terça-feira, 30 de abril de 2019

O dia da caatinga


Ante ontem, 28 de abril, foi Dia Nacional da Caatinga, um dos biomas menos protegidos do país. Somente 8,8% de sua área total de 850 mil km2 são protegidas, das quais menos de ¼ na forma de áreas de proteção integral. O bioma ocupa parte dos estados das Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Norte, Piauí, Sergipe e do norte de Minas Gerais. Quase metade da vegetação nativa original foi suprimida dando lugar a lavouras. A ameaça maior é a desertificação que implica perda definitiva do patrimônio genético e ecológico do bioma. Segundo matéria do Letras Ambientais, “nessas áreas em processo de desertificação, tornou-se irreversível qualquer iniciativa de conservação da Caatinga ou inviáveis economicamente as tentativas de recuperação da sua vegetação.” O post traz muitos dados sobre a região e recomenda a leitura do livro “Um século de secas”.Ante

Vida nova no Icó

CONJUNTOS E ALTOS SERÃO CALÇADOS EM ICÓ

A imagem pode conter: 1 pessoa, sorrindo, sentado e área interna


A prefeitura municipal de Icó agendou para terça-feira(30), às 18h, a Assinatura da Ordem de Serviço para o início imediato das obras de “calçamento” do Conjunto José Walfrido Monteiro; Conjunto Uberlândia e do Bairro dos Altos.

“É um investimento muito grande e que por décadas era reclamado pelos moradores dos Conjuntos José Walfrido, Uberlândia e principalmente dos Altos esses calçamentos. A prefeita Laís Nunes tem como meta urbanizar todos os bairros e ruas de Icó. Ainda temos na sede urbana algumas ruas sem pavimentação. Estamos trabalhando e elaborando muitos projetos para atender  as demandas”, explicou o secretário Gustavo Nogueira.  

O evento de assinatura da Ordem de Serviço ocorrerá no Conjunto José Walfrido Monteiro, às 18h, com a presença da prefeita Laís Nunes, vice-prefeito Dr. Quilon Peixoto, vereadores, autoridades municipais e da população icoense.  

O investimento é em torno de r$ 4 milhões de reais.

Prestando contas

Deputado Salmito acompanha a obra de areninha no Conjunto Ceará*
Em breve, a comunidade do Conjunto Ceará terá sua areninha. O deputado estadual Salmito (PDT) esteve no local para acompanhar a obra, com o ex-vereador Eulógio Neto, na tarde desta segunda-feira, 29/04.

"Estou aqui prestando contas à população do Conjunto Ceará e, na oportunidade, agradeço ao governador Camilo Santana e ao prefeito Roberto Cláudio pelo atendimento à nossa demanda. A iniciativa é muito importante para que a comunidade local tenha lazer, esporte e saúde", ressaltou o parlamentar.

As contas da ACI


Com casa cheia, Diretoria da ACI presta contas da gestão no mandato 2016/2019

Uma manhã de sábado marcada pela prestação de contas da gestão 2016/2019, em meio a relatos de fatos históricos que permeiam a trajetória da Associação Cearense de Imprensa (ACI). Foi neste clima que, no último dia 27 de abril, diretores e sócios da entidade estiveram reunidos, numa atividade que encheu as dependências do quarto andar da Casa do Jornalista. Neste encontro de gerações e histórias de vida distintas, os integrantes da ACI reafirmaram seus compromissos com os profissionais de imprensa e expuseram suas expectativas para o futuro.

No encontro, o presidente da ACI Salomão de Castro e os diretores Wilame Moura, Sylvia Helena Braun, Gutemberg Figueiredo, Flávio Vasconcelos, Nilton Almeida, Arleni Portelada, Emília Augusta Bedê, Telma Costa, Gilson Moreira e Vicente Alencar puderam expor aos sócios o balanço de atividades da gestão ao longo destes três anos.

O balanço foi focado em ações desenvolvidas pela Presidência da ACI, Tesouraria e as diretorias de Patrimônio, de Biblioteca e Hemeroteca e de Atividades Sociais e Culturais, permitindo aos diretores expor as ações realizadas e ainda esclarecer a questionamentos dos sócios. Também foi feito um relato acerca da reforma do Estatuto Social da Associação, feita ao longo de um ano pela atual diretoria, com distribuição da versão impressa do documento aos presentes.

Durante o evento, no entanto, sócios da entidade como o ex-senador Mauro Benevides, o ex-deputado estadual Filinto Elísio, a ex-presidente Adísia Sá e o engenheiro e ex-diretor do DNOCS Cássio Borges, dentre outros, fizeram relatos sobre o cotidiano da ACI ao longo da sua existência, que completará 94 anos em julho deste ano.

Ao final, para consolidar o clima de congraçamento entre a diretoria e os sócios, houve uma homenagem aos aniversariantes do período: o vice-presidente Wilame Moura e o membro do Conselho Fiscal Gilson Moreira.
Fotos: Paulo André

Honra ao mérito

 
Vendedor de Picolé e sua "professora" vão para o Programa  a Hora do Faro na Record TV.

Por Roberto Bulhões
A atitude simples e humilde de uma menina de 9 anos, ao ajudar um vendedor de picolé a ler e escrever na cidade de Crato, no Ceará, vem ganhando uma repercussão enorme na mídia nacional. Após ser destaque no programa de Fátima Bernardes, na Globo, chegou a vez de Rodrigo Faro, na Record TV. Além de ter enviado uma equipe do programa ao Cariri, vai levar "aluno" e "professora" até Sāo Paulo. Francisco Santana Filho, com 68 anos, mais conhecido por "Seu Zezinho”, trabalha vendendo  picolé há muitos anos, na porta do Colégio Diocesano, em Crato. Ao ser abordado inocentemente pela aluna Bárbara Matos Costa, de 9 anos, sua vida mudou completamente. 
Bárbara Costa certo dia perguntou ao vendedor de picolé se ele sabia ler e escrever. Com a resposta negativa, a menina ficou triste e resolveu entrar em ação imediatamente. Daquele momento em diante, sempre que sai da escola, começou a ensinar as primeiras letras para "Seu Zezinho" e o fato acabou chamando a atenção dos seus colegas na escola. Foi ai alguém fez uma foto, colocou nas redes sociais e o assunto vem ganhando uma repercussāo enorme em todo país. Bárbara e seu "aluno" foram convidados para participar do  programa de Rodrigos Faro e "Seu Zezinho" pediu para realizar o seu maior sonho, que era ver o mar. 
Acompanhado pelo repórter do programa, Humberto Ascencio, "Seu Zezinho" vai conhecer o mar em Fortaleza e seguirá para Sāo Paulo ainda esta semana. Sua participação na Hora do Faro nāo tem data definida para ir ao ar, mas, segundo a produção do programa, será um assunto bem explorado. "Nāo é todo dia que surge uma ação dessa natureza, ação essa partindo de uma menina de 9 anos de idade que deixa muitos adultos de queixo caído", disse Humberto Ascencio, ao visitar os estudos da TV Padre Cicero, em Juazeiro do Norte. Humberto que já esteve na região fazendo outros trabalhos pra Record, acredita que Rodrigo Faro vai se emocionar muito com o assunto e emocionar milhões de telespectadores em todo o Mundo. "Assim que souber a data que a matéria vai ao ar, eu aviso", afirmou Humberto.

