sábado, 21 de julho de 2018

Bom dia

Unidades de conservação do Ceará: boa opção para visitar em tempo de férias

Julho é sinônimo de férias, no Ceará principalmente, afinal a abundância de sol e de mar é sempre um convite ao lazer. Quando o assunto é lazer, Fortaleza é privilegiada, além de desfrutar de uma atraente orla, a cidade também conta com extensos e verdejantes parques em áreas urbanas. Um privilégio! Pelo menos, cinco unidades de conservação (UC) gerenciadas pela Secretaria de Estado do Meio Ambiente do Ceará (SEMA) e com estruturas voltadas para o atendimento ao público, estão bem equipadas para receber visitantes em todas as épocas do ano, especialmente em período de férias.

Não importa onde você mora, por aqui, sempre vai ter uma UC que merece sua visita, por ser um bom motivo de conexão com natureza. Para a maioria, essas áreas existem apenas no papel, nas disciplinas de geografia ou biologia, ou em viagens escolares de estudo do meio. Aproveite o período de descanso escolar para levar a família para conectar-se com o verde do meio ambiente natural.

Temos os parques estaduais do Cocó, que cobre boa parte da Capital, o Botânico que fica em Caucaia, a Floresta do Curió, no bairro Lagoa Redonda. Há ainda, no litoral, a Estação Ecológica do Pecém em São Gonçalo do Amarante e, no Crato, o Parque Estadual Sítio Fundão. Tem ainda a Área Adahil Barreto, um belo parque que foi anexado ao Cocó e que acaba de ser entregue à sociedade.

O espaço requalificado de 10ha do Adahil recebeu intervenções que contemplam a revitalização dos parques infantis, da área para caminhadas e corridas, da academia de ginástica e o aumento de um campo de futebol, além da recuperação de um olho d’água que permitirá a contemplação de peixes e o plantio de mudas de espécies nativas.

Viva o Parque

Desde 2016, o Projeto Viva o Parque vem reunindo centenas de famílias no Parque Estadual do Cocó. Sucesso na capital e região metropolitana, a programação conta com uma série de atividades, como recreação, esportes e brincadeiras lúdicas, todas gratuitas. No Parque Estadual do Cocó, ocorrem em média 3.000 visitas por domingo. Nos meses de férias (janeiro/fevereiro e junho/julho) chegam até a 5 mil participações.
O Parque do Cocó dispõe de um calçadão de 1.300 metros sinalizado para a prática de corridas e caminhadas. Possui também o passeio de barco pelo rio , de terça a domingo (às quartas os passeios são destinados às escolas públicas gratuitamente), com horários que variam de acordo com a tábua de marés, com agendamento realizado através do telefone: (85)3234-3574.

Viva a Natureza

O Viva a Natureza está de volta ao Parque Estadual Botânico do Ceará. A partir do próximo dia 22, as manhãs de domingo serão muito mais animadas na unidade de conservação (UC), em Caucaia. Venha, traga sua família e seus amigos para participar das atividades gratuitas. O projeto é uma boa oportunidade para divertir-se em contato com o exuberante verde do Botânico. No horário de 7h às 12h vai rolar muita zumba, aeróbica, apresentações culturais, brincadeiras infantis, jogos coletivos, contação de histórias, trilhas ecológicas, massoterapia, escalada, pedalinho no lago e outras mais.
O Botânico fica às margens da CE-090, conta com 6km de trilhas, com uma vasta diversidade de fauna e flora, e devido à sua variedade ecológica, o Parque é bastante utilizado para ações de educação ambiental por escolas, grupos e afins. Destaque também para o meliponário, orquidário, museu, xiloteca, espelho d’água, horto medicinal e banco de germoplasma e viveiro de mudas. Para agendar visitas 3368.9452.

Floresta do Curió

A ARIE do Sítio Curió está inserida no bairro Lagoa Redonda, em Fortaleza, com acesso pela Avenida do Curió, nº 1000. Entre seus atrativos estão a prática de ecoturismo, trilhas ecológicas, caminhadas, contemplação de exemplares de fauna e flora preservada, práticas esportivas compatíveis com a natureza e espaços reservado para piqueniques.

Estação Ecológica do Pecém

A Estação Ecológica do Pecém está situada nos municípios de São Gonçalo do Amarante e Caucaia. Localiza-se a 57 km de Fortaleza e tem acesso pela Via Estruturante – CE – 085. Apresenta espécies bioindicadoras do estado vital do ecossistema, servindo de corredor para as UCs APA do Lagamar do Cauípe e APA do Pecém. Juntas formam um cinturão verde, protegendo o ecossistema costeiro. É uma área de proteção integral e as visitas são controladas e exigem agendamento pelo site www.sema.ce.gov.br.

Sítio Fundão

O Parque Estadual Sítio Fundão apresenta predominância de espécies de fauna e flora típicas do bioma caatinga. Possui edificações históricas tombadas e exuberância de um pequeno cânion formado pelo rio Batateira. A Casa de Taipa, única no Brasil com um andar, edificação histórica recentemente restaurada, preservando os aspectos de sua construção original, em 1950, acolhe o Centro de Visitantes, que funciona como núcleo de sensibilização e educação ambiental, oferecendo opções de lazer e serviços.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bom dia

Militares aceitam proposta encaminhada por comissão e decidem encerrar paralisação  ...