quarta-feira, 30 de dezembro de 2009

Dólar tem em 2009 a maior desvalorização em toda a história do real


Da Redação do UOL, em São Paulo
Neste ano, o dólar atingiu sua maior desvalorização em relação ao real, aponta estudo da consultoria Economatica. Nas contas da empresa, a moeda americana já perdeu 25,46% de seu valor neste ano (até essa terça-feira, dia 29). A alta desvalorização do dólar representa a maior perda anual nos 15 anos de história do real (veja gráfico abaixo).
Antes de 2009, a maior valorização do real sobre o dólar tinha acontecido em 2003, quando a moeda americana caiu 18,23% no acumulado anual. Apesar da queda expressiva, do final de 1994 - ano em que foi instituído o plano real - até hoje, o dólar subiu 106%.

Enquanto a desvalorização do dólar no Brasil neste ano marcou 25,46%, no Chile, foi de 21,03%; na Colômbia, de 9,17%; no Peru, de 7,40%; e no México, de 5,59%, detalhou a Economatica.

O dólar em baixa favorece os turistas brasileiros que vão viajar ao exterior ou os consumidores que compram produtos importados.

Mas a desvalorização do dólar não é boa para as exportações de produtos brasileiros. Isso fez com que o governo decidisse, em outubro, taxar aplicações estrangeiras na Bolsa de Valores (Bovespa) e nas aplicações em renda fixa. Em novembro, o governo adotou outra medida: a cobrança de IOF sobre operações com ações de empresas brasileiras no exterior.

No período do governo Lula o dólar acumula desvalorização de 50,7%.

A valorização nominal do dólar não considera a inflação do período. O dólar utilizado para a análise foi o dólar Ptax (média das taxas efetivas de transação no mercado interbancário, ponderada pelo volume de transações).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Capa do jornal OEstado Ce