Babacas

Um bocado de gente idiota volta a criticar Neymar, o jogador de futebol. O cara passa, um babaca xinga, esculhamba.Neymar ouve, para e da-lhe um murro. Só um? Os babacas que criticam vai ver nunca foram xingados. E se foram e não reagiram, continuam babacas.
Na vida meu filho, em qualquer pedaço dela é, bateu, levou! Nessa, e só nessa, eu tou com o Jair. E o Neymar.

Adoção - Uma bênção!

Projeto quadruplica adoções de bebês em Fortaleza


A.A. é uma mulher de 30 e poucos anos. Ao longo da vida uma das suas certezas era a decisão de não ser mãe. Mas entre um descuido e outro ela acabou engravidando. Aquele momento não mudou a sua decisão e por isso, de forma legal e amparada pela lei, decidiu entregar a filha que nasceu em fevereiro deste ano para adoção. Até o dia do nascimento da menina, a mulher foi acompanhada de perto pelo projeto “Anjos da Adoção”, de responsabilidade do Poder Judiciário e do Ministério Público do Ceará (MP-CE).
O trabalho dos Anjos da Adoção, que teve início em 2015 é esse: acompanhar a gravidez e receber a criança entregue de forma voluntária e legal pela mãe, garantindo os direitos de ambos.
Atualmente, o projeto conta com 13 “Anjos” trabalhando em equipe de revezamento e de forma voluntária. Elas são técnicas em enfermagem e ficam responsáveis por acolher a gestante, ouvi-la, acompanhar as consultas de pré-natal até o dia parto. Desde o início do projeto, a quantidade de bebês entregues de forma legal à adoção quase quadruplicou. Só em 2018, foram 20 bebês adotados em razão do projeto.
Neste ano, até agora foram oito.
“O Anjos da Adoção simplesmente está revolucionando o Cadastro no que tange à adoção de bebês. Antes, essas adoções sempre existiram, mas era por fora da fila. Com a possibilidade da mulher entregar legalmente a criança para adoção, elas passaram a existir de forma legal, via cadastro. As anteriores eram irregulares e não ilegal, mas tinham que ser realizadas em virtude do superior interesse da criança”, destacou o promotor de Justiça da 2ª Promotoria de Justiça da Infância e da Juventude, Dairton Oliveira.

A história de A.A. é mais comum do que se possa imaginar. Segundo Adriana Meireles Brasileiro, coordenadora do Departamento de Agentes de Proteção do Fórum Clóvis Beviláqua, a grande maioria que deseja entregar o filho espontaneamente para adoção são casos em que a mulher não tem o apoio ou do pai da criança ou da família. “A entrega espontânea não remete à situação de vício em entorpecentes da mãe, por exemplo. Elas não são usuárias. A usuária tem medo da Justiça. Para ela é mais fácil abandonar. A mulher que procura o Anjos da Adoção é aquela que tem conhecimento e quer fazer a coisa certa. Quisera que todas entendessem que podem entregar o bebê em segurança, mas infelizmente esse receio afasta essas mulheres, que preferem abandonar”, disse.
Assim, a mãe que não quer aquela criança é acompanhada na gestação, até depois do parto. Após o período puerperal, a mãe é ouvida pelo Judiciário e, no caso de desistência, a sua vontade é respeitada. Se não, a criança é devidamente inserida no Cadastro Nacional de Adoção (CNA). A finalidade do projeto é que caso haja decisão de entregar o filho, essa medida seja tomada com consciência pela mãe.
O que fazer?
Se a mulher decidir doar o filho para adoção de forma legal, o primeiro passo que deve ser dado é procurar o setor de procedimentos administrativos e judiciais da infância e juventude do Fórum Clóvis Beviláquia. Após manifestar essa decisão, ela será encaminhada para ser ouvida por um juiz. Nesse momento, os “Anjos da Adoção” serão acionados para acompanhar a gravidez até o momento exato do nascimento da criança. A mulher será acompanhada até o dia do parto. Após o nascimento, a criança fica sob a guarda do Judiciário e recebe encaminhamento necessário para o devido acolhimento.

Após o fim do período puerperal, a mãe é novamente ouvida pelo juiz para confirmar ou não da sua decisão. “Como não há insistência no vínculo familiar já que a própria mãe expressou à Justiça a sua vontade de forma espontânea, o tempo de espera da criança para ser disponibilizada para adoção é rápido. Tudo dentro do que diz a legislação”, ressalta Adriana Meireles.
CRISLEY CAVALCANTE ESPECIAL
PARA O ESTADO

Capa do jornal OEstadoCe


Coluna do blog


Heitor Férrer sai em defesa do Hospital Batista
O deputado estadual Heitor Férrer (SD) repercutiu na Assembleia Legislativa a situação do Hospital Batista, que passa por dificuldades financeiras e não teve seu contrato renovado com a Prefeitura de Fortaleza. O parlamentar destacou o drama que a população enfrenta ao procurar atendimento médico no Sistema Único de Saúde e o constante fechamento de hospitais no estado. “O Hospital Batista é mais uma unidade hospitalar do Ceará que corre o risco de fechar as portas, a exemplo de mais 7 unidades que já perdemos ao longo de 10 anos. A todo dia a população do Ceará cresce ao passo que a quantidade de unidades de saúde faz é diminuir. Isso redunda em sofrimento de quem é mais necessitado”, lamentou. Heitor também ressaltou a atuação da Comissão de Seguridade Social e Saúde da Assembleia, que tem a frente a deputada Dra. Silvana (PR)E, em busca de encontrar uma solução para que o hospital continue a receber os recursos oriundos da Prefeitura de Fortaleza resolvidas as pendências legais que impedem a renovação do contrato. O trem é feio!

