty Images/iStockphoto
É na costa do Caribe que fica essa simpática cidade, de clima quente o ano inteiro e ritmo de vida tranquilo. Os aluguéis são baratos, e as compras no mercado podem ser econômicas, desde que se comprem os produtos locais.
O "International Living" destaca que, por ser uma cidade turística, é possível extrapolar com facilidade o orçamento de US$ 2.500 mensais em restaurantes e cafés. A estimativa de gasto, porém, fica em US$ 2.025 por mês (US$ 24.300 por ano).

Lagos (Portugal)

Getty Images/iStockphoto
Imagem: Getty Images/iStockphoto
Para quem procura viver na Europa e perto do mar, Lagos, no Algarve, região sul de Portugal, pode ser uma boa escolha. Embora faça um friozinho em alguns meses, o clima costuma ser agradável na maior parte do ano.
Por ser praticamente plana, é fácil andar e descobrir lugares a pé por lá. A cidade de 22 mil habitantes ainda oferece restaurantes bons e baratos e transporte público eficiente. O custo estimado é de US$ 2.080 por mês (US$ 24.960 por ano).

Akumal (México)

Getty Images/iStockphoto
Imagem: Getty Images/iStockphoto
Com areia fofa e mar azul-turquesa, a paradisíaca cidade de Akumal, na Riviera Maia, é um santuário de tartarugas-marinhas que atrai milhares de mergulhadores o ano todo.
Com apenas 1.310 moradores, é bastante tranquila, e a oferta de bares e restaurantes não é tão vasta. Quem quiser mais animação, porém, pode dar um pulo em Cancún, que fica a 100 km de distância, ou 1h30 de viagem de carro. Um casal pode viver confortavelmente lá com US$ 2.240 por mês (US$ 26.880 por ano).

Volcán (Panamá)

Getty Images/iStockphoto
Imagem: Getty Images/iStockphoto
Como o nome sugere, existe um vulcão próximo a essa cidade, localizada na província de Chiriquí. Mas não há motivo para pânico. Apesar de ser potencialmente ativo, sua última grande erupção foi em 1550. O solo vulcânico, no entanto, faz com que a região seja a mais fértil do Panamá e, por consequência, seja a área com maior atividade agrícola do país. A agricultura, por sinal, é a principal ocupação da população de 14 mil pessoas.
O estilo de vida é simples, com bares e restaurantes criados para atender especificamente os estrangeiros. O custo de vida para um casal é de cerca de US$ 1.500 por mês (US$ 18 mil por ano).

Medellín (Colômbia)

Getty Images/iStockphoto
Imagem: Getty Images/iStockphoto
A cidade que já foi conhecida por ser a sede de um dos maiores cartéis de drogas do mundo, chefiada por Pablo Escobar, hoje tem outra reputação.
Com muitos parques, museus, teatros, restaurantes e bares, Medellín é uma opção para quem quer se aposentar sem abrir mão das atividades culturais. Claro, aproveitar todas essas opções pode elevar os custos, mas, na média, um casal consegue viver bem com US$ 2.000 por mês (US$ 24 mil por ano).

Volterra (Itália)

Getty Images/iStockphoto
Imagem: Getty Images/iStockphoto
Localizada na ensolarada Toscana, Volterra é uma cidade histórica muito bem preservada e ficou conhecida por causa da série "Crepúsculo". Cenas do filme foram filmadas nas ruas e praças da cidade.
Mesmo com a fama, Volterra e seus cerca de 11 mil habitantes mantêm um estilo de vida tranquilo. As atrações arqueológicas, como as ruínas de uma acrópole e de um teatro romano, são o grande tesouro da cidade, bem como construções da era medieval. A Piazza dei Priori e a prefeitura foram construídas em 1208.
A culinária e os vinhos italianos são outro bom motivo para viver por lá. Com US$ 1.715 por mês (US$ 20.580 por ano), um casal consegue se instalar confortavelmente em Volterra.

Placencia (Belize)

Getty Images/iStockphoto
Imagem: Getty Images/iStockphoto
Com 25 km de praias, esse pequeno paraíso tropical já foi uma calma vila de pescadores. Hoje em dia, ela tem se destacado por ser um destino ecológico com muitas atividades ao ar livre, como pesca submarina e mergulho, e visitas a ruínas Maia.
Apesar de manter ares de vilarejo, Placencia também tem bares e restaurantes sofisticados, o que faz dela a cidade mais cara da lista. Um casal deve gastar cerca de US$ 2.500 por mês (US$ 30 mil por ano) para viver ali.

Mafra (Portugal)

Getty Images/iStockphoto
Imagem: Getty Images/iStockphoto
A cerca de 35 km de Lisboa, Mafra é conhecida pelo seu Palácio Nacional, que funciona como centro cultural e escola de música, e a Tapada de Mafra, que já foi um campo de caça de uso exclusivo da nobreza e hoje é aberto ao público.
Para quem quer um pouco mais de agitação, é possível chegar à capital portuguesa, de ônibus, em 40 minutos. E a bonita praia de Ericeira fica a 15 minutos de Mafra. O custo de vida por ali é de US$ 2.034 por mês (US$ 24.408 por ano).

Cuenca (Equador)

Getty Images/iStockphoto
Imagem: Getty Images/iStockphoto
A terceira maior cidade desse país sul-americano é reconhecida por sua bem preservada arquitetura colonial. Ela é considerada patrimônio mundial pela Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura).
Com clima moderado, boa segurança e oferta variada de atividades culturais, Cuenca é indicada para quem quer descansar, mas nem tanto. Um casal consegue morar por lá com US$ 1.680 por mês (US$ 20.160 por ano).

