terça-feira, 30 de junho de 2009

Arquitetos exigem respeito aos projetos para 2014

Time de Arquitetos da Copa divulga carta em defesa do planejamento na preparação do Brasil para o mundial

O fórum Time dos Arquitetos da Copa apresenta uma carta aberta exigindo planejamento na preparação do país para o mundial. No documento, divulgado nesta semana pelo Sinaenco - Sindicato da Arquitetura e Engenharia, os profissionais pedem respeito aos projetos desenvolvidos para as futuras arenas da Copa. Confira a carta na íntegra no portal Copa201.org.br (http://www.copa2014.org.br/noticias/526/VEJA+A+CARTA+DOS+ARQUITETOS+DA+COPA.html).

No texto, os arquitetos recomendam todo o empenho da sociedade e governantes para que os investimentos na Copa de 2014 sejam sustentáveis e tragam benefícios permanentes às cidades brasileiras. A carta reflete a principal preocupação dos profissionais brasileiros e estrangeiros presentes ao primeiro encontro do fórum: que seus projetos sejam seguidos criteriosamente no momento das construções e evitem o uso indevido dos recursos, especialmente o dinheiro público.

O documento é assinado pelos arquitetos Alcyr Meira e César Meira (Belém), Gustavo Penna (Belo Horizonte), Eduardo de Castro Mello e Vicente de Castro Mello (Brasília e Rio de Janeiro), Carlos Arcos (Curitiba), Thiago Fortkamp (Florianópolis), Ralf Amann ( Manaus), Antonio Paulo Cordeiro (Natal), Mauricio Santos, Fernando Balvedi e Gabriel Garcia (Porto Alegre), Daniel Fernandes (Recife), Múcio Jucá (Olinda/Recife), Antônio Saraiva (Rio de Janeiro), Marc Duwe, Class Schulitz e Mário Luis Colares Fagundes (Salvador), além do vice-presidente de arquitetura do Sinaenco, Leon Myssior.

O primeiro encontro do Time dos Arquitetos da Copa aconteceu em 3 de junho, em São Paulo. As próximas reuniões estão marcadas para 11 de agosto, 29 de setembro e 10 de novembro de 2009. O objetivo é oferecer um espaço de debates sobre os principais problemas encontrados pelos arquitetos nos projetos das arenas esportivas e apresentar inovações tecnológicas, disponíveis no Brasil e no exterior, para esses empreendimentos.




Informações para a imprensa:

Mandarim Comunicação

11 3224-2680

Rodrigo Prada (rodrigo@mandarim.com.br) – 11 7666-6423

Silvério Rocha (silverio@mandarim.com.br) – 11 9131-0186

Joana Pellerano (joana@mandarim.com.br) – 11 7073-8974

Penso eu: Que engraçado! Fortaleza não tem ninguem nesse time.

RÁDIO EDUCADORA COMEMORA 50 ANOS A SERVIÇO DA INFORMAÇÃO, DA EDUCAÇÃO E DA FÉ

Por Artemísio da Costa
Neste domingo, às 10h30, no estúdio da Rádio Educadora do Nordeste, a entrega de comendas a autoridades e colaboradores marcará o início das comemorações dos cinqüenta anos de fundação da emissora. A festa será encerrada com a celebração de uma missa na Catedral de Sobral, às 18h30, seguida de um show na praça da Sé com os ministérios de música da Diocese. Na ocasião, também será inaugurado o estúdio Mons. Sabino Guimarães Loyola, com a aposição de placa para eternizar o nome do fundador.

Rádio Educadora do Nordeste – ZYH 593 – 950 kHz – A segunda emissora de Sobral nasceu do esforço do Mons. Sabino Guimarães Loyola, que teve como primeiros colaboradores os amigos José Patriarca de Lima e do Mons. Aloísio Pinto. O sonho do religioso era criar uma emissora mais voltada para os interesses da educação e da Igreja Católica
A emissora foi ao ar, em caráter experimental, a 20 de maio de 1959. Sua fundação oficial data de 21 de junho de 1959, tendo como primeiro locutor Francisco Marques dos Santos (Marcos da Cruz). Este veterano radialista também atuou como mestre-de-cerimônias na festa inaugural realizada em 8 de julho do mesmo ano, no (extinto) Cine Rangel, que contou a presença de ilustres personalidades municipais e estaduais, dentre elas, o governador do Ceará, Parsifal Barroso.
Depois de anos sob o comando do Mons. Sabino Loyola, a emissora foi adquirida pela Diocese de Sobral. Funcionou durante décadas sempre na Avenida Dom José. Inicialmente no prédio dos Vicentinos, esquina da Av. Dom José com Rua Domingos Olímpio, onde atualmente funciona a Academia Sobralense de Estudos e Letras. Esteve provisoriamente também instalada no prédio do Museu Diocesano Dom José e, durante o período mais longo, em frente ao Colégio Sant´Ana. Em julho de 2000, passou a funcionar na Cúria Diocesana, tendo recebido prédio e equipamentos novos, bem como teve reformulada sua programação.
Na atual gestão de Dom Antonio Fernando Saburido, além de nova seleção na grade de programação a Rádio Educadora foi beneficiada com outros melhoramentos em suas instalações físicas, inclusão na rede mundial de computadores (www.educadora950.com) e com a aquisição de moderno transmissor de 6 kW.
Além da sua grande utilidade pública a serviço da comunicação sadia e séria, a Rádio da Diocese de Sobral tem também sido uma escola para muitos profissionais que hoje são destaque na imprensa local, estadual e nacional. Atualmente, como a mais potente da região e com seu seleto quadro de profissionais, a emissora católica busca o constante aprimoramento no intuito de continuar oferecendo, através das ondas hertzianas, o que há de melhor em informação, educação e na promoção da fé e da paz.