A frase: "Se você agir sempre com dignidade, talvez não consiiga mudar o mundo, mas será um canalha a menos". De um tal de John Kennedy. Sabe quem foi?

Sugestão Nota da foto)
Maria Luiza Fontelene conversava com jornalistas na Assembleia manhã dessas:-Olhe, eu tenho a solução pros radicais filhos do Bolsonaro;a Rosa Fonseca.Nasceu brigando.Aliás...A última rifa do Critica Radical, o partido político que abomina política, foi de arrecadação pra festa dos 70 anos da Rosa. Rosa:70 anos de confusão!

Avaliação
A Prefeitura de Sobral promoverá, nesta terça-feira (30/04), a partir das 19 horas, no Centro de Convenções, o seminário sobre desempenho dos estudante de Sobral no Programa Internacional de Avaliação de Estudantes (PISA).

Quem vai
O evento contará com a presença da vice-governadora do Ceará, Izolda Cela; do prefeito Ivo Gomes; da secretária de Educação do Ceará, Eliane Estrela; do secretário da Educação de Sobral, Herbert Lima;e representantes da Fundação Lemman.

Hoje as 15horas
O Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência recebe homenagem na nesta terça-feira, dia 30 de abril, pela passagem de seu Dia Estadual comemorado em 4 de maio.A solenidade é iniciativa do deputado Marcos Sobreira (PDT).

Verdade verdadeira
Bizarrices iguais tou por ver; o vereador doutor Rodolfo,de Sobral quis a construção de duas torres gêmeas na cidade, em homenagem às destruidas nos EEUU.Dr.Rodolfo quer Câmara e Prefeitura funcionando nos prédios.

Verdade verdadeira II
Um vereador de Santana do Acaraú, vizinho a Sobral, imita projeto de um deputaado federal de MT. Tenta criar o Dia da Monstruação. Nos dois primeiros dias mulher não trabalha. Domingos Sávio é o nome dele.

Bolsonaro deixa?
Reconhecida pela qualidade em Educação a Distância há mais de 15 anos, a Cruzeiro do Sul Virtual, pertencente ao grupo Cruzeiro do Sul Educacional, irá inaugurar um novo Polo na cidade de Fortaleza, no Ceará.

O que é
"A Cruzeiro do Sul Virtual é uma ação de educação a distância que abrange quatro grandes Instituições: Universidade Cruzeiro do Sul, Universidade Cidade São Paulo, Universidade de Franca e Centro Universitário da Serra Gaúcha.


segunda-feira, 29 de abril de 2019

Parlamentares se mobilizam para evitar fechamento de hospital

Deputados estaduais afirmam que estão empenhados em buscar soluções para evitar o fechamento do Hospital Batista. A deputada Doutora Silvana (PR) ressalta que a Comissão de Seguridade Social e Saúde, a qual preside, está acompanhando o caso. A parlamentar salienta que a instituição corre risco de fechar, por falta de verba, em razão do fim do convênio com a Prefeitura.
“Não podemos permitir o fechamento de uma instituição de saúde que é referência, faz trabalhos filantrópicos e voluntários, entre outras ações de grande importância para o Ceará”, pontua.

A deputada, que também é médica, enfatiza que, juntamente com os deputados Carlos Felipe (PCdoB), Fernanda Pessoa (PSDB) e Queiroz Filho (PDT), esteve no Tribunal de Contas do Estado (TCE), na semana passada, em busca de alternativas que possam evitar o encerramento das atividades do hospital. “Segundo o presidente do TCE, existe uma liminar que diz que o município não pode celebrar convênio, pois a instituição que está com problemas fiscais”, explica.

A deputada assinala que parlamentares da Comissão de Saúde da AL estão tentando marcar uma reunião no Tribunal de Justiça para tratar da causa. “Sei que podemos fazer alguma coisa que evite o fechamento do hospital”, disse em pronunciamento no plenário da AL, na última sexta-feira.
Já o deputado Carlos Felipe explicou que a União deve ao Hospital Batista, portanto, quer se reunir com o presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Washington Araújo. O objetivo é debater a alternativa de a dívida da União ser instrumento jurídico, servindo como possível quitação. “Essa situação é burocrática e não deveria ter prioridade acima da vida humana. Sei que em reunião com representantes da Justiça, conseguiremos resolver essa questão”, afirmou.

Também em defesa da unidade de saúde, o deputado Heitor Férrer (SD) destacou o drama que a população enfrenta ao procurar atendimento médico no Sistema Único de Saúde e o constante fechamento de hospitais no Estado.
“O Hospital Batista é mais uma unidade hospitalar do Ceará que corre o risco de fechar as portas, a exemplo de mais sete unidades que já perdemos ao longo de 10 anos. A todo dia, a população do Ceará cresce ao passo que a quantidade de unidades de saúde faz é diminuir. Isso redunda em sofrimento de quem é mais necessitado”, lamentou.

Heitor também ressalta a atuação da Comissão de Seguridade Social e Saúde da Assembleia, que tem à frente a deputada Doutora Silvana (PR), em busca de encontrar uma solução para que o hospital continue a receber os recursos oriundos da Prefeitura de Fortaleza, resolvidas as pendências legais que impedem a renovação do contrato.

Deputados cobram melhorias nas rodovias federais do CE


Deputados cobram melhorias nas rodovias federais do CE

A atual situação das rodovias federais que cortam o Ceará é tema recorrente de manifestação dos deputados estaduais no plenário da Assembleia Legislativa. Os parlamentares que costumam pegar a estrada, para visitar suas bases no Interior, alertam sobre os perigos e os prejuízos que alguns trechos proporcionam à população cearense.
O deputado Antônio Granja (PDT) cita como exemplo a BR-116, que, segundo aponta, está uma calamidade, com muitas “crateras” em diversos trechos, e afligindo todos os cearenses que trafegam por ela.
O parlamentar defende que a Assembleia formalize um documento, pedindo o apoio da bancada federal cearense, em Brasília, na mobilização por recursos para a recuperação dessas estradas.

“Gostaria que a Assembleia comprasse essa luta junto com o Congresso, para pressionar o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) na busca por mais recursos. Sabemos que o Ceará recebe muito menos investimento do que o Rio Grande do Sul, por exemplo, mesmo que tenhamos mais quilômetros de estradas”, salienta Antônio Granja.
Para o deputado, “batendo na porta do Dnit e do Governo Federal, no sentido de recuperar as BRs cearenses, talvez possam se minimizar os prejuízos materiais e humanos”.

