sexta-feira, 29 de junho de 2012

Refinaria – Secretário diz que terreno do projeto deve ser definido dentro de 15 dias


Adail Fontenele, secretário estadual da Infraestrutura, afirma que em 15 dias deverá ser definido o terreno para onde serão transferidos os remanescentes indígenas que estão na área de influência do Complexo Industrial e Portuário do Pecém. As exigências da Fundação Nacional do Índio (Funai) são o principal entrave à implantação da Refinaria Premium II, da Petrobras. De acordo com o secretário, já estão em análise os terrenos sugeridos pela fundação, sendo eles em Caucaia e São Gonçalo do Amarante. Na semana que vem, ele afirma, o terreno será apontado. Alguns dias serão necessários, também, para avaliação de preço, burocracias da compra e definição do investidor.
Ele analisa que não são necessários mais de 800 hectares para acomodar a comunidade que será deslocada, pouco mais de 200 pessoas. O Governo chamou a Petrobras para investir os recursos necessários na compra do terreno. “Petrobras ficou de viabilizar recursos, mas o diretor que ficou de resolver isso, o Paulo Roberto Costa, foi exonerado”, afirma, com referência ao ex-diretor de abastecimento da empresa.
A aceleração da definição do terreno será abordada em documento da bancada cearense em Brasília. Segundo o deputado federal Antônio Balhmann (PSB), coordenador da bancada, o objetivo é zerar as pendências para que a refinaria esteja dentro do próximo plano de negócios da Petrobras. A previsão é de que o documento esteja pronto na semana que vem.”
Tá no eliomar.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Editorial do Estadão

Linha vermelha O ministro da Educação, Abraham Weintraub, tem de ser demitido. Sua errática gestão já seria razão suficiente, ma...