Pedasí (Panamá)

Getty Images
Imagem: Getty Images
O charme dessa pequena vila de pescadores na costa do lado do Pacífico são as praias, que não ficam na cidade, mas bem próximas, e estão entre as mais bonitas do país.
A vida é bem tranquila, e não há grandes serviços por ali, mas o custo de vida é baixo. Com cerca de US$ 2.000 por mês (US$ 24 mil por ano), é possível ter uma vida bastante confortável, comendo fora com frequência, viajando dentro do Panamá e até mesmo para o exterior uma vez por ano.

Phnom Penh (Camboja)

Getty Images/iStockphoto
Imagem: Getty Images/iStockphoto
É possível viver muito bem com cerca de US$ 2.000 por mês (US$ 24 mil por ano) no Sudeste Asiático em geral. Phnom Penh, capital cambojana, é a que melhor recebe estrangeiros, segundo a "International Living".
Isso inclui tanto a hospitalidade da população com os turistas e novos residentes como a pouca burocracia --o visto para aposentados custa US$ 275 por ano e pode ser pago ao chegar ao aeroporto. Além disso, o custo de vida é muito barato (uma refeição com bebida pode custar US$ 5).

Valle Central (Costa Rica)

É a principal área metropolitana do país da América Central e onde fica a capital, San José, e vilarejos locais muito charmosos.
Dois terços dos costarriquenhos vivem aqui, em boa medida por causa da infraestrutura: a região tem médicos, shoppings de luxo e bons restaurantes. Somam-se a isso atrações naturais como cachoeiras, vulcões e florestas.
Mesmo com todos esses benefícios, o custo de vida não é excessivamente alto: com US$ 2.000 por mês (US$ 24 mil por ano), um casal consegue viver confortavelmente nas cidades próximas de San José, aproveitando a tranquilidade local, mas ainda assim perto dos serviços encontrados em uma capital.

 

O que define uma aérea de baixo custo, que o Brasil tanto quer? Vinícius Casagrande 29/06/2019 04h00 Ryanair é a maior companhia aérea low cost da Europa (Divulgação) Uma das justificativas do governo para autorizar capital estrangeiro em companhias aéreas e liberar a cobrança de bagagem é a possibilidade de atrair novas empresas para operar no mercado brasileiro, especialmente as chamadas "low cost" (de baixo custo). Essas companhias, teoricamente, oferecem passagens mais baratas em troca de um serviço mais simples. O presidente Jair Bolsonaro chegou a afirmar que poderia permitir a cobrança de bagagem somente por empresas low cost. Se quisesse levar essa proposta a... - Veja mais em https://todosabordo.blogosfera.uol.com.br/2019/06/29/companhia-aerea-baixo-custo-definicao/?cmpid=copiaecola

sábado, 29 de junho de 2019

Só falta arquivarem o André

A Assessoria de Imprensa do Ministério Público do Estado do Ceará informa que o deputado estadual André Fernandes prestou depoimento na tarde desta sexta feira (28/06) na Procuradoria dos Crimes contra a Administração Pública (Procap). Como o parlamentar não apresentou indícios ou provas que confirmassem a denúncia apresentada por ele, o procedimento no MPCE foi arquivado, sem prejuízo de instauração de novo procedimento diante de fatos que assim justifiquem.


Bom dia


Morreu ontem à noite em Sobral, o advogado Luciano Arruda Coelho. Discreto, culto, inteligente, o dr.Luciano cuidou de Sobral sempre nos bastidores. Seria o que quisesse, mas preferiu organizar, treinar, ensinar, orientar, "jogar na armação". Bem humorado, era farto de carinho com os amigos e muito amigo dos filhos a quem criou com sabedoria, proteção, desvelo, atenção e especialmente com saudável sentimento de educação e respeito aos valores sociais e humanos que nortearam a sí próprio. Generoso, Luciano dividiu  a vida cidadã com sua habilidade de cultuar amizades e distribuir o que aprendeu na escola e enquanto viu e apreciou de sua eficaz vivência. Que esteja em paz o querido amigo e seus exemplos se perpetuem nos filhos, netos e parceiros que plantou.
Partiu pra junto da saudosa companheira Maria do Carmo, cúmplice e parceira para a eternidade.

sexta-feira, 28 de junho de 2019

A minha selfie predileta.


Só para pessoas iniciadas em fortes emoções.

Será que estamos nessa?