Ainda na avaliação do parlamentar, essa questão não é de hoje e nem se deve aos efeitos da quadra chuvosa. “Temos trechos que, há anos não são recuperados, por falta de força política. O que acaba ocorrendo com isso é que as CEs são prejudicadas, pois ficam sobrecarregadas e se danificam também”, apontou durante pronunciamento, na semana passada, no plenário da Assembleia Legislativa.
Sobre o assunto, o deputado Leonardo Araújo (MDB) considerou bem fundamentado o pronunciamento do colega. “É essencial que se diga que o caos das BRs não se justifica só pelo período chuvoso, já que ele é permanente”, pontuou.
O deputado Heitor Férrer (SD) avaliou que os problemas nas rodovias brasileiras são o símbolo da corrupção no País. “O que destrói as estradas não é a chuva, é a má qualidade dos serviços, fruto da corrupção. As estradas europeias são feitas para durar 30 anos, enquanto que aqui no Brasil duram dois anos”, lamentou.
Já os deputados Guilherme Landim (PDT), Patrícia Aguiar (PSD) e Acrísio Sena (PT) endossaram a necessidade de se cobrar e acompanhar o cronograma das ações do Dnit na recuperação das rodovias.
Contraponto
Em contraponto, o deputado Delegado Cavalcante (PSL) ressaltou que o atual governo federal encontrou um orçamento “muito reduzido” para a área. “O governo Temer deixou um pífio orçamento de R$ 52 milhões para a recuperação das BRs cearenses. E estão sendo feitos novos contratos e a moralização do Dnit, para que essas BRs sejam recuperadas adequadamente”, assinalou.
O aliado do Governo Federal ainda enfatizou as ações do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) para a solução de problemas nas estradas. Segundo o parlamentar, a atual gestão do Dnit tem buscado recuperar diversas BRs, porém a verba é curta. “Peço ao relator do orçamento da União de 2020, deputado federal Domingos Neto (PSD/CE), que possa, inclusive, pensar em um aumento no orçamento do Dnit”, salientou.
Delegado Cavalcante ressaltou, também, que a recuperação do viaduto da BR-222 está em fase final. “Já estão fazendo os testes. O Dnit gastou R$ 2 milhões com essas obras, mas, em breve, a população não terá mais problemas naquela área”, disse.
Foto
O deputado apontou ainda que muitos fotossensores que estavam de maneira irregular nas estradas, foram retirados. “Antes, quando transitávamos nas vias, tinham vários fotossensores a cada quilômetro. Era uma indústria da multa. Agora, estamos voltando ao ritmo normal e podendo dirigir com mais tranquilidade”, afirmou.
O parlamentar assinalou que, durante o feriado da Semana Santa, o Estado registrou apenas 14 acidentes de trânsito sem mortes. “Essa é uma prova da melhoria das nossas estradas”, assinalou.
E ainda
O debate envolveu a atenção de outros parlamentares. O deputado Soldado Noélio (Pros), por exemplo, opinou sobre o tema afirmando que a lei deveria ser endurecida para crimes de vandalismo com as estradas e instrumentos públicos. “Bandidos explodiram esse viaduto da BR-222, por exemplo, e, além de causarem danos por conta de engarrafamentos, geraram um grande prejuízo ao poder público”, afirmou.
Já a deputada Patrícia Aguiar (PSD), que é mãe de Domingos Neto, apontou que a Casa pode contar com o apoio do deputado federal. “Podemos marcar uma reunião para debater as demandas e solicitações junto ao parlamentar”, assinalou.

Capa do jornal OEstadoCe


Coluna do blog


Avianca buliu nos brios do Cariri
Ao acabar com todos os voos que serviam Fortaleza ao Cariri, e ao aeroporto de Juazaeiro do Norte, a Avianca, em situação pre falimentar deitou por terra a alegria de quem tinha negócios lá e ca, ou ainda as necessidades de quem tinha que voar de São Paulo a Juazeiro e vice versa. Deixou o povo na mão e, mais que isso, deixou comércio, industria, negócios, educadores, cientistas, pesquisadores, muitos deles com passagens compradas, chupando o dedo. O deputado Guilherme Landim, da região do Cariri (Brejo Santo) o deputado Fernando Santana também de á e vice presidente da Assembleia foramm ao meio fio e denunciaram a sacanagem da Avianca, que assim como a  Varig, um dia deixou todo mundo com mãõs à frente e atras. Um mal estar tremendo que fez obrigar à realização hoje, na Assembleia do Estado, uma audiência pública pra tratar do assunto, levando para a Casa legislativa, tambem o pessoal do Governo do Estado, incluindo aí secretários de turismo, industria e  comercio, finanças e agentes sociais. Comercio e indústria foram convidados para a audiência que promete tirar dali um documento que abrigue todos os segmentos da vida cearense. O universo político já se movimenta catando novo parceiro para a empeleita que será sempre boa para a parte nova que chegar. Os voos entre  Fortaleza e Juazeiro do NOrte, em aviões de 100 ou mais lugares,nunca pousam ou decolam com menos de 90% de suas lotações o que faz a linha um bolão de ouro pra quem explorar..

A frase: "Chamar “criminoso” a um cidadão que não foi julgado nem condenado é um abuso que revela a verdadeira natureza de Sérgio Moro". Manuel de Carvalho, jornalista portugues,rebatendo Moro que chamou José Sócrates de criminoso.

Luto na engenharia (Nota da foto)
Morreu esta semana em São Paulo,o engenheiro projetista aeronáiutico, sobralense Hermann Ponte e Silva. Seu corpo foi cremado em São José dos Campos,onde morava e onde foi vice-presidente da Embraer. Era filho do bibliófilo João Carlos Neto e da funcionária pública Joselina Ferreira da Ponte  e Silva. O engenheiro Hermann era  hoje consultor do setor em eficiência tecnológica e sustentabilidade,e falava em conferencias sobre o presente e o futuro do mercado de tecnologia. Missa de sétimo dia por sua lembrança será celebrada sábado, 4 de maio.

Inteligencia
Moradores de Jijoca sentiram falta da coleta de lixo da cidade. Descobriram que o caminhão estava quebrado na beira de uma estrada.Foram lá e tocaram fogo na viatura.

Inteligência
Um vereador de Fortaleza discursou em defesa de um projeto de sua, dele autoria que cria o Dia do Yutube na capital do Ceará.

Inteligencia
Cidadão, cidadã, esculhambando com ato do presidente da república que pôs fim ao horário de verão no Ceará.Não há horário de verão no Estado.