NOSSA GRATIDÃO
Em nome destes cinqüenta ilustres colaboradores a Rádio Educadora agradece a todos que ajudaram a construir a história do seu Jubileu.
• Dom Walfrido Teixeira Vieira
• Dom Antonio Fernando Saburido
• Mons. Francisco Sadoc de Araújo
• Côn. Egberto Rodrigues de Andrade
• Mons. Francisco de Assis M. Rocha
• Pe. Luizito Dias Rodrigues
• Pe. Marconi Montezuma
• Aloísio Paiva
• Carlos Gomes Carneiro
• Francisco Araújo Pachelle
• Alcides Santos
• Carlos Torres
• Cid Ferreira Gomes
• Ciro Ferreira Gomes
• Clerton Viana
• Domício Pereira
• Firmino Lopes
• Ferreira Aragão
• Francimar Martins
• Francisco Valdo Mesquita
• Guajará Cialdine
• Edmilson Sousa
• Edson Silva
• Elisabete Pinto
• Fernando Solon
• Francy Apoliano
• Gomes Farias
• Helly Elery
• Irmã Iolanda
• Irmã Teresinha
• Ítulo Costa
• Ivamar Perdigão
• Ivan Frota
• José Maria Félix
• Leunam Gomes
• Macário Batista
• Maynardo Ponte
• Marcos da Cruz
• Marfisa Maura
• Mirtes Loiola
• Moésio Loiola
• Onofre Viana
• Rui Silva
• Sousa Lélis
• Sebastião Albuquerque
• Tobias Alves
• Valneide Araújo
• Zuleika Viana
A Rádio Educadora do Nordeste está em Sobral há 50 anos, como muitas outras emissoras de rádio no Brasil, graças à compreensão, generosidade e poder que tinha o ex-presidente, Juscelino, ex-seminarista, cheio de amor pela Igreja e de gratidão para com ela, a ponto de facilitar todos os caminhos legais para que ela pudesse ser detentora de vários canais de rádio, para evangelizar.
Sobral soube aproveitar bem do momento, na pessoa e no destemor do Pe. Sabino Loyola que empreendeu todos os esforços para que a Rádio Educadora chegasse até nós. O que havia de melhor no Brasil para ocupar boa parte da programação dessas Emissoras, era o Movimento de Educação de Base (o MEB) que, espalhado por toda parte, em salas de aulas radiofônicas, ia instruindo, educando, unindo, animando, divertindo e evangelizando por toda parte.
Aonde o Padre não ia ou a Escola não chegava, penetrava o Rádio, com sua onda cativa, sintonizado só na Emissora Educativa e fazendo o seu trabalho básico de educação em todos os aspectos.
Com o passar do tempo, a Rádio Educadora foi perdendo a objetividade do início; foi mudando de rumo, até que chegou à Diocese de Sobral, seu 5º Bispo, D. Fernando Saburido que, sabendo da finalidade das Rádios Educativas, achou por bem, ajustar a rota ou a bússola da Rádio de sua Diocese; e isso foi feito.
Na segunda feira, dia 22, entramos no ar com uma nova roupagem. Estamos vivendo uma nova era na radiofonia sobralense. Aqueles que pensavam que a Rádio Educadora era uma rádio, puramente, comercial, estão sentindo a diferença. Ela está retomando a sua caminhada. Ela quer ser um instrumento de evangelização e de educação para a vida, fazendo jus ao seu nome: Educadora.
É mais um ponto positivo, contado no curriculum pastoral de D. Fernando, aqui entre nós. Parabéns, Sr. Bispo! As comunidades eclesiais de Sobral, a sua catequese, as suas pastorais sociais, o seu clero e seus leigos, vão, para sempre, lhe ser gratos pela ousadia do empreendimento. Que Deus lhe pague. Obrigado!
NOSSA GRATIDÃO
Em nome de Dom Antônio Fernando Saburido, a Rádio Educadora do Nordeste agradece estes ilustres profissionais que ajudaram a construir a história do seu jubileu: José Torquato, Mons. Francisco Sadoc de Araújo, Francisco Ferreira Gomes, Tarcisio Leite da Fonseca Soares (Leite Soares), José Ribamar Coelho, Oliveira Domingos, Tupinambá Frota, Marciley Lourinho, João Baptista com P, Aristeu Barbosa, Ana Flávia Sousa Rodrigues, Genaldo Ferreira Azevedo, Francisco Firmino Filho(Santana), José Alberto Lopes Pereira, Antonio Pontes, José Ferreira de Matos, Inácio de Brito, Renan Santiago, Osvaldo Avelino, William Vasconcelos, Ivan Moreira e Radier Frota. Nos transmissores: José Carmilson e Péricles.

Assembleia Legislativa fará audiência pública para homenagear os 50 anos da Rádio Educadora

Primeiro processo virtual é julgado em apenas três dias úteis

O primeiro processo virtual enviado do Tribunal de Justiça do Estado do Ceará (TJCE) ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) foi distribuído e julgado em apenas três dias úteis. Ontem (29/06), o ministro do STJ Félix Fischer julgou um agravo de instrumento que fez parte do lote de processos enviado na última quinta-feira, 25, à Brasília pelo TJCE.

O TJCE foi a primeira corte do Brasil a enviar um processo de forma eletrônica para o Tribunal Superior. Segundo informações do STJ, a decisão já foi encaminhada à Coordenadoria da Quinta Turma.

Durante o envio dos primeiros processos eletrônicos, no Pleno do TJCE, dia 25, o presidente do STJ, ministro César Asfor Rocha, lembrou que antes da virtualização, um processo demorava cerca de seis meses para ser distribuído ao gabinete de um relator.

Irmã de assessor de Virgílio teve nomeação secreta

da Folha Online

A irmã do subchefe de gabinete do senador Arthur Virgílio (PSDB-AM) foi nomeada por ato secreto na direção geral em 20 de março de 2007, informa reportagem de Adriano Ceolin e Andreza Matais, publicada nesta terça-feira pela Folha (íntegra disponível para assinantes do UOL e do jornal).

Segundo a reportagem, com salário de R$ 7.484,43, Ana Cristina Nina Ribeiro ingressou no órgão comandado pelo então diretor-geral Agaciel da Silva Maia um mês depois de o irmão dela, Carlos Homero Vieira Nina, começar a trabalhar para o tucano, que é líder do PSDB no Senado.

Ontem, Virgílio subiu à tribuna para explicar os motivos de ter contratado três filhos de Carlos Homero para trabalhar no seu gabinete. Ele também teve de justificar o empréstimo que tomou de Agaciel para quitar uma dívida de cartão de crédito. Segundo a versão do tucano, o caso ocorreu em 2005 enquanto ele fazia uma viagem a Paris e constatou que seu cartão estava bloqueado, conforme revelou a revista "IstoÉ".

A Folha informa que Ana Cristina só foi exonerada em outubro por conta da súmula do STF (Supremo Tribunal Federal) que proibiu o nepotismo nos três Poderes.

Virgilio vem a ser o clined senador Arthur Virgilio do pSDB.

PF realiza Operação Luxo em Fortaleza e no Rio de Janeiro

A Políca Federal realiza, nesta manhã de terça-feira, a Operação Luxo. A ação ocorre em empresas de Fortaleza e do Rio de Janeiro. A PF cumpre 12 mandados de busca e apreensão e mais seis de prisão.

Em Fortaleza, a Operação Luxo ocorre na Indústria Naval do Ceará (Inace), na Nossa Casa, de produtos importados, e na empresa Marimar. No Rio, ainda segundo a Polícia Federal, a operação envolve a empresa Intramar.

A Polícia Federal investiga empresas acusados de sonegação fiscal, descaminho de mercadorias e evasão de divisas. Maiores detalhes serão liberados pela PF ao longo do dia.

Tá no blog do Eliomar de LIma

Lembrando Assis Bezerra

O Secretário de Segurança do Ceará, Roberto Monteiro, surpreendeu todos os juazeirense na noite de ontem, durante o lançamento do Ronda do Quarteirão na terra do meu padim", com a celebre frase: “escreveu não leu, o pau comeu”. Entusiasmado com a multidão presente para ver as novas viaturas da Policia, Monteiro lembrou e muito as atitudes do então secretário Assis Bezerra, que sempre falava frases dessa natureza. Roberto Monteiro que determinou a mudança brusca do comando do 2º BPM em Juazeiro, vinha sendo acusado pelo ex-comandante, tenente coronel Erick Onofre de abuso de poder. Por sinal Onofre entrou com uma ação contra o secretário, que respondeu ironicamente: “troquei o comando do batalhão de Juazeiro do Norte porque o então comandante exonerado, perdeu minha confiança”. Roberto Monteiro disse ainda que “Mandei investigar suas atitudes e achei por bem retira-lo do comando”.

Blogado por Roberto Bulhoes da turma do blog no Cariri cearense.

Cidade da Criança é o novo palco da Terça Negra

A Terça Negra está de casa nova. Projeto que integra o calendário cultural de Fortaleza há dois anos, a Terça Negra passa a ser realizada na Cidade da Criança, no Centro. O evento tem o objetivo de dar visibilidade a manifestações artísticas, tradicionais e contemporâneas, da cultura negra cearense. O convidado de amanhã (30) é o grupo “Toque de Senzala”, que se apresenta a partir das 18h.