Dezenove praias e marinas do Brasil podem receber certificação internacional
Júri nacional do Programa Bandeira Azul, símbolo de sustentabilidade, analisou candidaturas apresentadas para temporada de verão 2019/2020
Em reunião realizada nesta quinta-feira (27), no Ministério do Turismo, em Brasília, os integrantes do júri nacional do Programa Bandeira Azul recomendaram a certificação internacional de 13 praias e seis marinas que atenderam aos pré-requisitos do projeto. Além de atestar a qualidade da água com exames periódicos de balneabilidade, infraestrutura, segurança e acessibilidade, as candidaturas apresentaram uma série de compromissos das comunidades com o meio ambiente e a sustentabilidade dos destinos turísticos durante a temporada 2019/2020.
A coordenadora-geral de Sustentabilidade e Turismo Responsável do Ministério do Turismo, Gabrielle Andrade, que integra o júri, comemorou a ampliação do programa para além do Sul e Sudeste, onde se concentra a maior parte das praias e marinas certificadas desde 2005. Na temporada passada, 15 indicações foram aprovadas em todo o Brasil. “A ampliação do número de candidaturas ao júri internacional é muito importante e demonstra o interesse dos gestores municipais em qualificar a oferta de praias como atrativos turísticos diferenciados e pautadas pelo turismo sustentável”, afirmou.
Os nomes das 13 praias e seis marinas só vão ser divulgados em outubro, após a apreciação do júri internacional, que vai se reunir em Copenhague, na Dinamarca, no mês de setembro. Os destinos brasileiros que forem contemplados com a certificação poderão hastear a Bandeira Azul já em 1º de novembro, podendo usufruir da certificação durante toda a temporada de verão. Alguns destinos, principalmente do Nordeste onde o sol brilha o ano inteiro, pleitearam a certificação anual. As marinas contempladas pelo programa também hasteiam a bandeira o ano todo.
O turismo de lazer, incluindo as praias, é a principal motivação dos turistas estrangeiros que visitam o Brasil. A coordenadora do programa, Leana Bernardi, do Instituto Ambientes em Rede, de Santa Catarina, lembrou que a certificação Bandeira Azul já está presente em 45 países e qualifica esse espaço também na costa brasileira. “Para o turista europeu, a Bandeira Azul é um grande diferencial. Quando o turista brasileiro conhecer mais a importância de uma praia com a certificação será um ponto cada vez mais significativo para o turismo doméstico”, disse.
Além do Ministério do Turismo, integram o júri do programa no Brasil os ministérios da Educação e do Meio Ambiente, a Secretaria do Patrimônio da União, a Associação Náutica Brasileira, a Agência Brasileira de Gerenciamento Costeiro, a Fundação SOS Mata Atlântica e a Sociedade Brasileira de Salvamento Aquático.
O PROGRAMA – A Bandeira Azul incentiva autoridades locais, gestores de praia, de marinas e operadores de barcos de turismo sustentável a buscarem padrões elevados de gestão em seis categorias: qualidade da água, gestão ambiental, educação e informação ambiental, segurança e serviços, responsabilidade social e operações responsáveis em torno da vida selvagem.

Desenvolvimento regional na casa do povo

Comissão Especial define cronograma de atividades


Em sua 4ª Reunião Ordinária, a Comissão Especial de Desenvolvimento Regional das Regiões de Planejamento do Estado do Ceará da Assembleia Legislativa (AL) aprovou a proposta de plano de trabalho e definiu o cronograma das atividades até abril de 2020. O evento aconteceu na manhã desta quinta-feira (27/06), no Complexo das Comissões na AL.

Das quatro etapas a serem percorridas, a primeira, que é o diagnóstico, já está sendo realizada com o mapeamento dos dados, pesquisas e estudos sobre as 14 regiões de planejamento e com prospecção sobre a legislação vigente.

Os próximos passos estão relacionados ao diagnóstico de campo (etapa 2), com audiências públicas regionais e sistematização das informações coletadas que devem acontecer até dezembro deste ano.

A elaboração de relatório conclusivo e de marco regulatório regional (etapa 3), será nos meses de fevereiro e março de 2020 e, em abril, a divulgação para a sociedade e entrega do documento ao Governo de Estado (etapa 4), durante seminário de encerramento.

"O planejamento é uma ferramenta inteligente para servir melhor a população e que faz economizar recurso público. O objetivo dessa comissão é contribuir com o desenvolvimento do Ceará de forma planejada", destaca o deputado Salmito, presidente do colegiado. Segundo ele, esse cronograma vai levar à construção de um conjunto de propostas de ação para os poderes Executivo, Legislativo e Judiciário.

Estiveram presentes na reunião os deputados Leonardo Pinheiro (PP), vice-presidente; Sérgio Aguiar (PDT); Audic Mota (PSB); Nelinho (PSDB) e Nizo Costa (PSB).

Pense num freio de arrumação




Assembleia aprova aposentadoria especial para conselheiros do extinto TCM. Heitor ameaça provocar uma ADI
Conselheiro Manoel Veras, em roda de deputados estaduais no plenário da Assembleia Legislativa cearense, hoje, antes da votação da emenda constitucional.
Foi aprovada nesta quinta-feira (27), a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) nº 09/19, de autoria do deputado Osmar Baquit (PDT), que concede o direito à aposentadoria dos conselheiros em disponibilidade do extinto Tribunal de Contas do Município (TCM). Único dos presentes a votar contrário à emenda, o deputado estadual Heitor Férrer (SD) informou que dará entrada em representação na Procuradoria-Geral da República, através do núcleo do Ceará, para que seja promovida uma Ação Direta de Inconstitucionalidade no STF contra a decisão.
O conselheiro do extinto TCM, Manoel Veras, passou a manhã de hoje na Assembleia, até a votação da proposta de emenda constitucional. Ele diz que não tem interesse na aposentadoria, pois espera ainda ser convocado para uma das vagas no Tribunal de Contas do Estado (TCE). Ademais, ele hoje tem 63 anos e de acordo com a Constituição Federal a idade mínima seria de 65 anos, com proventos proporcionais ao tempo de serviço.
Manoel Veras pretende utilizar a parte da emenda constitucional que desobriga os conselheiros em disponibilidade das limitações impostas pela Constituição, as mesmas determinadas para os magistrados. O outro conselheiro em disponibilidade com interesse da emenda constitucional aprovada é Domingos Filho. Ele também tem menos de 65 anos e é o único que ainda não tem os cinco anos no exercício do cargo de conselheiro exigido para a aposentadoria, além do tempo de serviço. Domingos já está liberado das amarras do cargo por conta de uma decisão do ministro Luiz Roberto Barroso, no exercício do cargo no Tribunal Superior Eleitoral, que lhe garantiu o direito de ser candidato a cargo eletivo.
Os demais conselheiros: Marcelo Feitosa e Pedro Ângelo, já atendem a todos os requisitos para uma aposentadoria normal. Chico Aguiar, um outro conselheiro do extinto TCM que foi para disponibilidade, aposentou-se recentemente. Hélio Parente, o outro que havia ficado em disponibilidade, renunciou ao cargo de conselheiro para assumir um cargo no primeiro Governo Camilo Santana. Este, segundo alguns deputados, espera reaver o cargo que ele renunciou, aproveitando a emenda constitucional hoje aprovada.
Segundo o deputado Heitor Férrer, a emenda fere o artigo 40 da Constituição Federal, que estabelece que o servidor que pretende pleitear o benefício da aposentadoria voluntária deverá ter o tempo mínimo de 10 anos de serviço público e de cinco anos no cargo em que se dará a aposentadoria, desde que tenha no mínimo 65 anos de idade. O texto da PEC afirma que, no caso dos conselheiros em disponibilidade do antigo TCM, não serão exigidos os requisitos estabelecidos na carta magna nacional.
“É um erro querer aposentar conselheiros em disponibilidade que ainda não têm idade para tal e fazer um favor constitucional, fazendo gracinha com a Constituição do Ceará e afrontando a Constituição Brasileira. Não somos uma república, somos um estado federado. Não podemos passar por cima do que a Constituição Federal exige. Isso é brincadeira”, afirmou.
Autor da emenda, Baquit afirmou que a medida gera uma economia aos cofres do estado.
A foto é do blog do Edison Silva.

