quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

Parlamentares discutem sobre a atuação dos partidos na Assembleia


Amanhã, assume, na Assembleia Legislativa do Ceará, a nova Mesa Diretora, tendo o deputado José Albuquerque (PSB) (foto) o parlamentar que irá presidir a Casa no biênio 2013/2014. Em razão  do novo cenário político, no Estado, decorrente das eleições municipais, parlamentares falaram ao Jornal O Estado sobre como as respectivas legendas irão atuar, além de discorrerem sobre as perspectivas e discussões prioritárias na Casa. O deputado Fernando Hugo (PSDB) afirmou que o partido composto por ele, Téo Meneses e João Jaime, “sempre seguirá a linha de independência, sem isto, qualificar oposição ruidosa e cega, nem tampouco, especificar uma total subserviência aos atos do Executivo, que tem tido de nós, em várias ocasiões, propostas e aplausos alternados com críticas, quando se entende ser este o melhor caminho para o Estado do Ceará”.
Segundo ele, cobrará na Tribuna da AL, a forma de enfrentamento dos nossos governantes para com a longa estiagem que traumatiza e machuca o povo interiorano. “Vemos o imenso descaso e incompetência do Governo Federal para com o povo cearense. Tendo em vista, que no correr desses onze anos de governo petista, nada do que foi prometido para engrandecimento do Ceará foi cumprido, como a Transnordestina, Transposição do Rio São Francisco e Refinaria, que, hoje, ficam no sonho”, disse.
ATIVIDADE
Segundo o deputado Dedé Teixeira (PT), que amanhã tomará posse da 4ª secretaria, “2013 será um ano importante e de muita atividade parlamentar, em razão de não ser um ano eleitoral”. De acordo com ele, a nova Mesa deverá fazer um planejamento, em razão de que muitos temas de conjuntura nacional necessitam avançar. Em concordância com Fernando Hugo, Dedé Teixeira também pondera que a estiagem será um tema bastante discutido em razão da importância e pelos prejuízos que acarreta ao interior do Estado.

“Será um ano bastante carregado de fatos importantes e tenho certeza de que a AL estará muito movimentada, atendendo, reivindicando e fazendo interlocução dos movimentos sociais com a sociedade cearense com os governos Federal e Estadual”. Já sobre a performance do PT, no Legislativo, Dedé afirmou que a executiva se reunirá amanhã para determinar a atuação na Assembleia Legislativa, entretanto assegurou que irão discutir, também, “a relação com o governo de Cid [Gomes].
ALIADOS
Já o deputado Ferreira Aragão, do PDT, afirmou que o partido continuará a levar a bandeira ideológica partidária referente ao trabalhismo, qualificação profissional e Educação. “Fora isto, nos preocupamos com a Segurança, programa de enfrentamento das drogas e Saúde de modo geral. Apesar de aliados do governador Cid Gomes, exigiremos ações tanto do prefeito quanto do governador”, afiançou, assegurando que o grêmio “comungará com ideias do governador”, em razão de ser base aliada. “Nós temos Heitor Férrer (PDT), que discrepa um pouco da atuação do partido, mas a agremiação de um modo geral será da base aliada do governador Cid”, assegurou. (Rochana Lyvian, da Redação)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bom dia

Militares aceitam proposta encaminhada por comissão e decidem encerrar paralisação  ...