Urgente
Dallagnol vai responder a processo no CNMP por dizer que Gilmar Mendes, Toffoli e Lewandowski formam "panelinha" e passam "mensagem muito forte de leniência a favor da corrupção".

Dúvidas perigosas
O ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Marco Aurélio Mello afirmou ter dúvidas sobre a condenação imposta ao ex-presidente Lula (PT) pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro no caso do tríplex de Guarujá (SP), da Operação Lava Jato.

Eita!
 "Eu tenho uma dúvida seríssima quanto aos dois crimes. Aí está em discussão: houve apenas a corrupção ou houve corrupção e lavagem?", disse o ministro, em rápida entrevista a jornalistas ao final da sessão  no STF.




Bom dia

A revista eletronica Crosué mostra em matéria curta que o Governo não se segura sem indicações políticas para postos importantes. No BNB, por exemplo, guerra é guerra. Repare ai:

“PP e PSL disputal a indicação da presidência do BNB, o Bando do Nordeste. O presidente do PP, senador Ciro Nogueira, defende o nome do ex-presidente da Caixa Econômica, Nelson Antônio de Souza.

Souza já presidiu o banco, mas em 2014, no Governo Dilma Roussef, o que pode ser um problema. Entrave maior seria o fato de, na sua gestão,, a instituição ter feito empréstimos a empresas investigadas pela Polícia Federal e pels Controladoria-Geral da União”.

O PSL quer que o atual presidente, Romildo Rolim, permaneça no cargo. Para convencer o ministro da Casa Civil, Onix Lorenzoni, e o ministro da Secretaria de Governo, general Santos Cruz, a deixá-lo onde está, deputados do partido argumentaram a ambos que Romildo tem perfil técnico e sua gestão é livre de denúncias e investigações.

Mas a decisão sobre quem vai ficar caberá no final ao ministro da Economia, Paulo Guedes. Por isso, há pelo menos dois azarões correndo por fora: o diretor de Controle e Risco do BNB, Nicola Miccione, e o ex-ministro do Planejamento Dyogo Oliveira”.

domingo, 28 de abril de 2019

4 a 0 e o Ceará parte na frente

Ceará goleia CSA no Brasileirão 2019
Lauriberto Braga do OEstado

Colunista - Esportes

O Ceará goleou o CSA (AL), na abertura do Brasileirão 2019, na Arena Castelão, por quatro a zero. Os gols foram dois de Ricardo Bueno, aos 20 do primeiro tempo e aos 43 minutos da etapa final; Leandro Carvalho, aos 33 minutos do primeiro tempo; e João Lucas, aos 34 minutos do segundo tempo.
Ceará: Diego Silva; Samuel Xavier, Luiz Otávio, Tiago Alves e Thiago Carleto (João Lucas); Fabinho, Ricardinho (Fernando Sobral), Auremir e Chico; Ricardo Bueno e Leandro Carvalho (Bergson) – Treinador: Enderson Moreira.
CSA: João Carlos; Apodi, Gerson, Luciano Castan e Carlinhos; Dawhan, Bruno Ramires, Didica (Madson) e Patrick Fabiano (Cassiano); Matheus Savio e Robinho (Jordi) – Treinador: Marcelo Cabo. Cartão vermelho: João Carlos. Cartão amarelo: Carlinhos.
Renda de R$ 107.024,00 para 11.935 pagantes e 615 não pagantes.
Primeira rodada:
Ceará (CE) 4×0 CSA (AL).
Grêmio (RS) 1×2 Santos (SP).
São Paulo (SP) 2×0 Botafogo (RJ).
Flamengo (RJ) 3×1 Cruzeiro (MG).
Chapecoense (SC) 2×0 Internacional (RS).
Atlético (MG) 2×1 Avaí (SC).
Bahia (BA) 3×2 Corinthians (SP).

Isso deu no DCM

“Estudante” que delatou professora que criticou Olavo é, na verdade, secretária-geral do PSL

Publicado em 28 abril, 2019 3:14 pm
Tamires de Paula (Foto: Reprodução/Twitter)
A tal estudante que gravou e expôs uma professora que criticou Olavo de Carvalho é secretária-geral do PSL.
Em seu perfil no Twitter, Tamires de Paula se descreve como “Ativista Politicamente Incorreta. Co-fundadora do DIREITA ITAPEVA. Secretária-Geral PSL Itapeva”.
O vídeo gravado pela jovem foi repercutido, inclusive, por Jair Bolsonaro.
Carlucho fala de tudo, só não fala de dona Nadir Josias de Souza 28/04/2019 06h57 [Divulgação/CMRJ] Carlos Bolsonaro fala de tudo e de todos nas redes sociais. Que o diga o general Hamilton Mourão. Por um desses mistérios da vida, Carlucho só não fala de dona Nadir Barbosa Goes. É uma pena, pois muitos esperavam que o 'Zero Dois' postasse meia dúzia de palavras na web sobre a passagem da veneranda senhora pela folha salarial do seu gabinete na Câmara Municipal do Rio de Janeiro. Dona Nadir recebia contracheque mensal de R$ 4.271. No papel era "oficial de gabinete". No mundo real, não dava as caras no gabinete. Sua presença foi abonada por Carlucho. Mas ela diz que nu... - Veja mais em https://josiasdesouza.blogosfera.uol.com.br/2019/04/28/carlucho-fala-de-tudo-so-nao-fala-de-dona-nadir/?cmpid=copiaecola
Carlucho fala de tudo, só não fala de dona Nadir Josias de Souza 28/04/2019 06h57 [Divulgação/CMRJ] Carlos Bolsonaro fala de tudo e de todos nas redes sociais. Que o diga o general Hamilton Mourão. Por um desses mistérios da vida, Carlucho só não fala de dona Nadir Barbosa Goes. É uma pena, pois muitos esperavam que o 'Zero Dois' postasse meia dúzia de palavras na web sobre a passagem da veneranda senhora pela folha salarial do seu gabinete na Câmara Municipal do Rio de Janeiro. Dona Nadir recebia contracheque mensal de R$ 4.271. No papel era "oficial de gabinete". No mundo real, não dava as caras no gabinete. Sua presença foi abonada por Carlucho. Mas ela diz que nu... - Veja mais em https://josiasdesouza.blogosfera.uol.com.br/2019/04/28/carlucho-fala-de-tudo-so-nao-fala-de-dona-nadir/?cmpid=copiaecola

Alto nivel


O consumo de bebida alcoólica é proibido na cadeia. Boa tarde a todos!

