quarta-feira, 30 de maio de 2012

Pinto Martins no escuro. Ruim, desconfortavel e sem luz

O Aeroporto Internacional Pinto Martins esteve, por quase 24 horas, sendo abastecido por um sistema de três geradores. O problema no fornecimento de energia elétrica foi causado pelo rompimento de um cabo subterrâneo. Serviços essenciais como segurança, pistas de pouso e decolagem e áreas de embarque e desembarque continuaram funcionando, porém, as escadas rolantes, o sistema de climatização e a energia para as lojas e lanchonetes ficaram sem energia.
O prejuízo dos comerciantes foi quase total e o desconforto para os passageiros foi generalizado, com falta de alimentos e muito calor no terminal aeroportuário. Apenas durante a tarde, uma das escadas rolantes voltou a funcionar.

Em nota, a Companhia Energética do Ceará (Coelce) afirmou que, após inspeção na rede elétrica, constatou-se que o problema era de defeito nas instalações do aeroporto. Conforme as informações disponibilizadas, um novo defeito interno foi identificado por volta das 10 horas de ontem.

“Tão logo os técnicos do aeroporto corrijam o defeito interno, a Coelce normalizará o fornecimento do terminal”, informava a nota. Até o fim da noite, a energia no Aeroporto continuava deficitária.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quem é a proteção do moço?

PGR é instada a investigar Salles por omissão em vazamento de óleo no Nordeste O Partido dos Trabalhadores foi à Procuradoria Geral d...