domingo, 17 de julho de 2016

Bom dia

Imprensa finge que o MPF não inocentou Dilma nas pedaladas, diz jornalista


Jornal GGN - Sem importância. Foi assim que a imprensa tratou a notícia de que o Ministério Público Federal arquivou uma investigação sobre seis tipos de pedaladas fiscais de Dilma Rousseff (PT), por concluir que não houve crime, nem desrespeito ao Congresso e muito menos dolo nas manobras que embasaram o impeachment da petista.
Leia mais: Para entender a decisão do MPF sobre as pedaladas de Dilma
Os desdobramento da notícia tampouco tiveram atenção dos principais jornais, que seguem o noticiário como se nada tivesse acontecido. Segundo o jornalista Bob Fernandes, a imprensa acha que ninguém está observando este espetáculo de "cinismo e hipocrisia".
Por Bob Fernandes

No Facebook


O Ministério Público Federal pede o arquivamento do processo criminal que investigava as tais "peladas fiscais", o motivo para o impeachment de Dilma Roussef, e não se noticia, não se tem manchetes e "análises", nem mesmo para "ouvir o outro lado". Nem na noite do fato, nem no dia seguinte.
Não dá pra dizer "incrível" porque não é incrível. É assim mesmo que funciona. Enquanto isso se faz de conta não ter notado, que o fato não existe, que isso não importa. Se alguém notar, imaginam que basta sacar carimbo e rótulo. Imaginam também que ninguém tá vendo esse espetáculo de cinismo e hipocrisia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Qualidade destacada por Salmito

Salmito destaca gestão em Sobral, premiada por ações inovadoras na saúde “O município de Sobral colhe destaques de ...