segunda-feira, 31 de outubro de 2011

Justiça Federal do CE anula 13 questões do Enem para todo o Brasil


Decisão foi em resposta ao MPF que pediu anulação total ou parcial.
MEC diz considerar a decisão excessiva e informou que vai recorrer.

A Justiça Federal no Ceará decidiu anular 13 questões do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) que foram antecipadas por um colégio de Fortaleza. A decisão foi tomada na noite desta segunda-feira (31) e é válida para todo o Brasil. Cabe recurso.

De acordo com a Justiça Federal, a anulação das 13 questões foi uma resposta à ação proposta pelo Ministério Público Federal (MPF), que havia pedidoo cancelamento total das provas do Enem ou, pelo menos, a suspensão parcial das questões envolvidas na polêmica.

Foram anuladas as questões 32, 33, 34, 46, 50, 57, 74 e 87, da prova amarela do 1º dia, além das questões 113, 141, 154, 173 e 180, da prova amarela do 2º dia.

Outro lado
O MEC considera a decisão excessiva e desproporcional e informou que vai recorrer. O Ministério ainda afirmou que a decisão é injusta e que vai lutar para que ela não se mantenha
.

Hospital Metropolitano: prorrogado prazo para apresentar estudo do regime PPP

A proposta técnica deverá apresentar a experiência, descrição, metodologia e plano de trabalho. O hospital deverá ser concluído até 2014.

A Secretaria da Saúde do Estado prorroga do dia 31 de outubro para o dia 14 de novembro deste ano o prazo de recebimento de manifestações de interesse para elaboração de estudos de viabilidade da adoção do regime de Parceria Público-Privada (PPP) pelo Hospital Regional Metropolitano do Ceará (HRM), que será construído pelo Governo do Estado no eixo do estádio Castelão, com previsão de ficar pronto para a Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014. O Aviso e o Edital de Solicitação de Manifestação de Interesse foram publicados na edição do Diário Oficial do Estado desta terça-feira, 11 de outubro de 2011.

As propostas técnicas e de preço deverão ser entregues em envelopes diferentes e fechados no Protocolo da Secretaria da Saúde do Estado, na Avenida Almirante Barroso, 600, Praia de Iracema, de segunda a sexta-feira, das 8 horas às 17 horas. A proposta técnica deverá apresentar a experiência do proponente em atividades similares, descrição do enfoque, metodologia e plano de trabalho, equipe de trabalho, estimativa do insumo de pessoas e currículos dos profissionais que executarão o estudo. A Comissão Avaliadora abrirá somente o envelope da proposta de preços da proposta técnica vencedora. Os interessados serão responsáveis pelos custos decorrentes da preparação de seus estudos.

As propostas técnicas serão avaliadas pelos critérios de experiência específica da consultora, relevância das pesquisas ou avaliações realizadas, qualificação e competência da equipe chave e adequação da consultora à natureza dos serviços. Os estudos a serem apresentados incluem as diretrizes do projeto, diagnóstico e estudos de demanda, elementos de projetos de engenharia, estudo de viabilidade multidimensional, plano de comunicação, análise e avaliação institucional, modelagem operacional, modelagem financeira, modelagem jurídica e minuta de edital e contrato, critérios de desempenho e monitoramento, análise de riscos e Value for Money VfM).

O objetivo principal da PPP é maximizar o VfM, que é usado para avaliar se a prestação do serviço pelo setor privado resultará no máximo benefício para a coletividade, a um custo menor do que a prestação direta do serviço pelo Estado ou por métodos tradicionais de contratação.

O Governo do Estado tem diversificado as alternativas de gestão para rede de assistência à saúde, que está se expandindo em todo o Ceará. Os consórcios intermunicipais de saúde, constituídos em 21 microrregiões de saúde do Estado, são os responsáveis pela gestão das 22 policlínicas e 18 Centros de Especialidades Odontológicas (CEOs) que o Governo já começou a entregar em todo o Estado. O Hospital Regional do Cariri (HRC), primeiro hospital da rede estadual construído no interior, adota o modelo de Organização Social (OS), já experimentado e aprovado no Hospital Geral Dr. Waldemar Alcântara. A Parceria Público-Privada é mais uma alternativa que o Governo utiliza para garantir a ampliação da oferta de serviços para a melhoria do acesso da população à assistência à saúde.