Alto nível




Bolsonaro rebate Lula: ‘Pelo menos não é um bando de cachaceiro’

Por: Gilberto Dimenstein | Comunicar erro
O presidente Jair Bolsonaro rebateu neste sábado a declaração dada pelo ex-presidente Lula de que o país está sendo governado por um “bando de maluco“.
Bolsonaro disse que “pelo menos não é um bando de cachaceiro” que governa o Brasil e que, em primeiro lugar, Lula nem deveria ter dado entrevista. A informação é do UOL.
“Pelo menos não é um bando de cachaceiro. O Lula, primeiro, não deveria falar. Ele falou besteira. Quem era o time dele? Grande (parte) está preso ou sendo processado”, disse o presidente.
Bolsonaro também disse que o STF (Supremo Tribunal Federal) errou ao conceder o direito do petista dar entrevista.
“Acho um equívoco, um erro da Justiça ter permitido ele dar uma entrevista. Presidiário tem que cumprir sua pena”.
Lula falou com jornalistas da “Folha” e do ‘El País” nesta sexta-feira (25) na sede da Polícia Federal, onde está preso desde abril de 2018.
Bolsonaro falou com jornalistas após visitar a estudante Yasmin Alves, 8 anos, que vive na Estrutural, uma das regiões mais pobres do Distrito Federal.
A menina protagonizou mal-entendido na Páscoa, depois de Bolsonaro divulgar vídeo.

As filosofadas do Macaco

Há 10 horas
Bozo:”O Brasil não pode ser o país do turismo gay. Quem quiser vir aqui transar com mulher, fique à vontade”. Turismo sexual pode!

sábado, 27 de abril de 2019

Bom dia

...nós, separados na arquibancada, temos sido tão unidos na desolação...

Verso da música Amigo Ciro, do Chico Buarque para você usar onde, como e quando quiser.

Luto na engenharia

Morreu na madrugada de hoje em São Paulo, no Hospital Albert Einstein, de falencia multipla de órgaõs,o engenheiro projetista da Embraer, de onde foi vice presidente, Hermann Ponte e Silva. Hermann nasceu em Sobral, filho do bibliófilo João Carlos Neto e de d.Joselina Ferreira da Ponte e Silva. Seu enterro foi hoje, as cinco horas da tarde em São José do Campos onde morava. Deixa mulher e filhos.

TV AMBIENTE LEGAL: HERMANN PONTE E SILVA

Publicado em Ambiente Legal*

Tecnologia e talento a serviço da sustentabilidade

tv_ambiente_legal_hermann_foto
O grande desafio do Brasil no século XXI é conciliar desenvolvimento e sustentabilidade. Tudo isso passa pela Tecnologia e, claro, pela Engenharia que, pelo menos por aqui, sofre com a falta de profissionais com melhor qualificação. Como podemos sair dessa situação e, enfim, decolar? Para responder a essa questão, Hermann Ponte e Silva é uma pessoa das mais indicadas. Engenheiro, ex vice-presidente da Embraer e hoje consultor do setor em eficiência tecnológica e sustentabilidade, fala sobre o presente e o futuro do mercado de tecnologia na TV Ambiente Legal, com Fernando Pinheiro Pedro.

Deu na IstoÉ

Supremo banquete

Lagostas e pratos à base de camarões e bacalhau, acompanhados de champagnes, vinhos especiais e whiskies 18 anos vão compor o novo cardápio do STF. Gastos somam R$ 1 milhão

Crédito: Divulgação
REGALIAS Os ministros do Supremo estão na contramão da austeridade exigida em tempos de vacas magras na economia (Crédito: Divulgação)
Em tempos de ajuste fiscal, quando se cobram sacrifícios de toda a sociedade para a redução de gastos públicos, o Supremo Tribunal Federal (STF) não tem sido um dos melhores exemplos de austeridade. Em meio à crise que levou-o a impor censura à imprensa, o tribunal presidido pelo ministro Dias Toffoli decidiu abrir nesta sexta-feira 26 uma licitação que agrava ainda mais sua combalida imagem: vai contratar uma empresa que sirva banquetes aos ilustres ministros togados e seus comensais. Na farra gastronômica serão gastos R$ 1,1 milhão, dinheiro que será bancado pelo cidadão comum que paga exorbitantes impostos. Os banquetes serão realizados nos amplos e luxuosos salões do próprio STF.
O processo de contratação do buffet prevê o fornecimento de pelo menos 2,8 mil refeições (almoços ou jantares), 180 cafés da manhã, outros 180 brunchs (cafés mais reforçados) e três tipos de coqueteis para 1.600 pessoas. Na lista de exigências do contrato, previsto para durar 12 meses, prorrogáveis por mais 60 meses, estão pratos dignos dos melhores restaurantes do mundo, comparados aos badalados cinco estrelas do guia Michelin. No menu do Supremo, a empresa está obrigada a disponibilizar pratos com medalhões de lagosta com molho de manteiga queimada, bobó de camarão, camarão à baiana, bacalhau à Gomes de Sá, arroz de pato, pato assado com molho de laranja, galinha d’Angola assada, vitela assada, codornas, carré de cordeiro, medalhões de filé, tournedos de filé com molho de mostarda, pimenta, castanha de caju com gengibre, entre outros.
Glamour
Obviamente que para um menu desse nível seriam necessárias bebidas perfeitas para harmonizar degustações com tanto glamour. Afinal de contas, um medalhão de lagosta não pode ser servido com um vinho qualquer. E qual foi a solução adotada pelo Supremo para resolver essa delicada questão culinária? Simples. A licitação prevê que as “bebidas deverão ser perfeitamente harmonizadas com os alimentos” servidos. Justamente por isso, na lista de bebidas exigidas estão dois tipos de espumantes (brut e extra brut), que precisam ser produzidos pelo método champenoise e “que tenham ganhado ao menos quatro premiações internacionais”. Para quem não sabe, o método champenoise é o chamado “método tradicional”, cuja produção do espumante é quase artesanal e de qualidade superior ao método Charmat, mais simples e barato. Ainda sobre os espumantes, na lista do Supremo o champagne precisa ter pelo menos 12 meses de maturação. O extra brut deve ter no mínimo 30 meses.
Além dessa sofisticação etílica, o STF exige que em seus banquetes a empresa vencedora da licitação disponibilize vinhos de seis uvas de variedades diferentes: Tannat, Assemblage, Cabernet Sauvignon, Merlot, Chardonnay e Sauvignon Blanc. Nos casos dos Tannat, Assemblage e Cabernet Sauvignon, o vinho precisa ser obrigatoriamente de safra igual ou posterior a 2010. Outras características singulares determinadas no edital: todos os vinhos precisam ter pelo menos quatro premiações internacionais. No caso do Tannat ou Assemblage, o STF exige que tenham sido envelhecidos em “barril de carvalho francês, americano ou ambos, de primeiro uso”. A exigência por essa característica é simples. Barris de carvalho franceses são considerados pelos especialistas como “complexos, elegantes e que geram taninos suaves na bebida”. Além disso, quando o carvalho é de primeiro uso proporciona uma bebida com maior influência do barril no processo de maturação.
Sobre os vinhos brancos, Chardonnay e Sauvignon Blanc, o procedimento licitatório apresenta aspectos, no mínimo, curiosos. As uvas para as duas bebidas precisam, necessariamente, ser colhidas à mão. E se isso não fosse o suficiente, uma última, mas não menos importante exigência do Supremo: os uísques de puro malte, precisam ser envelhecidos por 12, 15 ou 18 anos. Já as cachaças para as caipirinhas devem ganhar idade em “barris de madeira nobre” por um, dois ou três anos. A empresa responsável por esse serviço de buffet será responsável por disponibilizar, em cada evento, um garçom para cada seis pessoas. Nos eventos menores, deverá haver um garçom para cada dez convidados.
A deputada federal Bia Kicis (PSL-DF), que constantemente tem criticado o Supremo por suas atitudes pouco transparentes, condenou a lista de compras do STF. “O presidente Bolsonaro exonerou uma diretora de um hospital que iria dar um jantar de R$ 280 mil. Isso deveria servir de exemplo para todos nesta nação”, declarou a parlamentar. “A licitação é uma vergonha e mais um abuso diante da crise que estamos vivendo. O Congresso tentando aprovar a reforma da Previdência para reduzir gastos, enquanto o Supremo investe em mordomias”, complementou o senador Alessandro Vieira (Cidadania-ES), autor dos dois requerimentos de investigação no Senado sobre as ações do Poder Judiciário, a chamada CPI da Lava Toga. De fato, o STF mostra que está totalmente divorciado da realidade brasileira.
Posicionamento STF
O edital da licitação do serviço de refeições institucionais em elaboração pelo STF reproduz as especificações e características de contrato semelhante firmado pelo Ministério das Relações Exteriores (que faz o cerimonial da Presidência da República) já analisado e validado pelo Tribunal de Contas da União, mas com redução de escopo: dos 21 itens contratados pelo ministério, 15 são objeto da licitação do STF.
Cabe destacar que o valor de R$ 1,1 milhão é uma referência, que será submetida à disputa de preços entre as participantes do pregão. Além disso, o contrato prevê que o STF pagará apenas pelo que for efetivamente demandado e consumido, tendo o valor global do contrato como um teto.

