domingo, 5 de fevereiro de 2017

Trump desafia Juiz americano

Trump diz que bloqueio de juiz é "ridículo" e vai ser revertido


Presidente dos EUA reagiu à ordem de juiz para que seja ignorada a proibição de entrada nos EUA de cidadãos de sete países
O presidente dos EUA reagiu no Twitter este sábado à suspensão temporária, a nível nacional, da proibição de entrada de pessoas de sete países de maioria muçulmana nos EUA, que foi ordenada por um juiz federal de Seattle.
Começando por escrever que quando um país não consegue decidir quem entra ou não em território nacional por razões de segurança então é porque existe um "grande problema", Trump diz depois que é "interessante como certos países do Médio Oriente concordam com a proibição de entrada" porque "sabem que se certas pessoas puderem entrar então é morte e destruição". E conclui que "a opinião deste dito juiz, que essencialmente neutraliza as autoridades no país, é ridícula e será revertida".

Nenhum comentário:

Postar um comentário