sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

Terra som dono (pode-se ler tammbém:Fiofó de bebado)


Socorristas do Samu decidem paralisação hoje
Os servidores do Samu podem decretar hoje uma paralisação por tempo indeterminado. A razão central é o atraso de quase três meses no pagamento dos adicionais de produtividade a todos os servidores de carreira e também atraso no pagamento do adicional dos plantões extras pelo mesmo período.

A decisão sobre a paralisação será tomada em assembleia geral que ocorre hoje na sede do órgão, às 8h30. A assembleia está sendo convocada pelo Sindifort e deve reunir motoristas-socorristas, auxiliares e técnicos de enfermagem, entre outros. A sede do Samu fica na Rua Padre Guerra, 1350, Parquelândia.

Além do pagamento dos atrasados, os servidores reivindicam também melhores condições de trabalho, cumprimento do Plano de Cargos, Carreiras e Salários com implantação da Gratificação Especial de Desempenho (GED) Variável, que deveria estar sendo paga desde 2007.

Há bastante tempo que o Sindifort alerta a direção do órgão e tenta encaminhar solução para os problemas. Em assembleia geral ocorrida esta semana, os servidores deliberaram que caso o pagamento dos atrasados não seja feito até amanhã, passam a encaminhar a paralisação. Com a mobilização do Samu, o Sindifort já inicia a discussão com os servidores para a Campanha Salarial 2011.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bom dia

Militares aceitam proposta encaminhada por comissão e decidem encerrar paralisação  ...