O novo palco das apresentações da Terça Negra não poderia ser mais significativo para a luta do povo negro do Ceará. Urbanizado em 1890, o local recebeu o nome de Parque da Liberdade, em referência à libertação dos escravos no Estado.

O projeto Terça Negra é uma iniciativa da Secretaria de Direitos Humanos (SDH), através da Coordenadoria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (Coppir), e ocorre quinzenalmente, celebrando, a cada edição, a originalidade da arte negra através de processos culturais coletivos que estimulam o potencial criativo dos participantes. O evento é gratuito e aberto ao público.

Toque de senzala – O nome do grupo faz referência à luta do povo negro no período do cativeiro. Os integrantes se propõem a divulgar, valorizar e preservar as culturas negra e indígena nos terreiros de matriz africana e afro-brasileira.

O grupo nasceu a partir de uma apresentação relativa ao mês do “preto velho”, em maio. A inovação e o encanto levada ao público nessa ocasião levaram à formação do grupo artístico, constituído por filhos e filhas de santo do Terreiro de São Miguel, em Fortaleza.


Terça Negra
Evento gratuito e aberto ao público
Data e Horário: 30 de junho, a partir das 18h
Local: Cidade da Criança/Parque da Liberdade (Rua Pedro I, s/n, Centro)


Penso eu - E por acaso ja tivemos pretos aqui?

Edital para contratação de 4 mil professores será aberto para consulta pública

A partir desta terça-feira (30) estará aberto para consulta pública o edital para a realização de concurso de preenchimento de 4 mil vagas para professor da rede pública do Estado. O anúncio foi feito ontem pelo governador Cid Gomes, durante a realização do Governo do Ceará na Minha Cidade, no município de Altaneira, na Região do Cariri. O edital será publicado no site da Secretaria da Educação e receberá as sugestões durante 15 dias. O edital será definitivamente publicado no Diário Oficial até o dia 20 de julho e será destinado, exclusivamente,para professores do ensino médio.

Durante o Governo Itinerante, foram anunciadas obras de pavimentação de vias, recuperação de estradas, construção de postos de saúde, praças e mercados públicos. Essas ações serão executadas nos municípios da Região do Cariri, através de termos de celebração entre o Governo Estadual e as prefeituras municipais. As obras, assim como os serviços que foram anunciados, são indicações de deputados estaduais que, através do Programa de Cooperação Federativa (PCF), direcionam recursos dos orçamento para investimentos nos municípios. O pacote de obras soma investimentos da ordem R$ 6,7 milhões.

O PCF permite que cada deputado estadual direcione, por ano, R$ 800 mil, em investimentos nos municípios. Já para os deputados federais e senadores, o limite chega a R$ 2 milhões. Os municípios contemplados com o pacote anunciado, além de Altaneira, são: Abaiara, Assaré, Barbalha, Baixio, Brejo Santo, Campo Sales, Caririaçu, Crato, Farias Brito, Grangeiro, Mauriti, Missão Velha, Penaforte e Salitre.

No Governo Itinerante também foram anunciadas medidas de beneficiamento dos produtores rurais da região. Dois tanques de resfriamento de leite foram entregues para agricultores de Jati e Farias Brito. Cada equipamento contempla 20 famílias e provoca incremento de 40% na renda de cada produtor. Além do tanque, o Estado doa para cada produtor kits de higienização de ordenha, que inclui iodo, reagente, balde para limpeza, papel toalha, detergente. Cada associação recebe também um kit de análise da qualidade do leite. Os municípios de Lavras da Mangabeira, Saboeiro, Cariús e Iguatu foram beneficiados com o Projeto Mandala, que capacitará durante trinta dias produtores no desenvolvimento dos processos produtivos do Sistema Holístico Ambiental Mandalla (SHAMas).

Na área do desenvolvimento social foram assinados convênios de adesão ao Programa de Apoio as Reformas Sociais (Proares), nos municípios de Assaré, Santana do Cariri e Araripe. Cada município atendido realizou um Plano Participativo Municipal para definir com a população o equipamento que deverá ser instalado naquele município. São vinte cidades a cada ano. Também foram assinados com as prefeituras de Altaneira, Salitre e Juazeiro do Norte convênios para a implantação do projeto “Criando Oportunidades” para qualificação de 25 trabalhadores por municípios.

Educação:

Durante a solenidade, que marcou o dia que Altaneira foi a capital do Ceará, o governador Cid Gomes, e os secretários Maurício Holanda (Adjunto da Educação), René Barreira (Ciência e Tecnologia) e Auto Filho (Cultura) realizaram audiência pública com o tema “Educação e Cultura”. Na ocasião, Cid Gomes assinou a ordem de serviço para as obras de reforma da Escola de Ensino Médio e Fundamental Santa Teresa, no valor de R$ 149,6 mil. O governador se mostrou convicto de que a educação é o único caminho para o desenvolvimento do Estado. “A qualidade da educação vai mudar a face do nosso Estado” destacou. No ensino superior, o Governo Estadual, ao longo dos quatro anos, está dobrando o orçamento das entidades. Para atender a crescente demanda do ensino médio, estão sendo construídas cem escolas com oferta de ensino médio profissionalizante.

O ensino fundamental, mesmo de responsabilidade dos municípios, está sendo incrementado com a implantação do Programa de Alfabetização na Idade Certa (Paic). “A partir de experiências bem sucedidas, estamos implantando o Paic em todo o Ceará, avaliando individualmente as crianças para que os resultados norteiem as ações dos municípios”, explicou o governador. Para as escolas com melhor desempenho na alfabetização, o governo lançou o Prêmio Escola Nota Dez que distribui, por ano, R$ 30 milhões para as escolas que obtiverem desempenho com média acima de 8,5.

Sobre o Governo Itinerante, Cid Gomes reiterou o sentido prático das ações que, em muitos casos, se transformam em benefícios para a população local. “Esse é o momento para que os secretários de Estado conheçam os problemas de cada região, de cada município e busquem soluções para cada um deles”, definiu Cid Gomes. Na terça-feira (30), o Governo do Estado na Minha Cidade segue para o município de Arneiroz, na Região dos Inhamuns.

São João na Estação terá mais seis apresentações

Diante do sucesso do São João na Estação, que levou quadrilhas juninas à Estação João Felipe nos dias 23 e 24 de junho, a Secretaria de Cultura do Estado (Secult) e a Companhia Cearense de Transportes Metropolitanos – Metrofor resolveram estender as apresentações por mais seis dias. A festança será às terças e quartas-feiras, a partir de amanhã, 30 de junho, e segue até o dia 15 de julho, sempre às 17 horas. O evento é gratuito e aberto ao público.

O São João na Estação faz parte da programação do XI Festejo Ceará Junino, ação do Governo do Estado, por meio do projeto Estação Cultura, parceria entre a Secult e o Metrô de Fortaleza. O projeto, criado pela Companhia Cearense de Transportes Metropolitanos - Metrofor em 2003, tem o objetivo de abrir a Estação João Felipe para a apresentação de atividades culturais, possibilitando uma maior visibilidade aos participantes e, também, proporcionar momentos de entretenimento aos usuários do Trem Metropolitano que passam diariamente pela estação ferroviária.