Pesquisa turistica

MTur inicia projeto piloto de pesquisa sobre demanda turística nacional
Parceria com IBGE vai dimensionar e caracterizar o mercado de Viagens, além de qualificar as informações sobre turismo no Brasil
Uma parceria do Ministério do Turismo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) possibilitará que os questionários aplicados pelos agentes da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNAD contínua), a partir das próximas visitas domiciliares, tenham informações coletadas sobre turismo no país.
O acordo vai permitir a inclusão de até 48 perguntas sobre o setor de Viagens nos questionários. Desde sua implantação definitiva, em 2012, a pesquisa vem ampliando, de forma gradual, os indicadores investigados e divulgados pelo IBGE. Para o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, a cooperação trará ganhos imprescindíveis para mensurar o alcance e os resultados das políticas públicas implementadas pelo Ministério no âmbito nacional.
“Precisamos monitorar o comportamento do setor turístico brasileiro e ver se as ações chegam na ponta. Os últimos resultados das pesquisas já realizadas pelo MTur demonstraram uma perspectiva otimista e de que estamos no caminho certo. O turismo no centro da agenda estratégica do Brasil proporciona isso. Vivemos um momento único, que oferece uma excelente oportunidade ao nosso país”, ressalta o ministro.
A quantidade de perguntas sobre turismo vai variar de acordo com o número de viagens realizadas pelos integrantes do domicílio pesquisado, explicou Marcelo Maia, coordenador da PNAD Contínua no Distrito Federal, durante treinamento dos 50 agentes de pesquisa do IBGE, realizado na sede do MTur, em Brasília, nesta quinta-feira (27). A ação vem sendo realizada em todos os estados do país. A pesquisa vai abranger periodicamente 211 mil domicílios das 27 Unidades da Federação (UFs). Cerca de 2 mil agentes de pesquisa participam da PNAD Contínua.
Durante o treinamento, o subsecretário de Inovação e Gestão do Conhecimento (SIG) do Ministério do Turismo, Marcelo Garcia, afirmou que as viagens domésticas respondem por cerca de 95% do setor de Viagens no Brasil e que a PNAD Contínua vai possibilitar a qualificação dos dados sobre a atividade turística brasileira. “A pesquisa vai gerar informações detalhadas sobre essa demanda e orientar melhor as políticas públicas de desenvolvimento social e econômico do turismo”, afirmou.
A PESQUISA - A PNAD Contínua foi implantada, experimentalmente, em outubro de 2011 e, a partir de janeiro de 2012, em caráter definitivo, em todo o território nacional. A amostra foi planejada de modo a produzir resultados para o Brasil, grandes regiões, Unidades da Federação, capitais e regiões metropolitanas.

Drogas, hoje as duas da tarde, na Camara

Legislativo Municipal promove debate sobre prevenção e enfrentamento às drogas

Dentro da Semana Nacional de Prevenção e Enfrentamento às Drogas, a Câmara Municipal de Fortaleza promove o debate “Dialogando Sobre Vidas”, que visa discutir a conscientização da sociedade na luta contra o vício. A iniciativa do debate é do presidente da Casa, vereador Antônio Henrique (PDT).
O evento contará com a participação especial dos palestrantes Nelson Massambani, integrante do Conselho Interinstitucional de Políticas Públicas sobre Drogas do Ceará e responsável pelo CR (Celebrando a Restauração da IBC – Igreja Batista Central), e Ricardo Marques, biólogo e professor universitário de Psicopatologia e Nerobiologia dos Transtornos Emocionais.
Segundo dados apresentado pela Pesquisa Nacional de Saúde do Escolar (PeNSE) 2015, cerca de 2,6 milhões de estudantes que cursavam o 9º ano do ensino fundamental em 2015, 55,5% (1,5 milhão) já havia consumido uma dose de bebida alcoólica alguma vez. A proporção dos que já experimentaram drogas ilícitas subiu de 7,3% (230,2 mil). Os dados
mostram como as drogas estão cada vez mais presente no meio de nossa juventude.


