quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

A nota de Renan sobre indicação de Eunício lider do PMDB


Renan confirma Eunício como líder
do PMDB e neutraliza ameaça de crise

Waldemir Barreto/AgSenado
Foto
SEN. EUNÍCIO OLIVEIRA
O senador Renan Calheiros (PMDB-AL) deu nova demonstração de força e liderança em seu partido ao neutralizar uma disputa que ameaçava não apenas da unidade da bancada como sua própria candidatura à presidência do Senado. Ele articulou o acordo pelo qual o senador Eunício Oliveira (CE) está confirmado como o próximo líder do PMDB, em sua substituição, e Romero Jucá (RR), que pleteava essa liderança, será indicado com candidato do partido ao cargo de segundo vice-presidente do Senado. A assessoria de Calheiros divulgou a seguinte nota, a respeito do acerto:
"O líder do PMDB no Senado Federal, Renan Calheiros, tem a satisfação de anunciar que, a desepeito de comentários recentes, a bancada do PMDB no Senado está unida e, mais uma vez, demonstrou coesão interna no debate sobre a liderança do partido para o biênio 2013/2014. Através dos entedimentos conduzidos pelo atual líder Renan Calheiros, acordou-se que o Senador Eunício Oliveira será o líder da Bancada e o Senador Romero Jucá assumirá, se assim for o desejo dos demais senadores, a segunda  vice presidência do Senado, além da primeira vice liderança partidária. Mais uma vez o PMDB demonstra sua unidade interna que tem proporcionado ao Brasil um quadro de estabilidade política fundamental para os avanços sócio-econômicos."

Penso eu - Ao contrário do que estão afirmando Eunício não derrotou ninguem mas mostrou ser articulado para reverter um quadro que ameaçava seu desejo de liderar a bancada de seu partido. Pelo menos está descrito no teor da nota acima.

Nenhum comentário:

Postar um comentário