Governador e Diretor Geral do Dnit discutem obra do Arco Rodoviário Metropolitano

O Governador Cid Gomes recebeu, nesta segunda-feira (31), o Diretor Geral do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), General Jorge Pinto Fraxe. O encontro aconteceu no Gabinete do Governador, onde foi discutido a construção do Arco Rodoviário Metropolitano. Segundo o secretário da Infraestrutura, Adail Fontenele, que estava presente na reunião, deverá ser firmado um acordo entre Governo Federal e Governo do Estado para essa obra, que vai ligar o Anel Viário, passando pela Ceasa, até o entroncamento das Brs 020 e 222. O trecho é finalizado na Avenida Mister Hull.

“Essa obra deve acontecer após a assinatura de um convênio, onde o Governo Federal repassa os recursos e o Estado a mão de obra”, explicou Adail. “O Governador mostrou muita satisfação em firmar uma parceria e o trabalho do Governo do Estado é muito bem visto nesse setor. Essa é uma obra vital de ligação entre os dois portos do Estado”, completou Adail.

De acordo com o General Jorge, essa parceria é muito relevante e teve como finalidade maior garantir melhorias no trafega no local. “Isso já deu certo em outros estados como Santa Catarina e Pernambuco”, ressaltou o Diretor.

No encontro, também foram apresentadas as condições das estradas federais no Estado, sobretudo, da BR 222. Segundo Adail Fontenele, “o encontro foi bastante positivo. E foi solicitado a melhoria imediata das BRs”, disse. Para apresentar a situação de alguns trechos ao Diretor do Dnit, o Governador marcou para esta terça-feira (1º) um sobrevoo pelas rodovias. "As estradas federais no Ceará estão em condições muito ruins. Nós não podemos esperar. Nos temos que dar boas condições de tráfego agora, esse é o grande objetivo", finalizou o General Jorge.

A vinda do Diretor atendeu a um pedido do Ministro dos Transportes, Paulo Passos, após uma reunião com o Governador Cid Gomes, em Brasília, há duas semanas.

Arco Rodoviário Metropolitano

O Arco Rodoviário Metropolitano de Fortaleza terá 88,20 quilômetros de extensão e visa atender ao tráfego de longa distância de todas as regiões do País. O projeto conecta as principais vias de acesso à Capital, como a BR 116, a BR 020, a BR 222, e as CEs 060 e 065. Entre as expectativas com o Arco metropolitano está a criação de pólos industriais.

Avião da Azul erra aeroporto e pousa no Maranhão em vez de ir para o Piauí

Seis quilômetros separam aeroporto particular do Maranhão (esq.) e aeroporto de Teresina, no Pia

Aliny Gama

Especial para o UOL Notícias

Em Maceió
  • Um avião Embraer 195 da companhia Azul Linhas Aéreas, que operava o voo 9136, de Fortaleza para Campinas (93 km de São Paulo), com escalas em Teresina e Belo Horizonte, errou o trajeto e foi parar num aeroporto particular em Timon (452 km de São Luís), na tarde deste domingo (30).

A aeronave iria pousar no aeroporto Senador Petrônio Portella, na capital do Piauí, quando teve a rota alterada e posou no aeroporto privado Domingos Rego. O motivo da troca de aeroportos ainda não foi esclarecido.

Os dois aeroportos ficam a 6 km de distância um do outro, separados pelo rio Parnaíba, que faz a divisa do Piauí com o Maranhão. Pela imagem de satélite, é possível perceber a diferença do entorno dos aeroportos: enquanto o de Teresina (à direita) está cercado por edificações, o de Timon (à esquerda) fica situado na zona rural do município, numa área de vegetação.