SERVIÇO
Debate “Dialogando Sobre Vidas”
Local: Auditório da Câmara Municipal de Fortaleza
Data: 28 de Junho
Horário: 14h às 17h
ABERTO AO PÚBLICO

Enquanto isso, em Tauá...




RETOMADA POR INICIATIVA DE AUDIC, ESCOLA ESTADUAL É INAUGURADA EM MARRECAS, TAUÁ

O deputado Audic Mota (PSB) comemorou com população da Vila de Marrecas, em Tauá, a inauguração da Escola Estadual de Ensino Médio Raimundo Adjacir Cidrão de Oliveira.  Com a presença do governador Camilo Santana, o equipamento foi entregue em solenidade realizada na tarde desta quinta-feira, 27.

A obra foi retomada em 2017, por interveniência do parlamentar junto ao governador, que se comprometeu, ainda em maio daquele ano, a continuar os serviços executados em Marrecas e na similar unidade em construção no Distrito de Marruás.

A escola recebeu aporte financeiro de R$ 6,3 milhões, oriundos dos governos Estadual e Federal. Construção, mobília e equipagem do novo espaço, resultaram em seis salas de aula, com capacidade para atender até 270 estudantes, em cada um dos três turnos.

São dois laboratórios de informática, quatro de ciências (física, química, biologia e matemática), quadra coberta, anfiteatro e dependências administrativas.

Agora, os jovens do Distrito poderão ter acesso à educação em um mesmo equipamento. Antes, o ensino era oferecido em dois prédios cedidos pelo município, que ficavam a 12 quilômetros de distância um do outro.

Coluna do blog


Educação de Sobral nos EEUU
A política educacional de Sobral foi destaque durante o Encontro da Unidade de Educação do Banco Mundial, realizado em Washington, D.C, nos Estados Unidos, neste mês de junho. O evento reuniu executivos do banco atuantes nos países da América Latina e Caribe e teve como palestrante principal a diretora da Escola Gerardo Rodrigues, Ana Cristina da Costa, que apresentou a rede municipal de ensino de Sobral e compartilhou suas práticas como gestora escolar.“Foi uma experiência incrível de muito aprendizado e uma grande oportunidade de reconhecimento profissional. Todos no evento ficaram maravilhados com o trabalho sério, comprometido e de qualidade que nossa rede municipal de ensino oferece aos nossos alunos. A experiência de educação de Sobral já é referência internacional e agora todos da América Latina e Caribe, representados no evento, levarão aos seus países o exemplo da educação de Sobral”, disse Ana Cristina, ex-diretora da Escola Antônio Custódio de Azevedo, maior Ideb de Sobral (9,8) e segundo maior Ideb do Brasil. A Unidade da América Latina e Caribe trabalha estreitamente com os Ministérios da Educação em diversos países da América Latina com o objetivo de ampliar a efetividade do trabalho dos diretores escolares. O trabalho do Banco Mundial baseia-se em intervenções que provaram sua efetividade - normalmente por meio de avaliações de impacto - que resultam em informações e financiamento para políticas educacionais em países em desenvolvimento.

A frase: “Uma desculpa não pedida é uma confissão antecipada”. Padre José Palhano de Saboia.


Intolerancia(Nota da foto)
O Prefeito de Jijoca, Lindemberg Martins, não gostou por não ser escolhido pelo jornalista Carlos Alberto,da revista EleseElas-Municíios,entre os 30  melhores de 2018 e proibiu que as festividades da escolha fossem realizadas na cidade,instruindo a Câmara para que não cedessem seus espaços.Foi tachado de ditador ciumento prejudicando a cidade, abandonada e vazia.

Não juntem
Pode sair faísca se juntarem à mesma mesa o Secretário de Saúde do Ceará e alguns deputados estaduais, vários médicos, colegas lá dele. Não seria bom pro Secretário.

Licença
O deputado Fernando Hugo poderá esticar sua licença saúde por mais alguns meses. Em tratamento para uma cirurgia bariátrica, seus médicos acham que ele tem que demorar mais fora da Assembléia.

Jasiel dodói
O deputado federal Pastor Jasiel andou tomando um susto com o coração batendo fora de compasso. Jasiel botou uns stends e está quase bom diz a deputada Dra.Silvana,sua mulher.

Inauguração
Camilo Santana era recebido com festa ontem no distrito de Marrecas,no Tauá. Inaugurava a escola  estadual de ensino médio Adjacir Sidrão,pedida por Audic Mota.

Pró taxis
O vereador Idalmir Feitosa (PR) foi à tribuna da Câmara de Fortaleza, para falar sobre a regulamentação do trabalho dos taxistas intermunicipais.

Pelo fretamento intermunicipal
O vereador apóia a causa que busca do Governo do Estado a aprovação do Projeto de Lei que permite fretamento de táxi para transporte intermunicipal.

Incluindo fora
Juízes federais pedem exclusão de Moro de associação da categoria. Grupo de 30 juízes entende que mensagens vazadas mostram condutas 'contrárias aos princípios éticos e às regras jurídicas'.

Béisso?
Osmar Baquit foi ao meio fio e desconfiou dos pedidos de desculpas de Sérgio Moro por não dizer o que disseram que ele disse. –Causou-me espécie, disse Baquit.





