quarta-feira, 10 de agosto de 2016

Quanto mais mulher, melhor, diz Patrícia Aguiar

Presidente do PMB ressalta importância da mulher na política
A presidente estadual do PMB, Patrícia Aguiar, defendeu nesta nesta terça-feira (09), uma maior presença feminina na política como forma de construir uma sociedade com mais igualdade de oportunidades e direitos. A fala de Patrícia aconteceu durante o Simpósio Luso-Brasileiro que debateu o papel da mulher na sociedade contemporânea, na Assembleia Legislativa. A iniciativa foi da Universidade do Parlamento Cearense (Unipace), em parceria com o Instituto Luso-Brasileiro de Relações Internacionais (Ibrain) e a Faculdade Farias Brito (FFB).
"Apesar de sermos mais da metade da população, a mulher ocupa menos de 10% dos cargos políticos. Existe a necessidade de buscarmos espaço para garantir nossas conquistas. Infelizmente, o arcabouço histórico nos colocou como coadjuvante, mas estamos transformando essa realidade e construindo nosso protagonismo", destacou a presidente do PMB.
A doutora em Ciências Sociais e professora da Universidade de Lisboa Cláudia Vaz, palestrante do evento, questionou o que é ser mulher e os papéis definidos por gênero. Comparando Portugal ao Brasil, a doutora destacou problemas graves comuns, como a violência doméstica. Entretanto, em razão da diferença de tamanho entre os países, ela reconheceu que a dificuldade é maior para os brasileiros. Cláudia Vaz também chamou a atenção para a educação dentro de casa e a importância de estimular atitudes que ensinem sobre igualdade.
Também participaram do evento a deputada Laís Nunes (PMB); o deputado Naumi Amorim (PMB); o ex-deputado Francisco Caminha; a presidente da Associação Cearense de Emissoras de Rádio e Televisão (Acert), Carmen Lúcia Dummar; a professora de Direito Internacional Talita Del Lago e a defensora pública e presidente da Comissão de Acesso à Justiça da OAB/CE, Francilene Gomes de Brito Bessa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Capa do jornal OEstado Ce