Remédio pra doido é doido e meio, ensinava Mãe Vovó


"Radical", "deslumbrado", "essa coisa aí"...Maia ataca filho de Bolsonaro.

Ler tudo no uol ou no face do macario. Tá na Folha.
"Radical", "deslumbrado", "essa loucura aí": Maia ataca filhos de Bolsonaro ... - Veja mais em https://noticias.uol.com.br/politica/ultimas-noticias/2019/04/26/rodrigo-maia-filhos-bolsonaro-entrevista-site.htm?cmpid=copiaecola
"Radical", "deslumbrado", "essa loucura aí": Maia ataca filhos de Bolsonaro Rafael Carvalho/Governo de Transição 14.nov.2018 - Jair Bolsonaro e Rodrigo Maia juntos Imagem: Rafael Carvalho/Governo de Transição Do UOL, em Brasília 26/04/2019 18h50Atualizada em 26/04/2019 20h24 O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), fez diversas críticas aos filhos de Jair Bolsonaro (PSL) em entrevista publicada hoje no portal BuzzFeed. Ele afirmou que o vereador Carlos (PSC-RJ) é um "radical" e que o deputado federal Eduardo (PSL-SP) é "deslumbrado" e que sua agenda é "essa loucura aí". Carlos é um dos filhos mais ligados ao pai e fez ataques a Maia há cerca de um ... - Veja mais em https://noticias.uol.com.br/politica/ultimas-noticias/2019/04/26/rodrigo-maia-filhos-bolsonaro-entrevista-site.htm?cmpid=copiaecola

Bom dia

Brasil é governado por um bando de maluco, diz Lula em entrevista na prisão

Ex-presidente diz que a elite brasileira deveria fazer uma autocrítica depois da eleição de Bolsonar.

Está na Folha e é capa do UOL.

Veja tambem no face do macario.

sexta-feira, 26 de abril de 2019

Banco do Nordeste regulariza R$ 11,4 bilhões em dívidas rurais

O Banco do Nordeste já regularizou R$ 11,4 bilhões em dívidas de produtores rurais com os benefícios da Lei 13.340/2016. O instrumento prevê descontos de até 95% sobre o saldo devedor e é válido até dezembro de 2019.

O benefício pode ser utilizado para liquidação de dívidas contratadas até 2011, com recursos do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE). Se o produtor optar pela renegociação, o prazo para pagamento pode ser estendido a até 2030, com pagamento das parcelas só a partir de 2021.

Mais de 323 mil operações já foram regularizadas com agricultores da área de atuação do BNB, que inclui os nove Estados nordestinos e o norte de Minas Gerais e do Espírito Santo, e 179 mil delas foram realizadas com a opção de liquidação total da dívida.

Ao todo, 92% das renegociações foram efetivadas com miniprodutores rurais, incluindo os atendidos pelo Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf), beneficiando mais de 261 mil pessoas.

No Ceará, o Banco do Nordeste já regularizou mais de R$ 1,5 bilhão em dívidas rurais, distribuído em 56,1 mil operações, que beneficiaram cerca de 42 mil pessoas.

Atendimento

Os interessados renegociar ou liquidar dívidas rurais contratadas até 2011 podem procurar sua agência de relacionamento ou entrar em contato pelo telefone 0800 728 3030. O Banco possui 292 agências distribuídas em todo o Nordeste, norte de Minas Gerais e do Espírito Santo.

*FECHAMENTO DE QUESTÃO DO PSB CONTRA REFORMA PREVIDENCIÁRIA REPERCUTE NO CEARÁ*


Posição nacional, aprovada de forma unânime pelo Partido Socialista Brasileiro (PSB), tem ampliada sua repercussão em caráter regional. Isto pôde perceber o *deputado Audic Mota* ao participar, na manhã desta sexta-feira, 26, do Seminário Estadual da sigla sobre a reforma da previdência, realizado no Auditório Murilo Aguiar, da Assembleia Legislativa.