Bom dia

Resultado de imagem para trabalhos de umbanda

Tem uma coisa errada aí no Brasil. Se voce botar num surrão a ruma de coisa que anda acontecendo, de norte a sul, de leste a oeste, só pode ser olho gordo e o paús ta precisando de uma benzedeira. E tem que sr reza forte, da braba, que tenha banho de alimpada, pião roxo, espada de São Jorge, dentede dragão e confirmação dos trabalhos com muita marafa. Espie só, num relato curto, os ultimos fatos notáveis, isto é, que chamam nossa atenção.
O presidente viaja e de cara arruma um arranca rabo de reclamação com a alemão Merkel e com o francês Macron. No mesmo episódio, no avião reserva, um sargento comissário é preso com uns quilinhos de cocaína. Pior é que vai ter que explicar como fez pra quem fez, com quem fez essa arrumação. Não pode malinar com o avião do chefe e com o chefe nas cercanias.
Ainda no episódio a frase do Miinistro lá, foi de um mal estar estomacal: ...foi falta de sorte...e etc e coisa e tal. Pula essa...
Ta pensando que acaba ai? Ofilha da Gretchen emprenhou a esposa. Nada contra, muito pelo contrário que sou defensor dos iguais entre sí e suas relaçoes, mas até mulher emprenhar mulher, causou espécie e este humilde ser humano que nunca viu nada igual.
O Brasil foi a campo. Enfrentou o Paraguay. Levou de zero a zero, sofrido pra cacete no tempo normal. Acabou nos penaltis.Ganhou de um porque o time lá deles perdeu um e o goleiro pegou outro. E olhe que ainda botamos um pra fora. E o Paraguay teve gente expulsa de campo por má conduta etime que tem ma conduta não pode continuar vencendo.
Quer mais? O Jair vai encontrar hoje com o Trump. Esse cara não é companhia nem de dar conselho que preste a ninguém.Se Jair ouvir Trump nalguma coisa, vai chegar em casa atirando em nordestino porque subiu a auto estima e baixou sua nota no Ibope. É um perigo alguém se encontrar com Trump e não sair pior do que aquilo que entrou. Falar nisso, na Argentina prenderam, ou apreenderam um arsenal que deveria chegar ao Brsil pra enriquecer os meninos nas bocas e no facções. Isso é prejuizo pros meninos. Olhe, eu sei que voce tem é mais o que fazer, então, prepare uma escova de dentes, um pano de troca, pegue um busão e vá pra praia, pra serra, pro sertão, seja lá pra onde for, mas leve uma vela branca e um ramo de arruda, que a coisa tá é feia.

quinta-feira, 27 de junho de 2019

IATA

Esforço coordenado para colocar o 737 MAX em operação novamente e com segurança 27 de junho de 2019 (Montreal) - A Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA - International Air Transport Association) pediu que as autoridades de segurança da aviação continuem seus esforços para atender aos requisitos de validação técnica e aos prazos para a colocar as aeronaves Boeing 737 MAX novamente em operação. O anúncio foi feito na conclusão da segunda Cúpula Boeing 737 MAX, organizada pela IATA.
"As tragédias com o Boeing 737 MAX pesam fortemente neste setor que considera a segurança sua principal prioridade. Confiamos na Federal Aviation Administration (FAA), em sua função de órgão regulador da aviação civil, para garantir o retorno seguro da aeronave. E respeitamos a decisão independente dos órgãos reguladores do mundo todo sobre as recomendações da FAA ", disse Alexandre de Juniac, Diretor Geral e CEO da IATA.
"Ao mesmo tempo, a aviação é um sistema globalmente integrado que se baseia em padrões globais, incluindo reconhecimento mútuo, confiança e reciprocidade entre os órgãos reguladores de segurança. Esta estrutura harmonizada tem funcionado com sucesso há décadas, ajudando a tornar o transporte aéreo a forma mais segura de viagens de longa distância. A aviação não pode funcionar de forma eficiente sem esse esforço coordenado, que é necessário para restaurar a confiança do público", disse Alexandre de Juniac.
A IATA reiterou a necessidade de atender a requisitos adicionais de treinamento para a tripulação do Boeing 737 MAX.
Representantes de mais de 40 companhias aéreas, autoridades de órgãos reguladores de segurança, fabricantes de equipamentos originais, organizações de treinamento, associações relacionadas à aviação e locadores de aeronaves participaram da segunda Cúpula Boeing 737 MAX em Montreal, em 26 de junho de 2019.

Mega Sena

Resultado Concurso 2163 (26/06/2019)

Acumulou!

Sorteio realizado ESPAÇO LOTERIAS CAIXA em SÃO PAULO, SP

08 18 20 24 36 45

Mulheres na Engenharia

Centro de Tecnologia promove nesta sexta-feira (28) Dia Internacional das Mulheres na Engenharia

O Centro de Tecnologia da Universidade Federal do Ceará promove nesta sexta-feira (28) a terceira edição, naquela unidade acadêmica, do Dia Internacional das Mulheres na Engenharia (DIME). A ação ocorrerá no Auditório Cândido Pamplona, Bloco 712 (Campus do Pici Prof. Prisco Bezerra), sendo aberta ao público. A programação discutirá os obstáculos na formação e na carreira das engenheiras.

O evento tem início às 14h, com performance do grupo Verso de Boca, do Departamento de Literatura da UFC. Logo em seguida serão apresentados os resultados da pesquisa sobre assédio no CT, cujo público-alvo foram alunas, servidoras docentes e técnico-administrativas e terceirizadas. O trabalho foi conduzido pelos estudantes da disciplina Tecnologia e Sociedade, ministrada pelo professor Carlos Estevão Fernandes, do Departamento de Integração Acadêmica e Tecnológica do CT.