Por meio de nota, a Azul Linhas Aéreas informou que o erro no local do pouso foi causado por falha operacional. “Uma vez constatado o equívoco, a tripulação prosseguiu viagem, decolando de Timon e pousando minutos depois no aeroporto Senador Petrônio Portella”, disse a empresa.

Segundo a Azul, a chegada do voo a Teresina sofreu atraso de 20 minutos, aterrissando às 13h05 (horário local). A companhia informou ainda que está investigando os fatores que levaram os pilotos a pousarem no aeroporto errado e destacou que, depois de corrigido o equívoco, o voo seguiu viagem normalmente.

“O voo 9136 prosseguiu normalmente em sua programação, decolando rumo a São Luís, Belo Horizonte e Campinas.

Dilma visita ex-presidente Lula e diz que, em janeiro, ele estará "desfilando pela Gaviões da Fiel"


ex-presidente Lula é diagnosticado com tumor na laringe

Foto 14 de 16 - 31.out.2011 - Acompanhado de Marisa Letícia, Lula chega ao Hospital Sírio-Libanês para começar o tratamento e conversa com os médicos Raul Cutait (à esquerda dele) e Roberto Kalil Filho Mais Ricardo Stuckert/Instituto Lula

A presidente Dilma Rousseff chegou por volta das 18h35 desta segunda-feira (31) ao hospital Sírio-Libanês, na região central de São Paulo, para visitar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva --internado hoje para iniciar o tratamento contra um câncer de laringe, diagnosticado no fim de semana. Dilma chegou de helicóptero e ficou quase uma hora e meia no local.

Ao sair, afirmou aos jornalistas que Lula está bem. “Saio muito contente porque achei ele [Lula] muito bem, com aquela imensa energia, uma combinação de força do organismo e da extrema energia que sai da bondade e da alegria de viver”, afirmou em entrevista coletiva. “Saio certa que ele sai, em janeiro, desfilando na Gaviões da Fiel”, brincou, referindo-se à escola de samba do time de Lula, o Corinthians. "O povo brasileiro pode ter certeza que ele é um guerreiro e vai sair dessa."

“Eu sofri muito na minha quimioterapia [Dilma fez um tratamento para combater um câncer linfático], mas o presidente tem uma capacidade enorme de vencer desafios”, completou. Segundo Dilma, Lula estava mais interessado em discutir o G-20 e o desempenho dos países da zona do euro do que falar da doença. “O presidente olha para fora, não fica triste, olhando para dentro. É sempre muito alegre.”

Questionada se o ex-presidente está preservando a voz, Dilma disse que ele está falando baixo, mas as vezes ele acaba falando mais alto. Ainda de acordo com a presidente, Lula reclamou de notícias da imprensa apontando irregularidades em três contratos do programa federal Minha Casa Minha Vida. “O programa tem um milhão de contratos e que ele acha um absurdo tratar isso [as irregularidades em três deles] como uma catástrofe.”

Dilma segue agora para outro compromisso na capital paulista, a entrega do prêmio "As Empresas mais Admiradas do Brasil”, na zona oeste.

Entenda a doença de Lula

O ex-presidente tem um tumor maligno na laringe de agressividade intermediária, de acordo com a equipe médica. Lula chegou ao hospital hoje para se submeter à primeira sessão de quimioterapia por volta das 10h. Ele deve passar a noite no hospital e voltar para seu apartamento, em São Bernardo do Campo, na Grande São Paulo, na terça-feira (1º).

Segundo o médico Paulo Hoff, que, ao lado dos colegas Roberto Kalil Filho, Artur Katz e Luiz Paulo Kowalski, concedeu uma entrevista coletiva no hospital mais cedo, o tumor na laringe do ex-presidente é o mais comum nesta região.