Programação da apresentação das quadrilhas:
30/06 - Quadrilha Estação Junina
01/07 - Grupo Junino Rala Bucho
07/07 - Quadrilha Natureza do Sertão
08/07 - Quadrilha Paixão Nordestina
14/07 - Quadrilha Sertão Cearense
15/07 - Quadrilha Arte Junina

Estado paga primeira parcela do 13º salário

Nesta semana, o Governo do Estado vai fazer o pagamento da antecipação do 13º salário e da folha do mês de junho. A primeira parcela do 13º, que corresponde a 50%, será paga a partir de ontem,(29) e hoje (30), totalizando R$ 123 milhões, sem os descontos de praxe. Em seguida, já na quarta-feira, dia 1º, o Governo inicia o desembolso de junho, a ser concluído no dia 2, no total de R$ 273 milhões.
No primeiro dia de pagamento da antecipação do 13º, recebem os servidores da Seduc, Conselho de Educação, Funece, Urca, Uva, SSPDS, Polícia Civil, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Casa Militar, Sesa, Assembleia, Tribunal de Justiça, Tribunal de Contas dos Municípios, Tribunal de Contas do Estado e Procuradoria Geral de Justiça.

No segundo e último dia, será a vez da Defensoria Pública, Gabinete do Governador, Sefaz, Escola de Saúde Pública, Etice, Secitece, PGE, Arce, CPMGA, Secult, Vice-Governadoria, Issec, Funtelc, Setur, Casa Civil, Seinfra, STDS, Seplag, Secon, Cidades, Sede, Ematerce, Ipece, Nutec, Idace, Der, Sohidra, Funceme, Semace, Funcap, Cede, SRH, Sejus e SDA.

O tempo de execução da folha, que era de quatro dias, está sendo feito, desde o início deste ano, em dois dias. Vale salientar ainda que houve também, neste ano, alteração no período de antecipação do 13º salário. Nos últimos anos, a primeira parcela era paga na metade de julho e, agora, terá seu desembolso nos dois últimos dias de junho.

O pagamento da segunda e última parcela dos 13º salário de 2009 está programado para os dias 14 e 15 de dezembro, incluindo os descontos de praxe.

Tá na coluna do CH

Perguntar não endivida

O senador Arthur Virgílio (PSDB-AM), que pediu ajuda para pagar o hotel em Paris, já ouviu falar em empréstimo no cartão de crédito?

Ceará procura na República



Veja o que pensa o novo procurador da República sobre seis temas polêmicos
Ele deu opinião sobre mensalão, foro privilegiado e outros temas.O presidente Luiz Inácio Lula da Silva indicou nesta segunda-feira (29) Roberto Gurgel para o cargo de procurador-geral da República. Veja abaixo a opinião de Gurgel sobre seis temas polêmicos: mensalão, foro privilegiado, operações da PF, relação entre Judiciário e Executivo; independência do Ministério Público e aumento de salários para STF e PGR.
Os opiniões foram dadas por Gurgel ao G1 em maio, após o nome dele ser indicado pela Associação Nacional dos Procuradores da República (ANPR) ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva.
Entrou na PGR em 1982 por concurso público. Era vice-procurador da República desde 2004. Foi presidente da ANPR de 1987 a 1989.
Mensalão "O processo está tramitando tão celeremente quanto as exigentes normas processuais penais brasileiras autorizam."
Foro privilegiado "A prerrogativa do foro, em razão do tratamento normativo hoje vigente, que poderia ser revisto, cria dificuldades adicionais significativas no desenrolar dos processos mas não parece, em si mesma, impeditiva de condenações."
Operações da PF "Não tenho dúvida de que o saldo do seu trabalho no combate à impunidade é amplamente positivo e como tal tem sido reconhecido pela sociedade."
Conflitos entre Judiciário e Executivo "Os conflitos que se verificaram, embora superados, consubstanciam massa crítica importante, de onde os diversos atores devem extrair lições no sentido de que não se repitam."
Independência do MP "Se em muitos aspectos há evidentemente espaço para aperfeiçoamento, tal não se verifica quanto à independência da atuação institucional, que tem sido praticada desde os primeiros tempos da nova ordem constitucional."
Aumento de salário para STF e PGR "É providência que parece justa tanto quanto medida semelhante que alcance outras categorias."
O procurador-geral da República tem prerrogativa de denunciar os integrantes do Congresso Nacional, ministros de Estado e residente da República. Também tem assento no Supremo Tribunal Federal e pode dar parecer em todos os processos da casa. É ainda o procurador-geral eleitoral e pode opinar em todos os processos do Tribunal Superior Eleitoral.
Ele ganha R$ 24,5 mil mensais, o mesmo que os ministros do STF e cerca de 5% mais do que os subprocuradores, segundo a ANPR.

Deu no Jornal O Estado

Apesar da resistência de Sérgio, tucano quer aliança PSDB-PSB
Prefeito do Crato, Samuel Araripe, defende coligação rejeitada pelo PT

O prefeito do Crato, Samuel Araripe (PSDB), disse, em entrevista exclusiva ao O Estado, que é a favor de uma coligação entre os tucanos e o PSB com vistas a 2010. Segundo ele, a ideia seria o ninho apoiar a re-eleição de Cid Gomes, tendo como contrapartida o reforço do governador à manutenção de Tasso Jereissati no Senado. Araripe admitiu ainda ter a pretensão de candidatar-se à Câmara Federal, mas somente em 2014. E alfinetou seus opositores: “podem continuar me criticando”. Confira as declarações dadas ao jornalista Tarcísio Colares.

[O Estado] Enquanto tucano, qual sua posição no que se refere à sucessão estadual?
[Samuel] Nós seguimos a orientação do senador Tasso Jereissati, que é a nossa liderança maior do PSDB. O que ele ordenar em termos de sucessão estadual, nós vamos cumprir, até porque somos adeptos da fidelidade partidária que voltou a ser obrigatória principalmente para quem tem mandato.

[OE] A sua opinião própria é essa mesmo ou tem alguma alternativa?
[Samuel] A nossa torcida é no sentido de que mo doutor Tasso Jereissati postule a re-eleição a que tem direito e o PSDB continue apoiando o governador Cid Gomes. Os parlamentares tucanos já estão na Assembleia Legislativa apoiando o Governo e nós defendemos que seja feita uma coligação do PSDB com o PSB.

[OE] Feita essa coligação, significa que o PSDB vai apoiar a re-eleição de Cid. É isso que o senhor quer?
[Samuel] Isso não tem qualquer dúvida. Eu defendo a re-eleição do governador Cid Gomes, mas desde que o PSDB resolva não ter candidato próprio ao Governo do Estado. A nossa posição favorável à re-eleição é baseada em que ele está fazendo uma administração progressiva e coerente.

[OE] Há comentários dando conta de que o governador Cid Gomes apoiaria a re-eleição do senador Tasso Jereissati. O senhor acredita nessa possibilidade?
[Samuel] Acredito que seja possível, porque, pelo o que tenho conhecimento, os dois são grandes amigos. Política se faz com entendimentos, com diálogos, com conversa. Existe uma relação muito cordial entre o senador Tasso e o deputado Ciro Gomes (PSB), que é irmão do governador. É bom repetir que o PSDB já apóia o governo socialista.

[OE] O que é que justifica sua preferência pela manutenção no cargo do governador Cid Gomes?
[Samuel] Em primeiro lugar, nós destacamos que o governador Cid Gomes tem ajudado muito no desenvolvimento do município do Crato. Se o doutor Cid está fazendo isso, já é motivo suficiente para querermos que ele continue no cargo, porque será a certeza do Crato continuar em pleno crescimento.

[OE] O senhor tem alguma queixa do governador Cid Gomes?
[Samuel] De jeito nenhum. O nosso relacionamento com o governador Cid Gomes é muito bom, embora nós pertençamos a partidos diferentes. O doutor Cid tem atendido às reivindicações que a Prefeitura do Crato tem feito a ele desde o primeiro dia do seu Governo. O doutor Cid tem muitas obras em parceria com o Crato.

