segunda-feira, 30 de novembro de 2009

Quase foi partido ao meio, se pegou com Padre Cícero e veio a cavalo pagar sua promessa


Juazeiro do Norte –

Postado por Roberto Bulhões com Foto de Bulhões Junior
No calor da noite do último domingo, por volta das 22 horas, o repórter cinematográfico Junior Bulhões saia do memorial Padre Cícero, quando percebeu dois homens rezando ajoelhados aos pés da estátua do Padre Cícero, na capela do Socorro. Ao lado dos dois devotos, dois cavalos esperavam pacientemente pelos seus donos, como se tivessem entendendo o que eles faziam ali. A reza demorou uns 20 minutos, tempo suficiente para um registro fotográfico de vários ângulos e uma conversa rápida com os dois homens. José Pereira dos Santos, 40 anos, mais conhecido por “Zé Bracim” e Luciano Almir dos Santos, 24 anos, são pernambucanos de Riachinho, em Salgueiro, Pernambuco e viajaram a cavalo até Juazeiro do Norte, para pagar uma promessa.

Segundo os dois rapazes, um deles “Zé Bracim”, escapou da morte por milagre. O próprio "Zé Bracim" afirmou que fez uma promessa ao Padre Cícero para vir rezar na hora que chegasse em Juazeiro do Norte. “Eu quase fui partido ao meio por uma serra de fita na serraria onde trabalhava, perdi o braço direito e os médicos me abriram do pescoço até a virilha”, disse José Pereira, acrescentando que “me peguei com meu Padrinho Ciço e pedi que ele não deixasse eu morrer”. Com os olhos lacrimejando, “Zé Bacim” concluiu dizendo que “fui atendido na minha prece e estou aqui sem um braço e todo remendando, mas estou vivo e contando como tudo aconteceu”.

Luciano Almir confirmou que seu amigo saiu da serraria praticamente morto e ninguém acreditava que ele escapasse.”Para mim tudo isso foi um milagre. Quem conhece José Pereira e o viu no hospital todo costurado com uma mão na vela e outra no soro, jamais acredita que ele está vivo, andando a cavalo e vez por outra tomando umas pingas”. Luciano disse ainda que veio com o amigo a Juazeiro do Norte para pagar a promessa e estão voltando hoje ainda para Salgueiro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Capa do jornal OEstado Ce