sexta-feira, 23 de dezembro de 2016

Sabe de nada, inocente!

O governo de Michel Temer (PMDB) separou R$ 1,7 milhão do orçamento para contratar uma empresa para servir autoridades em viagens nos aviões da Presidência durante um ano. A firma que vencer a concorrência deve ter capacidade de oferecer refeições a bordo, como almoço, jantar, chá e lanche. O edital exige que vários itens tenham opções sem glúten, sem gordura e sem lactose.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os longos dedos do império

Empresa americana barra embarque de ministro de Temer em avião PATRÍCIA CAMPOS MELLO O secretário e...