[OE] Cid Gomes não discrimina prefeitos de outros partidos?
[Samuel] Do nosso conhecimento não. Pelo que sabemos, o doutor Cid trata todos os prefeitos com total igualdade. Lógico, dentro das possibilidades. E nós, que somos tucanos, estamos sendo atendidos por ele com a maior presteza e a maior boa vontade. E a prova é que ele não tem negado nada ao Crato.

[OE] O que o senhor destaca de obras no Crato apoiadas pelo governador Cid Gomes?
[Samuel] Em parceria com a Prefeitura do Crato, o governador tem o Centro de Convenções que ele vai dar ordem de serviço agora. Tem recuperação das praças centrais da cidade, recuperação da encosta do seminário e recuperou agora as estradas que ligam a sede do Crato ao Grangeiro.

[OE] O senhor destaca mais alguma obra do atual Governo no seu município?
[Samuel] Na próxima semana, o governado Cid Gomes vai iniciar uma obra muito importante no Crato, que é a recuperação asfáltica da estrada que liga a sede do município ao bairro do Lameiro e ao distrito de Belmont, na Serra do Araripe. Ele fez um desvio na descida da Serra do Araripe, onde sempre aconteciam acidentes.

[OE] O senhor foi re-eleito. Como está o seu segundo mandato?
[Samuel] Até agora, está tudo de acordo com o programado e esperamos que assim continue até o fim. O segundo mandato é sempre mais fácil para quem administrou bem o primeiro. Eu que assumi a Prefeitura com um déficit de R$ 5 milhões, agora passei a administração para mim mesmo com dinheiro em caixa. Isso facilita muito a administração que eu levo totalmente a sério.

[OE] Como o senhor convive com a oposição que está sempre lhe causando algum problema?
[Samuel] Oposição é sempre assim e isso faz parte do jogo, porque analisamos as críticas que, às vezes, servem para alguma coisa. Eu tenho um bom relacionamento pessoal com os meus opositores que não me atrapalham, porque faço sempre o que é preciso. Eles vão continuar me criticando, mas isso não me aborrece.

[OE] A oposição lutou muito para derrubar a sua re-eleição, mas não conseguiu. O que o senhor fez para evitar isso?
[Samuel] Fui re-eleito, porque fiz o que prometi no primeiro mandato dentro do que foi possível. Pelo menos é o que acredito. Eu fui o único prefeito re-eleito da história política do Crato. A minha diferença de votos para o segundo lugar foi a maior da história: quase nove mil votos.

[OE] Há comentário dando conta de que o senhor quer ser deputado federal. Isso já é para 2010?
[Samuel] Vou ficar no comando do Crato até o final do meu segundo mandato, que vai até 31 de dezembro de 2012. Um pouco antes, vou me esforçar para fazer meu sucessor, para que ele continue tudo aquilo que não teve condição de ser concluído. Depois disso, nós vamos aguardar a reforma política para pensar em disputar uma vaga na Câmara Federal, em 2014.

A entrevista foi dada ao jornalista Tarcisio Colares (O Sérgio citado no título da matéria deve ser o Novaes, presidente do PSB no Ceará).

Deu no Jornal O Estado

Re-estruturação do Dnocs: servidores agem no NE em defesa de projeto
O referido GT, é constituído pelo Secretário-geral, pelo Coordenador Jurídico, Coordenadores de Departamentos do Meio Ambiente e por representantes dos estados do Ceará...
O Departamento Nacional de Obras Contra Secas – Dnocs, não pode passar o ano do seu Centenário sem que seja aprovado, um projeto sério e definitivo para a sua reestruturação. Com esse objetivo, os servidores do Dnocs do Ceará, Maranhão, Piauí, Rio Grande do Norte, Paraíba, Sergipe, Alagoas, Pernambuco, Bahia e Minas Gerais, estão sendo mobilizados pela Confederação Nacional de Trabalhadores do Serviço Público Federal – Condsef, em torno de uma Minuta de Projeto, preparada pelo Grupo de Trabalho/Dnocs, especialmente criado com essa finalidade. O referido GT, é constituído pelo Secretário-geral, pelo Coordenador Jurídico, Coordenadores de Departamentos do Meio Ambiente e por representantes dos estados do Ceará, Pernambuco e Paraíba, para consolidar as ações de apoio ao Projeto.

Com esse objetivo, representantes dos servidores estiveram, com o deputado Domingos Filho (PMDB), presidente da AL, como primeiro passo dado no sentido de atrair apoios importantes em todo o Nordeste. No caso da ALCE, vale lembrar que o presidente Domingos Filho tem se revelado um firme defensor de um Dnocs reformulado e fortalecido. O mesmo apelo será feito a todos os governadores e presidentes da Assembleias Legislativas do NE.

O GT/Dnocs elaborou, para o Ceará, um calendário de eventos, iniciado no dia 19/06, e que se prolongará até o dia 10 de outubro, com destaque para audiências públicas em municípios como Fortaleza, Morada Nova, Orós, Sobral, Crato e Pentecoste, com a participação de outros municípios onde é muito forte a presença direta ou indireta do Dnocs e seus projetos. Para esses eventos, o GT/Dnocs pretende mobilizar, se possível, toda a bancada federal do Ceará, o mesmo ocorrendo em relação aos demais estados da área de ação do Dnocs.

Segundo os membros do GT e da Condsef, embora o Projeto de Reestruturação seja amplo, o centro da atenções dos servidores é impedir o que está sendo antecipado, ou seja, que o DNOCS, em vez de simples executor de projetos do PAC e outras origens, assuma o seu verdadeiro papel, de elaborador e planejador, em que foi destaque por muitas décadas, com o que concorreu definitivamente para impedir os efeitos deletérios das secas, além de implantar projetos que ainda hoje mostram eficiência técnica e competência onde se fazem presentes.

Penso eu: Enquanto o DNOCS estiver dirigido por Elias Fernandes e Cristina Peleteiro seu destino é o fim. O deputado Guimarães sabe disso e até chegou a dizer para a servidora Ana, ativista do Grupo: Assim que passar a onda, o DNOCS acaba. Com ele junto.

Primeira página do Jornal O Estado


Clique duas vezes sobre a imagem para amplia-la.

Da coluna de papel do Jornal O Estado



Pontos de vista de George Carlin sobre envelhecer
Você sabia que a única época da nossa vida em que gostamos de ficar velhos é quando somos crianças? Se V. tem menos de 10 anos, V. está tão excitado sobre envelhecer que pensa em frações. Quantos anos V tem? Tenho quatro e meio! Você nunca terá trinta e seis e meio. Você tem quatro e meio, indo para cinco! Este é o lance! Quando V. chega à adolescência, ninguém mais o segura. V. pula para um número próximo, ou mesmo alguns à frente. ‘Qual é sua idade?’’Eu vou fazer 16!’ Você pode ter 13, mas (tá ligado?) vai fazer 16!E aí chega o maior dia da sua vida! Você completa 21! Até as palavras soam como uma cerimônia: VOCÊ ESTÁ FAZENDO 21. Uhuuuuuuu!Mas então V. ‘se torna’ 30. Ooooh, que aconteceu agora? Isso faz V. soar como leite estragado! Êle ‘se tornou azedo’; tivemos que jogá-lo fora. Não tem mais graça agora, V. é apenas um bolo azedo. O que está errado? O que mudou? V. COMPLETA 21, V. ‘SE TORNA’ 30, aí V. está ‘EMPURRANDO’ 40. Putz! Pise no freio, tudo está derrapando! Antes que se dê conta, V. CHEGA aos 50 e seus sonhos se foram. Mas, espere! Você ALCANÇA os 60. V. nem achava que poderia!Assim, V. COMPLETA 21, V. ‘SE TORNA’ 30, ‘EMPURRA’ os 40, CHEGA aos 50 e ALCANÇA os 60. Você pegou tanto embalo que BATE nos 70! Depois disso, a coisa é na base do dia-a-dia; ‘Estarei BATENDO aí na quarta-feira!’ Você entra nos seus 80 e cada dia é um ciclo completo; V. bate no lanche, a tarde se torna 4:30; V. alcança o horário de ir para a cama. E não termina aqui. Entrado nos 90, V. começa a dar marcha à ré; ‘Eu TINHA exatos 92.’Aí acontece uma coisa estranha. Se V. passa dos 100, V. se torna criança pequena outra vez. ‘Eu tenho 100 e meio!’Que todos Vocês cheguem a um saudável 100 e meio!!