Prestigiado pelas presenças dos *deputados federais João Campos (PSB-PE) e Denis Bezerra (PSB-CE)*, o evento comandado pelo presidente do Diretório Estadual, *Odorico Monteiro*, marcou congraçamento entre lideranças partidárias e militância. Todas mobilizadas contra a Proposta de Emenda Constitucional (PEC nº 6/2019) apresentada pelo Governo e em tramitação na Câmara Federal.

Em resumo, ficou reforçado o protesto e mantida permanência do coro contra um projeto julgado, também no âmbito estadual, como antipopular, excludente, regressivo e um ataque ao sistema de seguridade social do país.

Opinião


Força espiritual

Não só na Semana Santa, mas durante todos os dias do Ano, os cristãos devem externar uma maior força espiritual, para que não sejamos vítimas de nossos desejos malignos, da inteligência humana negativa, bem como do desenvolvimento científico e tecnológico. Sem dúvida, a dedicação espiritual conduz ao verdadeiro amor. Conforme Fernando Pessoa: “Somos anjos de uma só asa, para voar precisamos abraçar uns aos outros”. A humanidade unida, com certeza, poderá enfrentar os problemas e preocupações do mundo moderno. Como disse o Papa emérito Bento XVI: “Da ameaça terrorista às condições de humilhante pobreza em que vivem milhões de seres humanos; da proliferação das armas às pandemias e a degradação do meio ambiente, comprometem o futuro do planeta”. Por sua vez, o ódio, a inveja, a vaidade, a ambição, enfim, o desamor, são atitudes que impossibilitam uma vida saudável. Já a doação, a solidariedade, a esperança, a fé, o perdão nos conduzem ao sentimento do amor. Portanto, para se alcançar a felicidade e vencer as dificuldades são fundamentais manifestações de amor ao próximo. São Francisco de Assis disse: “Enche-se de felicidade aquele que vê, sem inveja, a felicidade dos outros”. Acreditamos que o amor poderá ser o resultado histórico da evolução humana. Também percebemos que os atuais desajustes e conflitos existentes são provenientes da supremacia dos valores materiais sobre os espirituais. Encontraremos justiça e paz na medida em que se destaquem mais as manifestações espirituais e menos a fortaleza dos bens temporais. Meditemos, para que se possa ter um mundo melhor, sobre João 15,12: “Amem uns aos outros como eu amo vocês” e também sobre 1 Cor 16,14: “Tudo que vocês fizerem seja feito com amor”. Ademais, nunca se desespere quando as coisas não acontecem como desejadas. Rogue a Deus, e tenha paciência.

Ex Governador do Ceará e meu amigo

Gonzaga Mota

Prof. aposentado da UFC

Moro comprou sarna com os patrícios-Opinião

Opinião

Portugal é um estado de direito, doutor Moro…

Chamar “criminoso” a um cidadão que não foi julgado nem condenado é um abuso que revela a verdadeira natureza de Sérgio Moro.
É, no mínimo, um desplante. E no máximo um desplante no limiar do agravo diplomático que um ministro da Justiça estrangeiro venha até nós chamar “criminoso” a um ex-primeiro ministro que nem sequer foi condenado em primeira instância.
Que José Sócrates seja um espinho cravado na ética republicana, que acumule um pecúlio de suspeitas capazes de legitimar o estatuto de político que todos amam odiar, que se tenha transformado no ícone maior dos vícios do regime, é uma coisa; que seja apelidado de “criminoso” na praça pública sem que a sua sentença tenha transitado em julgado (sem que se saiba até se vai haver julgamento), é outra coisa completamente diferente. Caso o juiz Sérgio Moro tenha esquecido, num Estado de direito existe a presunção de inocência. A menos que…
A menos que Sérgio Moro tenha definitivamente despido a toga de juiz para se vestir com a pele de justiceiro, uma suspeita que a forma como geriu alguns processos da Operação Lava Jato legitima junto de muitos observadores.
Porque, é óbvio, um juiz tem o dever de ser minucioso na atribuição de estatutos a terceiros. Tem de conservar a prudência e o recato sobre processos em investigação, principalmente quando está num país estrangeiro. Tem de ser capaz de manter a elevação do seu cargo e da sua responsabilidade e saber resistir às acusações como as que José Sócrates, na sua delirante visão do mundo, lhe dirigiu. Tem, finalmente, de respeitar a independência da Justiça nos países que visita, abdicando de condenar sumariamente pessoas que nem sequer começaram a ser julgadas.
Sérgio Moro tem toda a legitimidade em defender as suas ideias sobre as virtudes do sistema penal brasileiro sobre o português, incluindo os méritos da delação premiada ou essa acumulação de funções que concedem ao juiz de instrução a responsabilidade de ser também o juiz que preside aos julgamentos dos suspeitos. Pela dignidade do seu cargo e pelo prestígio que acumulou antes de acelerar o julgamento de Lula para impedir a sua recandidatura, antes de produzir uma condenação que muitos observadores internacionais consideram ser forçada face à fragilidade das provas, antes de aceitar ser ministro do mais polémico presidente do Brasil das últimas décadas, Moro seria sempre bem-vindo a Portugal para fazer a apologia das suas ideias de justiça. O que disse sobre Sócrates foi muito para lá do tolerável e tornou-o uma persona non grata.
Estranha-se por isso a ruidosa teia de silêncio que se abateu sobre as suas lamentáveis acusações a José Sócrates. Não haver um juiz que lhe lembre o óbvio, um jurista que lhe aponte o atentado ou um governante que lhe denuncie o abuso é um triste sinal. Ninguém se quer colar a José Sócrates porque Sócrates é um activo tóxico, bem se sabe.
Mas o que está em causa é muito mais do que a ofensa a um ex-primeiro ministro sob suspeita. É um princípio básico do Estado de direito que foi atacado. É a credibilidade do sistema judicial português que é atingida – há um “criminoso” à solta, protegido pela impunidade? Logo, é um abuso de um ministro de um Governo presidido por um político cujas virtudes democráticas e valores humanistas se desconhecem por não existirem.
Chamar “criminoso” a um cidadão que não foi julgado nem condenado é um abuso que revela a verdadeira natureza de Sérgio Moro. Um juiz-político (ou um político-juiz) que nem num país que o recebe mostra perceber o que é o respeito diplomático. E, já agora, o que é um Estado de direito pleno. 

Gênio!

As andanças e declarações do ministro Salles na Espanha O Acordo de Paris é para o país levar vantagem O ministro Ricardo Salles deu uma ent...