A programação segue com a mesa-redonda "Assédio na formação e na atuação profissional de mulheres na Engenharia", com as participações da advogada e vice-presidente da Comissão da Mulher na OAB, Raquel Andrade; da engenheira química Eveline Cunha Lima; da professora do Departamento de Engenharia de Teleinformática da UFC, Michela Mulas; do professor do Curso de publicidade da UFC, Gustavo Pinheiro; e do vice-reitor da UFC, Prof. Custódio Almeida, que atuará como moderador.

O evento ainda irá contar com homenagens a mulheres de destaque na engenharia cearense e com a exposição fotográfica Face a Face, que conta com retratos em preto e branco de 20 mulheres (entre alunas, professoras, servidoras e funcionárias terceirizadas) que fazem parte do Centro de Tecnologia. A autoria é do fotógrafo Emílio Thalles, assessor na Fundação ASTEF.

O encerramento será feito com apresentação da Banda Sinfônica da UFC e do grupo Lay Maia e os Astecas. Mais informações estão disponíveis nas páginas do evento nas redes sociais Facebook (https://www.facebook.com/mulheresnaengenhariaufc/) e Instagram (https://www.instagram.com/dimeufc/).

Capa do jornal OEstadoCe


Plano de trabalho

Comissão Especial define plano de trabalho


A Comissão Especial de Desenvolvimento das Regiões de Planejamento do Estado da Assembleia Legislativa do Ceará (AL) terá sua reunião semanal para definir o plano de trabalho do colegiado. O encontro será hoje, quinta-feira (27/06), às 8h, no Complexo das Comissões.


Nas suas primeiras sessões, a Comissão Especial contou com a participação de técnicos do IPECE, do projeto Ceará 2050 e, ainda, realizou visita à Federação das Indústrias do Estado do Ceará (Fiec) para conhecer o Observatório da Indústria.

“Temos buscado dialogar com diversos segmentos da sociedade paraa construção de agenda propositiva em relação às regiões cearenses, buscando fundamentações técnicas para construir oplano estratégico do colegiado”, destaca o presidente da Comissão, deputado Salmito (PDT).

A comissão é composta ainda pelos deputados Leonardo (Pinheiro-PP), eleito vice-presidente; Guilherme Landim (PDT); Romeu Aldigueri (PDT); Fernando Santana (PT); Sérgio Aguiar (PDT); Audic Mota (PSB); e Carlos Felipe (PCdoB).

Banheiro entupido? Só pra idiotas!

Foi dito que um avião da Azul, que passava por Fortaleza para Portugal, retornou ao Ceará em razão de um banheiro entupido. Isso não existe. Um A330 tem pelo menos doze banheiros e não seria um que faria um voo voltar pra ter o lindo banheiro desentupido. Registrado no site flightradar24.com o trajeto do avião chegou aos que o acessam, como este blog que costuma aconpanhar voos pelo mundo inteiro. Há um outro problema no avião que, segundo consta, só decolaria de Fortaleza muitas horas depois. Que a Azul explique a atitude da tripulação e assim o usuário ficará em paz.
Aliás, outro dia, a trabalho fui a Paris. A meio caminho, no que se chama "no través" de Cabo Verde, o avião foi desviado para Dakar, na África. Só lá soubemos que havia um senhor em situação crítica de saúe a bordo. EmDacar ele e a esposa foram esembarcados e cuidados pelas autoridaes africanas. E nosso voo seguiu viagem depois de reabastecido.  Faz parte de quem vive.

Papo cabeça

“Vejo com grande preocupação a atuação do novo presidente brasileiro (...) Vejo como dramático o que está acontecendo no Brasil.” A frase é parte da fala da chanceler Angela Merkel no Parlamento Alemão, feita antes de seu embarque para o Japão, onde participará da reunião do G20. 
Merkel disse que o acordo comercial entre a Europa e o Mercosul deve ser assinado apesar de suas preocupações, porque envolve outros países do bloco e porque não fechar o acordo não mudaria a situação: “não acho que não levar adiante um acordo com o Mercosul fará com que um hectare a menos de floresta seja derrubado no Brasil.” 
Ao final, Merkel assumiu um compromisso: “Eu vou fazer o possível, dentro das minhas forças, para o que acontece hoje no Brasil não aconteça mais.”
Vale acompanhar a fala que a Deutsche Welle postou no Twitter e ler as matérias da rede alemã e do El País. Jamil Chade fez uma nota a respeito na UOL.

Protesto na Holanda

Um dos símbolos mais fotografados de Amsterdã nos últimos tempos era o letreiro gigante 'I amsterdam' colocado em frente ao Rijksmuseum. Depois de 14 anos, o governo decidiu retirar o letreiro. Recentemente o Greenpeace obteve a autorização para colocar outro letreiro, no mesmo estilo e local, com as palavras “I amazonia”. Jamil Chade conta no UOL que o novo letreiro virou uma mensagem de protesto contra o retrocesso da política ambiental do governo Bolsonaro.

