sexta-feira, 23 de dezembro de 2016

Ainda não mataram a jararaca



Lava Jato supera Kafka e 'Minority Report', diz Lula

Instituto Lula afirma que denúncia se antecipa a um fato que não existiu

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o Instituto Lula acusaram a Operação Lava Jato e o juiz federal Sérgio Moro de se anteciparem aos fatos e fazerem acusações de supostos crimes não concretizados. Segundo reportagem da Folha de S.Paulo desta quarta-feira (21), três delatores da Odebrecht confirmaram que a empreiteira comprou, em 2010, um imóvel em São Paulo que seria destinado à construção de uma nova sede do Instituto Lula.
Lula e o instituto afirmam que a Lava Jato abriu processo contra o ex-presidente por ele não ter recebido um terreno e que a perseguição ao petista chegou a um "grau de loucura". No título da nota enviada para responder à reportagem do jornal, o Instituto Lula disse que "a Lava Jato supera Kafka e 'Minority Report'".
No romance O Processo, o escritor tcheco Franz Kafka narra o drama de Joseph K., personagem preso nas páginas iniciais e que passa toda a história sem tomar conhecimento das acusações que caem sobre si. Já no filme Minority Report, dirigido por Steven Spielberg e baseado em história do escritor de ficção científica Philip K. Dick, a polícia do futuro detém em tanques seres vivos que conseguem prever crimes que ocorrerão. Com essas informações, os agentes prendem os potenciais criminosos antes do fato.
Ainda na nota, o Instituto Lula denuncia a tentativa de Moro de "gerar manchete de jornal e impedir que Lula seja candidato em 2018":
"A Lava Jato reconhece, porque é impossível não reconhecer, que o terreno não é nem nunca foi do Instituto Lula ou de Lula. É o grau de loucura que a Lava Jato chegou na sua perseguição contra o ex-presidente. Ao invés de investigar e apresentar denúncias sobre delitos reais, e após fechar acordos que tiraram da cadeia pessoas que receberam dezenas de milhões em desvios da Petrobras, persegue delitos que só existem na imaginação de Power Point de alguns promotores, e ficam atribuindo imóveis que não são de Lula para o ex-presidente. E o juiz Sérgio Moro aceita uma denúncia absurda dessas em poucos dias, porque o importante é gerar manchete de jornal e impedir Lula de ser candidato em 2018".


Moro tenta gerar notícias nos jornais para impedir candidatura de Lula em 2018, diz Instituto
Moro tenta gerar notícias nos jornais para impedir candidatura de Lula em 2018, diz Instituto
Deu no  jornal do brasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Congresso de urologia vai ser aqui

Evento discute inovações para tratar doenças urológicas Discutir inovações no diagnóstico e tratamento de doenças urológi...