“A vida não é medida pela quantidade de vezes que respiramos, mas pelos momentos que nos tiram a respiração.”

Não sei de quem é isso, mas topo.


Delegações

Um curioso fez uma pesquisa pra saber de onde havia saído tanto gay. É que vieram delegações de todos os municípios do Estado e até do Rio Grande do Norte,Paraíba,Piauí. Segundo o pesquisador tinha delegado/a de Abaiara, Acaraú, Barbalha, Cococi, e cidades grandes como Crato, Juazeiro, Sobral, Lavras da Mangabeira, Várzea Alegre, dentre outras reconhecidas por seu apoio à diversidade sexual. Que lindo!


Você sabia

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva anunciou ontem a saída do ministro Mangabeira Unger da Secretaria de Assuntos Estratégicos.


Crise no Senado
Deu no jornal: Amigo de Sarney, o tucano Tasso Jereissati identifica na companhia de Renan Calheiros um dos mais vistosos dramas do presidente do Senado. Amigo? Quem?


Sobrevivência
O arcaísmo dos métodos de Renan, pensa Tasso, conspurca a ideia de que Sarney possa impor ao Senado um novo padrão estético. Para sobreviver, Sarney depende de Renan.


Na praia
A Confederação Mundial das Santas Casas pegou o matulão e mudou do Praia Centro para o Vila Galé o Congresso Mundial de outubro.Na crise um euro a menos, pesa a favor.


Sensacional
O Torneio de Pesca do Castanhão, ideia do deputado Francini Guedes, ex-prefeito de Jaguaribara em cujas terras fica o açude, foi um sucesso. Coisa a ser repetida.


Reunião
Hoje tem reunião da CPI da Coelce. Reunião ordinária com depoimento da Cegas, que é quem forneceria o gás que a Coelce diz que gastou pra justificar os aumentos.


Até agosto
Segundo o relator da CPI, deputado Lula Morais, a agenda da Comissão está assegurada até o mês de agosto que vem, apesar do recesso parlamentar que já começa agorinha.


Rio de dinheiro
Os deputados federais Eunício Oliveira e José Nobre Guimarães, deram um banho de dinheiro no Ceará num programa de televisão na madrugada de segunda-feira.


Rio de dinheiro II
Era tanto dinheiro que os dois diziam ter alocado para as cheias e suas vítimas que despertei como se estivesse sonhando. Falaram em R$80 milhões.


Enfático
O dr.Eunício Oliveira descartou, entretanto, destinar um centavo de suas verbas para municípios em estado de emergência. Acho que estava falando dos que receberam, em emergência, dindin pra fazer festas juninas riquíssimas.


Aliás...
Cidades morrendo de fome gastaram verbas vultosas com São João, comentava um componente do Queremos Deus: - Enquanto a gente arruma alimentos pro povo eles fazem festas.


Gastos
Teve uma dessas cidades em emergência, morrendo de fome, que teria recebido mais de R$500 mil pra fazer a festa. Só banheiro químico foi pra mais de R$ 15 mil contos.


Por falar nisso...
O brilhante jornalista Alan Neto defendeu na sua coluna, do domingo da Parada Gay, que o Governo não dispense os R$25 mil do aluguel do Castelão pro Queremos Deus.


Foi lindo...
...ver tanta gente nova assumindo sua postura gay na parada do domingo à noite. Está todo mundo muito feliz, segundo disse o Jornal O Estado pela postura de Fortaleza saindo do armário.


Foi lindo...
...ver a Prefeitura toda lampeira de ter uma Secretaria só pra cuidar das bibas e dos que se mostram homofóbicos. A Secretaria zela por quem assume ou está no rumo.

BOM DIA

Esta história recente do Senado da república vai render muita dor de cabeça a muito senador, esteja, ou não em ação. O jornalista Josias de Souza comenta em seu blog o discurso de ontem de Arthur Virgilio, o Santo das Águas barrentas do Amazonas. Pois não é que o homem mostrou que até ele tem unha encravada. Verdade. Leia o blog do Josias comentando o discurso do Virgilio lider dos intocaveis tucanos. Tucanos que mexem com gasolina de avião, empregos no exterior e empréstimos dia de domingo pelo Banco do Brasil. Ei ei, Erere.

Arthur Virgilio, O Limpo


Virgílio liga Agaciel a Renan e Sarney: São corruptos
Folha
Como prometera, o líder do PSDB, Arthur Virgílio, voltou à tribuna nesta segunda (29). Defendeu-se. E atacou.



Referiu-se a notícia veiculada na última edição da revista IstoÉ. Atribuiu as informações a “fonte agaciliana” ou “sarneyana”.



Disse ter sido informado de que a reportagem foi urdida numa reunião de três senadores: José Sarney, Renan Calheiros e Gim Argello. Desejariam calá-lo.



“Sarney não tem mais a mínima condição moral de permanecer à frente da direção desta Casa”, disse o senador.



Presente à sessão, Gim Argello negou: “Não é fato. Não houve essa reunião”. E Virgílio: “É direito meu acreditar ou não”.



A alturas tantas, Virgílio disse que não crê que o ex-diretor-geral Agaciel Maia tenha “roubado sozinho no Senado”.



“Ele roubou com gente de mandato [...]. É cúmplice do [João Carlos] Zoghbi e de senadores covardes e corruptos que protegem esse desmando...”



“...Jabuti quando está em arvore ou é enchente ou é mão de gente. Roubou e deve ter dividido com muita gente com assento nessa Casa”.



Referindo-se especificamente ao texto levado às páginas de IstoÉ, Virgílio admitiu um erro e refutou o que chamou de “aleivosias”.



O erro: depois de empregar o filho de um amigo em seu gabinete, autorizou-o a estudar no exterior, preservando-lhe os vencimentos pagos pelo Senado.



“É um equivoco do qual me penitencio, o que não é pouco. Um erro que cometi e mereço ser, sim, criticado [...]. Assumo totalmente a responsabilidade”.



Noutro ponto da notícia, informou-se que Agaciel provera a Virgílio, numa viagem a Paris, um socorro monetário de US$ 10 mil.



Virgílio disse que viajara Paris com a família para festejar o aniversário de 40 anos de sua mulher. Teve o cartão de crédito rejeitado no hotel. Deu-se num sábado.



Tocou o telefone para um amigo, o servidor do Senado Carlos Homero Vieira Nina, cuja mulher trabalhava no Banco do Brasil.



Pediu-lhe que tentasse saber o que se passava de errado com seu cartão. Sem o seu conhecimento, o amigo Vieira Nina recorreu ao diretor-geral Agaciel.



Verificou-se que havia uma dívida no cartão de Virgílio. E Agaciel providenciou um depósito. Segundo a revista, o “empréstimo” jamais teria sido ressarcido.