"O resultado da biópsia foi claro. Nossa expectativa é de que ele responda bem ao tratamento", afirmou. Hoff disse que o tumor está "relativamente em um estado inicial", que é localizado e não se espalhou pela laringe. "O fato de ser um tumor localizado é muito importante. A chance de cura é muito maior", declarou.

Cerca de três a quatro semanas após o fim do ciclo de sessões de quimioterapia, o ex-presidente deve se submeter ao tratamento com radioterapia. "As sessões de radioterapia devem começar entre os dias 10 e 12 de janeiro", disse Artur Katz. O médico afirmou que "não há nenhum planejamento de cirurgia no cronograma de tratamento".

Resumo divertido de 8 anos de governo de Lula em uma partida de futebol

Caso Lula não responda bem ao tratamento, os médicos deverão considerar a possibilidade de uma cirurgia. "Seria uma cirurgia que preserva a voz. Mas ele tem uma chance muito boa para a cura sem a cirurgia", afirmou Luiz Paulo Kowalski. Após duas sessões de quimioterapia, os médicos já saberão se o tratamento teve sucesso.

"O presidente levará uma vida próxima do normal. Acreditamos que ele não terá nenhuma dificuldade em voltar a uma vida absolutamente normal muito em breve", disse o médico Arthur Katz.

De acordo com os médicos, caso o tratamento seja bem sucedido, o ex-presidente terá que continuar com um acompanhamento médico mais cuidadoso até o período de dois anos após o fim do tratamento, considerado crítico pelos médicos para eventual volta da doença.

Segundo eles, somente após cinco anos depois do fim do tratamento e deste acompanhamento poderá se avaliar se Lula estará completamente curado.

De acordo com os médicos, Lula se submeterá a sessões de quimioterapia a cada 21 dias, totalizando três sessões. Os médicos pretendem avaliar o ex-presidente entre a segunda e terceira aplicações.

"Diante da escala de agressividade, é um tratamento agressivo. No ex-presidente terá os efeitos colaterais da quimioterapia, incluindo a queda de cabelo", disse Paulo Hoff. "O tumor é localizado, a chance de cura é elevada", acrescentou.

Compromissos políticos cancelados

O ex-presidente foi diagnosticado, no último sábado (29), com um tumor maligno, de 2 cm a 3 cm, considerado de tamanho médio, localizado na laringe, na parte superior da glote. Lula cancelou seus compromissos por causa da doença.

Por causa do tratamento, Lula foi obrigado a cancelar toda sua agenda política até janeiro de 2012. Segundo Paulo Okamoto, presidente do Instituto Cidadania --que irá se chamar, em breve, Instituto Lula-- o ex-presidente iria para Porto Alegre (RS), Washington D.C. (EUA), onde receberia um prêmio, República Dominicana e Venezuela, onde se encontraria com o presidente Chávez, entre os dias 8 e 11 de novembro.

"Todos os compromissos serão cancelados. Não dá para ele viajar para tantos lugares durante o tratamento", disse Okamoto, que esteve no hospital no sábado (29).

O câncer

O ex-presidente, que completou 66 anos na última quinta (27), estava com rouquidão considerada acima do normal e vinha se queixando de dores de garganta nos últimos dias.

Segundo o médico Rafael Possik, oncologista do hospital Sírio Libanês, esse tipo de tumorestá diretamente relacionado ao consumo de tabaco e bebidas alcoólicas.

A laringe é um órgão situado na região do pescoço e tem funções respiratórias e relacionadas ao aparelho vocal. O câncer de laringe atinge principalmente homens e é um dos mais comuns na região da cabeça e pescoço.

Segundo o Instituto do Câncer (Inca), fumantes têm dez vezes mais chances de desenvolver câncer de laringe que pessoas que não fumam. O câncer de laringe representa cerca de 25% dos tumores malignos na região da cabeça e pescoço. Dois terços dos tumores do gênero ocorrem na corda vocal.

Opinião

A presunção dos tucanos contra os interesses do Brasil Jornal do Brasil A tucanada acha que Aécio Neves pode ser senador de um po...