sábado, 5 de agosto de 2017

Bilhete do Fernando Hugo

Macário,
 
Judicialização da saúde tem que ser urgente e ágil - sem embromação!
Sem dúvida alguma, muitos despachos judiciais atendendo a clamores desesperados da população visam URGENCIAR internações, procedimentos e/ou medicações que os municípios e estados são forçados a atender. Tais ações da Justiça quase sempre são feitas em momentos de emergencialidade, exigindo presteza e agilidade por parte do SUS.
Revolta-nos saber que alguns magistrados estão - em determinados casos, o que é péssimo - querendo ouvir pareceres de câmaras técnicas específicas, coisa que nem o Fórum nem o TJ sabem da existência e funcionalidade. Concluímos que atitudes judiciais desse tipo são realmente embromações e um hipócrita “faz de conta”. 

--
Abraço do Amigo,

Fernando Hugo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Capa do jornal OEstado Ce