Virgílio diz coisa diversa. Primeiro, o valor não seria US$ 10 mil (R$ 30 mil pelo câmbio da época), mas algo como R$ 10 mil.



Segundo, disse que o valor foi restituído a Agaciel na época. Deu-se por meio de uma cotização de três amigos: o próprio Vieira Nina, o ex-ministro do TSE Antonio Augusto Rebelo e o advogado Fernando neves da Silva.



O líder tucano disse que, se tivesse de se socorrer de alguém, não procuraria Agaciel, mas “os amigos ricos” que tem, como “Tasso Jeresissati”.



Ainda segundo IstoÉ, Agaciel liberou R$ 723 mil para ressarcir despesas de saúde da mãe de Virgílio, Isabel Vitória de Matos Pereira, morta em 2006.



Os repasses teriam extrapolado o limite permitido pelo Senado: R$ 30 mil por ano. Virgílio disse que sua mãe tratava-se de Alzheimer desde 1985.



De início, a família custeava o tratamento com recursos próprios. Depois, verificou-se que, como viúva do ex-senador Arthur Virgílio Filho, poderia socorrer-se do Senado.



Acertou-se, segundo Virgílio, que o Senado custearia os médicos que assistia sua mãe. E o Seguro Bradesco pagaria a internação hospitalar.



Segundo Virgílio, uma de suas irmãs está levantando os custos. Mas, de antemão, dirigiu à Mesa do Senado um requerimento para sejam levantadas as despesas.



“Quero um depoimento da Mesa sobre a legalidade ou nao das depesas”. Quero saber se é verdade que alguém cometeu alguma ilegalidade”.



Virgílio ironizou: disse que, até quando deseja atacá-lo, Agaciel Maia acaba por se auto-incriminar, imputando a si mesmo a prática de ilegalidades.



De resto, o líder tucano disse em seu discurso que não foi por acaso que seus detratores escolheram IstoÉ para desaguar os dados.



Referiu-se à revista como “uma central de chantagens”. Disse que, oficialmente, a publicação pertence a Domingos Alzugaray. Mas o verdadeiro dono seria outro.



“Seu propritário verdadeiro é o escroque Gilberto Miranda Batista, irmão de Egberto Miranda Batista, que protagonizou, na campanha de Collor, o escabroso caso Lurian”.



Tratou de vincular a dupla a Sarney. Contou que, na campanha para a presidência do Senado, visitara Sarney em sua casa, junto com Sérgio Guerra, presidente do PSDB.



Na saída, deram de cara com Gilberto Miranda e Egberto Batista, que entravam para um encontro com Sarney.



Nas mais de três horas que ocupou a tribuna, Virgílio anunciou uma representação contra Sarney no Conselho de Ética do Senado. Leu o documento.



O texto empilha 18 malfeitos atribuídos a Sarney –da nomeação de parentes e amigos por meio de atos secretos aos negócios do neto com empréstimos no Senado.



“Essa gente não vai conseguir me misturar com ela. Se tivesse optado pelo silêncio, se tivesse optado por irmanar com essa máfia, estaria ganhando rios de dinheiro”.

Escrito por Josias de Souza às 20h23

segunda-feira, 29 de junho de 2009

Magoado

O senador José Sarney não renunciará, em hipótese alguma: acha que não vai macular 50 anos de história política “só pelo fato de ter nomeado cinco parentes”. E suas maiores mágoas são contra os senadores Pedro Simon (PMDB-RS), Cristovam Buarque (PDT-DF), Tasso Jereissati (PSDB-CE), Arthur Virgilio (PSDB-AM) e José Agripino (DEM-RN). Ele jura que Tasso “foi até a minha casa dizer que me apoiava para presidir o Senado” e que só resolveu se candidatar, para valer, “depois de estimulado pelo Arthur Virgilio e pelo Agripino”.

Deu no Giba UM

Cearense em crise?


Ora, se na seca a gente se vira, imaga quando a água sobe e invade as cidades. Pense num povo que faz de um limão uma limonada! Ou um tira-gosto.


(clique duas vezes sobre a foto para ver melhor)

I Seminário de Integração Legislativa reúne 94 câmaras municipais na AL


Gony Arruda explica


O presidente da Assembléia Legislativa do Ceará, deputado Domingos Filho (PMDB), abriu nesta segunda-feira (29/06), no Plenário da Casa, o I Seminário de Integração Legislativa (Silegis). O encontro, que tem por objetivo apresentar aos presidentes das câmaras municipais os programas da União Interativa do Legislativo Cearense (Unilece), dentre outras iniciativas da Casa, será realizado durante todo o dia de hoje. Participam do seminário 94 presidentes de câmaras, além do município de Tauá, que também acompanha o evento por meio de videoconferência.

“O Parlamento tem o mesmo papel, embora seja divido em jurisdições, por isso, é preciso que haja uma interação entre os legislativos estadual e municipais”, afirmou Domingos, defendendo o apoio dos presidentes das câmaras, para que o processo possa obter o sucesso desejado.

De acordo com o presidente Domingos Filho, o programa Unilece é uma iniciativa inovadora, na qual a Assembléia vai ajudar, de forma gratuita, as câmaras municipais a se modernizarem. O programa é composto por cinco eixos: o Interlece, que vai prestar consultoria legislativa on-line; a AP-Interativa, que transmite audiências públicas por meio de videoconferência; o Alecemídia, projeto de educação à distância; a Legioteca, que é uma biblioteca de leis on-line. O último a ser instalado (fevereiro 2009) foi a Municipalidade, programa que oferece um quadro político de todos os municípios do Ceará.

As câmaras também vão poder contar com os cursos ofertados pela Universidade do Parlamento Cearense; com a assessoria do Procon, da Taquigrafia e do Memorial Pontes Neto, para instalarem seus Procons, seus serviços de taquigrafia e seus memoriais, enfatizou o parlamentar, agradecendo ao governador Cid Gomes por disponibilizar os Centecs e CVTs do Interior para integrarem a rede de transmissão do Legislativo Estadual.

Na seqüência, o presidente da União Interativa do Legislativo Cearense, deputado Gony Arruda (PSDB) explicou tecnicamente como funciona o programa. “Através desse programa vocês terão a possibilidade de acompanhar ou transmitir suas atividades, dando vida ao processo legislativo e fazendo com que a população participe ativamente das discussões levantadas”, pontuou Gony.
LF/CG


Fonte: Coordenadoria de Comunicação Social

As manchetes desta segunda

- Globo: Primeira morte por gripe suína não faz Brasil mudar estratégia



- Folha: Golpe depõe presidente de Honduras



- Estadão: Golpe de Estado depõe presidente de Honduras



- JB: Brasil tem primeira morte por gripe suína



- Correio: Gripe suína mata no Sul e avança no DF



- Valor: Obras de revitalização do rio São Francisco atrasam



- Estado de Minas: Brasileiro prefere correr riscos



- Jornal do Commercio: Campeão na raça

Um milhão de baitolagem



Multidão lota Beira Mar na 10a Parada da Diversidade
Fortaleza no ranking entre as maiores paradas gays do Brasil: avenida Beira-Mar estava lotada de ponta a ponta. Em sua 10a edição, a Parada da Diversidade Sexual reuniu, na noite de ontem, um milhão de pessoas pessoas para festejar as cores da igualdade: vermelho, laranja, amarelo, verde, azul e lilás. O brilho na avenida Beira-Mar foi além das cores da bandeira: “a parada representa as cores do arco-íris e a alegria de viver uma sexualidade livre, sem preconceitos. Passo o ano todo esperando esse dia”, disse o jovem Neto Shanton, 23. Comemorando uma década de realização, o evento trouxe avanços: a cidade é a terceira capital do Brasil a ter uma Coordenadoria de Políticas Públicas para Diversidade Sexual de Fortaleza. “Só há três no Brasil. Fortaleza está de parabéns na luta pela visibilidade homossexual”, frisou Toni Reis, presidente da ABGLT (Associação Brasileira de Gays, Lésbicas, Bissexuais, Travestis e Transexuais). Com sete trios elétricos, a Parada da Diversidade Sexual é tida como um momento de celebração:

