quarta-feira, 7 de setembro de 2016

Coluna do blog



Ciro falou e não xingou ninguém
Para o ex-governador do Ceará e ex-ministro Ciro Gomes (PDT), pré-candidato em 2018 ao Palácio do Planalto, o Brasil vive “tempos difíceis” na política, diante de golpes, corrupção e descrédito do eleitor para com os políticos. Para não afundar ainda mais a crise política que o país vivencia, Ciro disse que o eleitorado deve apostar nos bons políticos, “aqueles já testados na honestidade e na competência”. A declaração foi feita na noite desse sábado (3), no Centro, durante a inauguração do comitê de campanha de Salmito Filho (PDT), candidato à Câmara Municipal de Fortaleza. Além de apontar Salmito como “um dos políticos sérios que Fortaleza tem”, Ciro Gomes também apontou o prefeito Roberto Cláudio (PDT), candidato à reeleição ao Palácio do Bispo e presente ao evento, como “o maior prefeito de Fortaleza nas últimas décadas”.Ciro destacou feitos do ex-prefeito Juraci Magalhães por Fortaleza, mas afirmou que, em três anos e meio, Roberto Cláudio bateu todos os recordes de uma administração competente. “Isso, em época de crise econômica”, observou. “Em oito anos de Luizianne Lins e nos quatro últimos anos de Juraci, Fortaleza construiu somente dois postos de saúde. Somente Roberto Cláudio já construiu 18 postos”, comparou Ciro, ao listar obras de mobilidade urbana, construção de praças, areninhas, escolas em tempo integral e a implantação do bilhete único. Rasgou elogios à vontade e, em um ponto fora da curva não xingou ninguém.

A frase: “7 de setembro. O Brasil inda é pendente”. Agora mais que nunca.


Eu ou a Outra? (Nota da foto)
Bem humorada, a ex-Prefeita Maria Luiza Fontenele, de Fortaleza, comentava na fila do banco: “Ontem peguei um táxi na Avenida da Universidade pra casa. Assunto do momento é política. O motorista desceu a lenha: A mulher acabou com Fortaleza.Foi um desastre, dizia ele. E eu, resume Maria, fui me encolhendo no banco traseiro sem saber se a mulher era Eu ou a Outra. E fiquei em silêncio até chegar. Eu, hein!!!

Ficou engraçado
Candidatos sem obras e realizações, sem propostas e zangados partiram pra cima de Roberto Claudio batendo na administração do Prefeito. Foi um gozo.

Ficou sério
Tim Gomes e Pastor Ronaldo deram um tom diferente. Disseram num debate o que gostariam de fazer. E até gozaram Heitor Férrer por querer acabar com foto sensor.

RC16
Este ficou quieto por um tempo, demais virou a manivela e foi pro bateu levou. Quem disse o que quis ouviu o que não quis.

Fez falta
João Alfredo, do Psol não pode entrar no debate porque o partido dele não tem deputado federal em numero suficiente.João fará falta em qualquer debate.Deixa-lo de fora é feio.

Aonde É
O juiz José Ricardo Vidal Patrício, da 118ª zona eleitoral, acatou o pedido do Ministério Público para rejeitar a candidatura do ex-vereador Antônio Farias de Sousa, o Aonde É.

Investigado
Aonde É estava sob investigação de desvio de verba para assessores. Um de seus supostos assessores o denunciou dizendo que era obrigado a sacar o salário e dá-lo ao vereador.

Recorrendo
De acordo com o advogado de defesa do processo penal, Leandro Vasques, os advogados do processo eleitoral irão recorrer, já que a decisão de indeferimento ainda está em primeira instância.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os longos dedos do império

Empresa americana barra embarque de ministro de Temer em avião PATRÍCIA CAMPOS MELLO O secretário e...