sábado, 22 de outubro de 2016

Desrespeito e desmoralização

Justiça eleitoral determina instauração de procedimento policial contra Wagner Sousa por descumprimento de decisão judicial

A juíza eleitoral Jane Ruth Maia de Queiroga determinou abertura pela Polícia Federal de procedimento policial contra o candidato Wagner Sousa.

A juíza explica que proibiu a veiculação de propaganda que tenta criar uma falsa polêmica sobre a central de medicamentos da Prefeitura de Fortaleza e, embora a coligação de Wagner tenha sido notificada da decisão no dia 16 de outubro, a coligação não só não retirou a propaganda do ar como “sequer se manifestou, deixando decorrer os prazos para a defesa”.

Dessa forma, a juíza decide que “atendendo ao pedido da diligente promotora eleitoral, Dra. Ângela Tereza Gondim, determino que seja oficiado ao Departamento de Polícia Federal, nos termos de fls. 53, bem assim, que instaure o procedimento policial por crime previsto no artigo 347 do Código Eleitoral”, afirma.

Nenhum comentário:

Postar um comentário