quarta-feira, 31 de dezembro de 2014

Cid Gomes visita obras da Fiocruz no Ceará


O espaço funcionará com laboratórios e salas de aula, e deverá ser inaugurado em 2016. Durante a visita, o Governador destacou a importância da instalação da Fundação no Ceará.

O governador Cid Gomes visitou nesta terça-feira (30), o canteiro de obras da unidade da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) no Ceará, no Polo Industrial e Tecnológico da Saúde, localizado no Eusébio, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF). O espaço funcionará com laboratórios e salas de aula, e deverá ser inaugurado em julho de 2016. Durante a visita, o Governador destacou a importância da instalação da Fundação no Ceará.

 "Nós vamos ter uma base da Fundação Oswaldo Cruz. Vamos ter ainda uma base da Farmanguinhos que são duas plantas industriais, em parceria com laboratórios estrangeiros, um americano e um israelita, que vão produzir vacinas, antibióticos, medicamentos, a partir de base vegetal. É uma nova forma de se produzir, que está sendo vanguarda hoje em países como Israel, Alemanha e Estados Unidos, e o Ceará passa a sediar essa experiência com produção em escala industrial. O Governo do Estado já está cuidando de todas as preocupações, desde o que diz respeito a formação, a Escola de Educação Profissional do Eusébio já tem o curso de biotecnologia, e já vai oferecer técnicos daqui a dois anos formados nessa nova profissão no Ceara, e da oportunidade", disse Cid Gomes.

A visita foi acompanhada pelo presidente da Fiocruz, Paulo Gadelha, que na ocasião também destacou a importância do empreendimento. "Esse espaço tem capacidade para mobilizar saúde, tecnologia e gerar empregos", destacou. Acompanhou também a visita o coordenador da Fiocruz no Ceará, o médico Carlile Lavor, que assumirá a Secretaria da Saúde; e o governador eleito, Camilo Santana, que reforçou o compromisso do Governo do Estado em incentivar e apoiar as necessidades do empreendimento. "A partir de janeiro podem contar com todo o apoio, o Governo do Estado dará continuidade ao trabalho que o Cid Vem fazendo aqui e nosso compromisso e permanecer com essa parceria e afim de ampliar ainda mais esse projeto", reforçou Camilo Santana.

O Polo Industrial e Tecnológico da Saúde está sendo instalado em terreno de 55 hectares desapropriado pelo Estado, conforme o decreto nº 29.803, de 15 de julho de 2009. São três empresas âncoras: Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), Centro de Tecnologia da Informação Renato Archer (vinculado ao Ministério da Ciência e Tecnologia) e Isofarma. A unidade da Fiocruz no Ceará definiu como grandes objetivos fortalecer e qualificar a atenção Básica à Saúde e estimular o desenvolvimento do polo industrial, abrangendo as áreas de medicamentos e de equipamentos.

Em 2012 o Governo do Estado desapropriou mais 22 hectares para a área de produção industrial do Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos (Biomanguinhos), setor de produção de vacinas e biofármacos da Fiocruz. Os projetos estão sendo preparados para a produção inicial da vacina contra a febre amarela, e, em seguida, da taliglucerase, medicamento para a Doença de Gaucher. Este ano, o governador Cid Gomes visitou em Israel a fábrica da taliglucerase, cuja tecnologia será transferida para Biomanguinhos. Os investimentos previstos pelo Ministério da Saúde para as obras da Fiocruz Ceará são de R$ 170 milhões em quatro anos. Além das desapropriações, o Estado também esta investindo em obras de acesso ao P'olo Industrial, que deverá ter um via que chegue até o empreendimento. "Esse espaço coloca o Ceará na vanguarda mundial em industria de saúde", concluiu Cid Gomes.

Sobre a Fiocruz
Com escritório instalado em Fortaleza desde 2009, a Fiocruz Ceará coordenou a implantação do Mestrado Profissional em Saúde da Família com 10 Universidades do Ceará, Maranhão, Piauí, Rio Grande do Norte e Paraíba, formando a primeira turma com 94 mestres. No momento, 130 mestrandos integram a segunda turma. No ano passado iniciou o Doutorado em Medicina Tropical com a Universidade Federal do Ceará (UFC) para a formação de 12 doutores para esta área de pesquisa no Estado. Atualmente trabalham na Fiocruz Ceará 13 pesquisadores e sete funcionários da área administrativa.

A visita também foi acompanhada pelo secretario executivo da Saúde, Acilon Gonçalves; pela superintende da Escola de Saúde Pública do Ceará, Ivana Barreto, pelo deputado estadual Antônio Granja, e pelo deputado federal eleito, Odorico Monteiro. Os alunos da Escola Estadual de Educação Profissional Eusébio de Queiroz, no Eusébio, também visitaram o canteiro de obras da Fiocruz no Ceará.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Audiencia

Sérgio Aguiar e Duquinha, são os dois Deputados Estaduais do Ceará a serem recebidos esta manhã pelo Ministro da Integração Nacional. A aud...