Fogo na mata


A contar da invasão portuguesa, a.k.a. descobrimento, a Floresta Amazônica perdeu uma área de quase 800 mil km2. Se fosse um estado, a área do bioma já desmatada seria o 4º maior do país, menor apenas que Amazonas, Pará e Mato Grosso. Esta área corresponde a 20% da área original da floresta. Os números foram compilados por Maurício Tuffani, no Direto da Ciência, após o INPE ter anunciado que, entre agosto de 2017 e julho de 2018, foram desmatados mais de 7.500 km2, um pouco menos que o valor prévio anunciado no ano passado.
O site Amazônia Real postou um vídeo para quem quiser conhecer uma das atividades responsáveis pelo desmatamento. 
Em tempo: a Noruega anunciou que investirá anualmente quase US$ 350 milhões durante os próximos dez anos para salvar as florestas tropicais e melhorar a qualidade de vida de quem nelas habita. Uma parte dos recursos, US$ 53 milhões, pagará por imagens de satélite que ajudem a monitorar o sucesso do restante do investimento. O Ministro do Clima e Meio Ambiente da Noruega, Ola Elvestuen, declarou à Reuters que “a perda catastrófica que vemos hoje simplesmente não pode continuar. O objetivo é nos dar uma melhor visão do que está acontecendo nas florestas e melhorar nossa habilidade em salvá-las.”

Agora


Devido a circunstâncias imprevistas, o "Anúncio de investimento em áreas de proteção ambiental da Capital e entorno", que ocorreria na manhã desta quarta-feira (27/6), às 9h, no Palácio da Abolição, está cancelado.

Meio ambiente


Governo do Ceará anuncia investimentos em áreas de proteção ambiental de Fortaleza

Nesta quinta-feira, dia 27, às 9h, no Palácio da Abolição, o Governo do Ceará anuncia investimentos em áreas de proteção ambiental de Fortaleza e entorno. A ação faz parte do programa Juntos por Fortaleza e reúne esforços da Prefeitura e do Governo do Ceará em prol da implantação de melhorias nos espaços públicos da Capital. Na ocasião será assinada ordem de serviço para construção de areninhas, brinquedopraças, urbanização e reformas em pólos de lazer de bairros como Aerolândia, São João do Tauape, Cajazeiras, Conjunto Palmeiras, Acaracuzinho, Canidezinho, São Miguel, Curió, entre vários outros bairros no entorno do Parque do Cocó e do Maranguapinho.
Juntos por Fortaleza
O programa Juntos por Fortaleza, envolve cerca de 40 ações integradas entre Estado e Município. É uma iniciativa voltada para atender diversas áreas e terá uma atenção especial às obras de infraestrutura.
Serviço
Anúncio de investimento em áreas de proteção ambiental da Capital e entorno
Data: 27 de junho de 2019 (quinta-feira)
Hora: 9h
Local: Palácio da Abolição
Endereço: Av. Barão de Studart, 505 (entrada pela Rua Silva Paulet, 400)

Quase auto ajuda

Insulina inalável pode ajudar tratamento do diabetes

A recente liberação da insulina inalável (3/6) marca a passagem do Dia Nacional do Diabetes nesta quarta-feira (26). O medicamento, autorizado para venda e consumo pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária em oito formas de apresentação ainda precisa ser importado dos Estados Unidos.
Para o médico e pesquisador Freddy Goldberg Eliaschewitz, a disponibilidade do medicamento pode ajudar o tratamento da doença no Brasil, pois é mais confortável do que a aplicação da insulina por injeção e o manejo é mais eficiente. A Insulina inalável começa a funcionar em 10 minutos no organismo e o efeito dura até 90 minutos.
A insulina injetável pode demorar até 60 minutos começar a fazer efeito e permanece ativa por até cinco horas no organismo.
Arquivo/Agência Brasil
“Por um lado, se o paciente aplica a insulina injetável antes do almoço e o medicamento demora a agir, o nível de açúcar sobe muito no início da refeição. Muitas vezes, a comida foi ingerida, mas a insulina nem começou a agir. Por outro lado, se o efeito da insulina demora a passar, o paciente pode sofrer uma queda de açúcar mais adiante. A absorção dos alimentos já terminou, mas a insulina continua agindo”, explica Eliaschewitz que é médico Hospital Israelita Albert Einstein, e diretor clinico do Centro de Pesquisas Clinicas, que desde 2014 trabalhou nos testes para o desenvolvimento da nova droga.
O diabetes é considerado uma doença crônica onde o pâncreas não produz insulina suficiente ou quando o organismo do paciente não consegue utilizá-la.  A insulina é o hormônio que regula a glicose no sangue.
Fora de controle
Eliaschewitz descreve que já há cerca de 15 milhões de pessoas com diabetes no Brasil, mas 90% dos pacientes com o tipo 1 e 73% dos que sofrem com o tipo 2 “não têm controle sobre a doença”. Ele contabiliza que “metade dos pacientes não controlam a doença por falta de conhecimento do diagnóstico. Entre os que sabem do diabetes, metade não vai com regularidade ao médico. E mesmo os que vão, mais da metade não toma os devidos cuidados”.
Segundo o Ministério da Saúde , o diabetes do tipo 1, geralmente, surge na infância ou adolescência. “A causa desse tipo de diabetes ainda é desconhecida (…) Sabe-se que, via de regra, é uma doença crônica não transmissível genética, ou seja, é hereditária, que concentra entre 5% e 10% do total de diabéticos no Brasil”.
O diabetes do tipo 2 é mais frequente em adultos, está diretamente relacionado ao sobrepeso, ao sedentarismo e à má alimentação. “Ocorre quando o corpo não aproveita adequadamente a insulina produzida”, explica o Ministério da Saúde.
Para Freddy Eliaschewitz, o Brasil vive uma “pandemia de diabete do tipo 2 a reboque da pandemia de obesidade”. Segundo ele, o país poderá viver no futuro uma pandemia das complicações causadas pela doença, “que são penosas e custosas de tratar”, como a glaucoma, problema nos rins e disfunção erétil.

Capa do jornal OEstadoCe