terça-feira, 30 de outubro de 2012

Escandalos dos Banheiros também na Argentina

Ariel Palacios
Felisa Miceli, ex-ministra da Economia, tornou-se nesta segunda-feira, 29, a primeira integrante do governo Kirchner a sentar no banco dos réus para julgamento no escândalo de corrupção denominado Caso do Banheiro. Miceli é acusada de encobrir uma operação financeira ilícita e de destruir documentos oficiais.
O caso veio à tona em 2007, quando a Brigada de Explosivos do Ministério da Economia encontrou no banheiro privado da ministra uma sacola com notas de peso e dólar de origem misteriosa. Entre 2005 e 2007, Felisa foi a primeira mulher na história da Argentina a ocupar a pasta da Economia.

Penso eu - Ariel Palácios é correspondente do Estadão em Buenos Aires e meu amigo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bom dia

Militares aceitam proposta encaminhada por comissão e decidem encerrar paralisação  ...