terça-feira, 21 de março de 2017

Coluna do blog


Povo ruinho
Lá na Sobral do meu tempo havia uma senhora que não tinha lá essas intimidades todas com as letras. Mas cuidava de por o gênero no seu devido lugar; menina era criança, menino era crianço. Mulher era ruim, homem era ruinho. E, como povo é, no sentimento dela, masculino, o povo é ruinho. No domingo, Lula, Dilma e Ciro foram ao campo entregar a obra de transposição do São Francisco, a que ficou pronta e que foi cuidada nos governo de Lula e Dilma e deixada esperando a maquiagem para quem viesse depois, como foi o caso após o impichamento da presidenta. Então o que se sente é que o PT velho de guerra é que nem a velha guarda, morre mas não se rende. Pois bem; esperavam a presença de Camilo Santana, como governador do PT, mesmo eleito com as forças do PDT etc. e tal e coisa que você já sabe. Camilo avisou que sua agenda estava voltada para entrega de obras do Governo dele em Itarema e Chorozinho a alguns milhares de quilômetros de Lula e Dilma. E quando voltou pra Fortaleza, teve que arrumar a mala, escolher as gravatas, olhar se os sapatos estavam engraxados e os lenços passados e pegar o avião pra Holanda onde vai entregar a administração do Porto do Pecém para administradores do porto de Roterdã numa aparente alusão de que aqui não tem quem saiba fazer isso. Como a moda é entregar o Brasil, Camilo deve estar certo. Nada o fará tão diferente de quem entrega o aeroporto de Fortaleza para alemães, energia para portugueses, espanhóis, sei lá, e outros bens nacionais para quem quiser pegar. Aliás, as redes sociais andam intrigadas com o espetáculo da imprensa no trato da Carne Fraca, enfraquecendo também o bem mais precioso das exportações nacionais com cacife de campeões mundiais. Tanta maldade! Ô povo ruinho!
A frase: “Bater é fácil. Difícil é apanhar”. Lutador de boxe Popó, sugerindo sentimento de quem é dedurado pela Lava Jato.

Tucanagem em ação (Nota da foto)
Parceiros do Governo do Interino, os prestigiados tucanos Raimundo Gomes de Matos e Tasso Jereissati, acompanharam Camilo Santana numa audiência no Ministério da Integração. Foram cutucar os prazos da transposição pros lados de cá. Diz que saíram de lá encantados e esperançosos. Tá todo mundo aperreado com essa história de seca, mesmo chuviscando. Raimundo e o Belos Olhos são Camilo desde criancinhas.

Arrogancia
Diz que há projetos no Congresso tratando do abuso de autoridade em todos os níveis da vida brasileira. Arrogância de quem se acha a ultima pitomba do pitombeiro.

Mau exemplo
Na semana passada um senhorzinho guiando seu velho bólido bateu num outro carro numa rua da Barra, perto do Campo do Ferroviário.

Perícia
Eram quatro da tarde daquele dia quando foi sugerida a presença da perícia. A autoridade chegou quatro horas depois; às oito da noite.

Estupidez
Em motos, os periciantes ouviram as partes e vendo que o senhorzinho seria o responsável pelo incidente, passaram a trata-lo aos gritos e outras agressões verbais.

Quem viu
Testemunha de todo o processo resolveu que deveria acompanhar o processo haja vista a humildade do senhorzinho,vindo do interior,desconhecedor da área.

Reação
- São coisas assim que fazem muita gente perder a razão e desacatar a “autoridade” arrogante, estúpida, mal preparada. Mão na cara repararia, se fosse comigo, disse a senhora denunciante.

Secult no comando
A Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult) realiza hoje e amanhã, nos Teatros Carlos Câmara e José de Alencar, em Fortaleza, o I Encontro do Sistema Estadual de Cultura 2017, reunindo secretários de Cultura e outros gestores culturais dos municípios cearenses.

Busca do diálogo
O encontro tem como objetivo ampliar o diálogo da Secretaria com os novos gestores municipais, apresentando em detalhes a política cultural do Estado e os diversos programas, projetos e ações da Secult, e construir uma agenda coletiva.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os longos dedos do império

Empresa americana barra embarque de ministro de Temer em avião PATRÍCIA CAMPOS MELLO O secretário e...