sexta-feira, 2 de setembro de 2016

Coluna do blog



Aqui e lá. Cada um cada um.
Lisboa(Portugal) 37 graus – Vou aos jornais. Busco notícias até porque aqui tem um Jornal de Notícias. Lógica portuguesa. E encontro num jornal chamado I (de Informação) algo que me chamou à atenção porque absolutamente impensável nos dias de hoje. Manchete: Governo admite aumentar pensões mais baixas. Cê entendeu?O texto começa assim: O Governo está disponível para mexes nos valores das pensões mais baixas e no indexante de apoio social (IAS). O I sabe que estes dois temas estão a ser discutidos entre o Governo e o Bloco de Esquerda e que estas são duas das bandeiras que os bloquistas querem ver contempladas na proposta de Orçamento do Estado para 2017. O IAS congelado desde  2009, tal como o nome indica, serve de base para os cálculos das prestações sociais. E descobriu: Só 15% dos idosos em Portugal aproveitam apoios para dentaduras, óculos e medicação. Aqui, apresentando a nota do que gastou o Governo paga dentadura (que não precisa ser dada por político em tempo de eleição), subsidia remédios e paga óculos pra quem precisa. Aí leio no discurso do Interino antes de sair correndo pra se amostrar na China: “Para garantir o pagamento das aposentadorias, teremos que reformar a previdência social. Sem reforma, em poucos anos o governo não terá como pagar aos aposentados". Mãe Vovó Petronilha, A Racista, quando via que alguma coisa ia quebrar no lombo de alguém dizia com certa sabedoria sobralense: Lascou-se nêga do doce”.

A frase: “Não há como dissociar a decisão dos senadores de seus posicionamentos políticos e partidários”. Tasso Jereissati, Senador da República assumindo que..ce sabe.


Unifor formando cidadãs (Nota da foto)
Estas são Carolina Lima, 20 anos e Mariana Navarro,21 anos. São estudantes de arquitetura e urbanismo na Unifor. Em Portugal participaram do Fórum Euro-Ibero-Americano da Juventude. Baseado nos princípios da Agenda 2030 e os 17 objetivos para o desenvolvimento sustentável, o fórum busca permitir que os jovens interfiram no processo de mudança do mundo. Mariana cuidou do desenvolvimento sustentável como saúde pública e Carolina no desenvolvimento urbano. O Brasil que as aguarde.

Atitude
Agenor Neto foi ao meio fio na Assembleia do Estado. Protagonista de uma cena feia de confronto físico com um colega,Osmar Baquit, Agenor pediu desculpas. Coisa de boa criação.

Imbecil
A tal da Janaina Pascoal, que gastou do próprio bolso para fazer ação contra Dilma, disse pra imprensa europeia que o Brasil não estava dividido.

Toma lá, dá cá
 Wellington Dias, governador do  PT do Piauí perdeu a diretoria de Ativos de Terceiros do BNB, que estava com o piauiense Luiz Carlos Everton de Farias. Quem será o dono do novo diretor?

Mentira
Pra ela o povo brasileiro tem 90% contra Dilma e 10% a seu favor. A moça, com ar de estrela de cinema disse mais:  “Nem Jesus Cristo agradou a todos”. Não entendi.

Inferno na torre
O cão tá dando as cartas no interior. As campanhas nem bem começaram estão acendendo fogueiras onde havia borralho. Fogo de monturo fumegando.

Festival
Não vai ser, já está sendo, uma sobrecarga de trabalho para a Justiça Eleitoral que também bole com a Polícia e a Justiça comum. Há montes de denuncias de crime eleitoral.

Diz o Mago...
“Terminado o julgamento, começa nos bastidores a briga entre o mau ganhador (Temer) e o mau perdedor (Aécio).Quem viver, verá”. Paulo Coelho.

Coisa de louco
Uma saca de 60 quilos de milho, produzido no Brasil, custa R$56,00 reais. O milho importado da Argentina chega ao Ceará por R$47,00 a mesma saca de 60 quilos.Ê ê!




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Evangelho

Sexta-feira, 13 de Outubro de 2017. Santo do dia:  São Venâncio de Tours, abade Cor litúrgica: verde Evangelho do dia: São Lucas 11, 15...