quinta-feira, 9 de março de 2017

Coluna do blog




Um escândalo “escandaloso”
Na zona canavieira, naqueles cantos onde se faz cachaça, rapadura, mel de engenho e açúcar, o peão costuma dizer, quando o dia não lhe é dos melhores uma frase que serve pra muitas horas da vida: “No cavalo, quando vem carregado de açúcar, até o rabo é doce”. Mais ou menos coisa do tipo: Além de queda, coice. Sofrido, seco, sem grandes atividades produtivas que lhe gerem renda, emprego, trabalhos, ICÓ, vindo de uma história de 300 anos, acaba de ganhar sua primeira mulher prefeita, uma deputada ativista em defesa dos interesses das populações que lhe confiaram mandato. Sonhos: quem sabe agora ICÒ possa desenvolver seu pendor para o turismo, fomentar indústrias, incensar a educação com a universidade, essas coisas que muito se espera de uma mulher bem formada e muito bem votada pra Prefeita, como foi Laís Nunes. Nossa Senhora da Expectação, padroeira do Icó, colega do Senhor do Bonfim, grande homenageado nas festas religiosas, tremeu na base do andor quando soube do escândalo deixado pelo ex-Prefeito, Jaime Junior. Segundo nota oficial da Prefeita, juntando documento assinado pelo próprio ex-alcaide, ficou,  pra Laís Nunes um rombo que pode chegar a R$150 milhões de reais. Pior: o TCM detectou o desmonte antes da eleição, mas como não achar tanto despautério? Como a Prefeitura continuava recebendo verbas federais com tanta dívida, tanta falta de responsabilidade? É, no mínimo, um escândalo “escandaloso”, como se pode deduzir da nota que Dona Laís mandou publicar: “CONTRA FATOS NÃO HÁ ARGUMENTOS-A dívida milionária do município-Icoenses. Vivemos um tempo de dificuldades e incertezas - política e econômica - em todo o país. Num ambiente de crise o ente que sofre mais é o município. E isso se agrava diante do quadro de descalabro que recebi a prefeitura.O Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) atestou o desmonte administrativo do Icó antes do fim da gestão anterior.Desde que assumi venho administrando problemas ocasionados pela desordem generalizada da maquina pública.O documento que torno público não dá para desmentir. Além de trazer a assinatura do ex gestor revela o tamanho do rombo.A dívida do Icó é de R$: 100.000.000,00 (cem milhões de reais). Somente com os restos a pagar que o prefeito anterior deixou de honrar  em 2016 o montante é de R$: 15.500.000,00 (quinze milhões e quinhentos mil reais).Contra fatos não há argumentos, e minha responsabilidade hoje é encarar o problema de frente administrando na dificuldade.Dentro do quadro de desmonte que herdei estou trabalhando para resgatar o município.Determinada, e mesmo assim motivada.As mudanças que todos desejam nossa gestão já começou. As grandes transformações para melhor também.O que não se pode é mudar de alto a baixo uma realidade de desmonte da noite para o dia, mas unidos chegaremos lá.E vamos continuar juntos!*Laís Nunes*Prefeita de Icó.”
A frase: "Não mexa com o meu silêncio se não souber lidar com o meu barulho". Tem gente enfezada por aí.


Totó “entrega” o livro do Faheina (Nota da foto)
O ex Governador Gonzaga Mota, o Totó de todos os amigos, recebeu do escritor e jornalista Nelson Faheina o terceiro livro de sua lavra. Com o livro o convite para que Totó faça a apresentação da obra, neste sábado, dia 11, no Ideal Clube, as cinco horas da tarde. Convite aceito, hora acertada.

Ta feio
Roubaram 400 quilos de carne do restaurante popular de Juazeiro do Norte. Ladrões aproveitaram e levaram televisores. Que coisa. Muita carne não dá na vista,não?

Bagagem de mão
Ei, começa a valer a malandragem que seu deputado e seu senador aprovaram; bagagem despachada no porão vai ter que pagar. De grátis só a bagagem de mão e olhe lá.

Enredou
O Instituto do Câncer do Ceará enredou pro Ministério Público que a Prefeitura de Fortaleza lhe deve R$27 milhões da parte que lhe cabe no atendimento ao povo do SUS.

Parou por que?
O ICC deixou de atender à clientela, novos pacientes do SUS, por conta da conta espetada. O pessoal antigo continua em tratamento, novos só depois do pagamento.

Atraso
Segundo ainda o Instituto do Câncer do Ceará, a inadimplência vem desde o mês de setembro do ano passado. O Ministério Público anda cutucando a Viúva pra pagar.

Sabiaguaba invadida
A exemplo do que ocorreu na continuidade da Desembargador Moreira, em direção ao aeroporto, a avenida nova que passa na Sabiaguaba está sendo invadida.

Fiofó de bebo
Como diz o peão, esta cidade sem dono vive de ser invadida por gente especializada em invadir terrenos, demarca-los e venderem depois para edificações. Uma zona!!!

Bater de queixo
Em Santana do Acarau, perto de Sobral e a 200 quilômetros de Fortaleza, a terra tremeu. Balançou velhos prédios, mas não feriu ninguém. Geólogos cavucam o histórico.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Depois da sacanagem...

”Lucro da conta única pagou ‘pedalada’”  - Uma parte das "pedaladas fiscais", realizadas durante o governo da ex-presidente Dil...