“temos que comemorar os avanços e continuar se mobilizando para sermos vistos como sujeitos de direitos. Vamos apresentar, em julho, um projeto para a municipalização das políticas de atendimentos para Centros de Referências específicos para o público gay”, frisou a coordenadora de Políticas Públicas para a Diversidade Sexual de Fortaleza, Mitchele Meira. Durante o ato, a Prefeitura de Fortaleza realizou pesquisa sobre homofobia: “essa pesquisa é inédita em Fortaleza e nos ajudará a conhecer melhor os participantes da Parada”, ressaltou Mitchele Meira. Ontem se comemorou o dia municipal da Consciência Homossexual por conta da Lei nº 8.626 de 2002.

Vestida com as cores da ‘bandeira gay’, a madrinha da 10ª Parada foi Vânia Dutra, a ex-presidente da Associação das Primeiras Damas do Ceará. Passando a faixa para anfitriã, Lena Oxa, madrinha de 2008, deu início a festa que começou por volta das 15h. Apesar de toda a festividade, brilho e glamour, a transformista Jéssica lamenta não ser respeitada diariamente: “temos que ser queridas todos os dias. Quando a festa acaba tudo volta ao normal e os preconceitos continuam a acontecer”, disse enquanto desfilava com uma fantasia provocante. Entre tantos gays assumidos, travestis enfeitados e muitos ‘simpatizantes’, a parada festejou a igualdade de direitos com o lema “1969... 79... 89... 99... 2009... A luta pelos Direitos LGBTT (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis, Transexuais e Transgêneros) continua”.

Pressionando a necessidade de maior visibilidade para os direitos dos homossexuais do Ceará, Elízio Loiola, assistente social do Grab, lembrou a violência que muitos ainda sofrem: “infelizmente os crimes de homofobia continuam a acontecer apesar de toda luta que fazemos. Temos que forçar a aprovação do projeto de Lei da Câmara (PLC) 122/2006 que propõe a criminalização da homofobia”. Entre os anos de 1996 e 2006, cerca de 69 homossexuais foram assassinados no Ceará. Frequentadora da marcha há quatro anos, Iasmin Arraes, 19, lamentou o fato de muitas pessoas terem que se esconder: “muita gente tem receio de mostrar se é gay ou não. Espero que as novas gerações aceitem melhor as diferenças. Por que ter medo de algo que é tão bonito?”, questionou a jovem que vestia uma camisa rosa com os dizeres ‘Nova Geração’. Com a presença da prefeita Luizianne Lins, multidão fez um minuto de silêncio lembrando a impunidade dos crimes homofóbicos.

O evento contou com 200 guardas municipais e 400 policiais militares, divididos ao longo do trajeto dos trios.
Lembrando que nada vem sem a mobilização política, a coordenadora da Parada, Deidiane Souza, falou que o grande mérito desses 10 anos de Parada foi o aumento da auto-estima dos homossexuais: “a cada ano cresce o número de participantes que se orgulham de serem gays e de serem sujeitos de direitos que merecem respeito. A cidadania do movimento vai sendo construída continuamente”.

Chamando atenção por onde passava a transformista Jéssica, que veio de Belém do Pará para participar da Parada, soltava sorriso a todos que lhe cumprimentavam e soltavam cantadas: “Hoje é meu dia de princesa, deixa eu curtir”, riu.

Penso eu: É maravilhoso ver tanta gente assim saindo do armário. Isso acaba diminuindo o ridículo da homofobia. A cada baitola que se mostra é um discriminado a menos porque fortalece o movimento que segundo o Jornal O Estado, pai da matéria aí acima afirma "Fortaleza é a terceira capital a ter uma coordenadoria específica".

Quem quer um parceiro desses!



Sérgio admite que Ciro não tem chances contra Dilma

O presidente estadual do PSB, Sérgio Novais, afirmou, em entrevista ao O Estado no Aeroporto Internacional Pinto Martins, que o deputado federal Ciro Gomes (PSB-CE) deve mesmo candidatar-se ao Governo de São Paulo e não mais à Presidência nas eleições do ano que vem.

Ele admitiu que o recuo se dá devido às poucas chances que o parlamentar teria frente à candidata oficial do presidente Lula, a ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff (PT), e aos representantes do PSDB, José Serra (SP) ou Aécio Neves (MG). “Ciro pode sair [candidato] para São Paulo mesmo”, reiterou.
Enquanto isso, o amigo-irmão, deputado estadual Zezinho Albuquerque (PSB), garante que Ciro não deixará a política nem aceitará a proposta de disputar em São Paulo. Os discursos mostram o quanto o próprio PSB local continua dividido entre os clássicos e os novatos. (Novais e o grupo Ferreira Gomes).
O parlamentar assegurou: “Ciro é um dos bons quadros da política nacional, está bem nas pesquisas e, o partido dele continuará lutando para que ele seja candidato, não importando quem seja o adversário”. Ele acha praticamente impossível Ciro aceitar ser vice de qualquer um na sucessão presidencial. “O Ciro já postulou esse cargo duas vezes e o PSB quer vê-lo nessa disputa de novo”, complementou.

» Senado. Sérgio também comentou a disposição do PCdoB de querer candidatura própria ao Senado. Segundo ele, por já terem Inácio Arruda como senador, os comunistas não deviam “exigir” o apoio do governador Cid Gomes (PSB) para lançarem-se na disputa.
Novais defendeu que a segunda vaga (a primeira a base já decidiu pelo reforço a Eunício Oliveira [PMDB-CE] seja do PT). “O PCdoB do Ceará querer fazer dois é muita areia para um caminhãozinho”, comparou, justificando que o partido é pequeno demais para ocupar duas cadeiras.

Ele opinou que os petistas devem permanecer com a vice-governadoria, hoje comandada por Francisco Pinheiro. “A segunda [vaga] ainda está sendo discutida, mas tem tudo para ficar com o PT, pela sua importância e tamanho”, avaliou, descartando qualquer possibilidade do PSB concorrer ao Senado por já deter o comando do Governo.

Até o nome do candidato petista Novais arriscou. Conforme o presidente peesebista, será o ministro da Previdência, José Pimentel, por tratar-se do representante de maior peso político da legenda cearense. “A disputa [pelo Senado] vai ser acirrada, porque tem o Tasso, mas acho que vamos sair vitoriosos devido ao apoio do governador”, previu.

Novais garantiu ainda que Cid se candidatará à re-eleição, pois toda a base apóia esse projeto. O governador, porém, se nega a dar qualquer declaração sobre o assunto antes de abril do próximo ano. “Ele não fala porque não quer antecipar a campanha. Por isso, vamos definir [a candidatura à re-eleição] somente no primeiro semestre de 2010”, adiantou.

Penso eu: Quem tem um presidente assim não precisa de adversário.

Primeira página do Jornal O Estado

Da coluna de papel do Jornal O Estado



É piada...
Sim, pode ser piada, mas geralmente a arte imita a vida. Veja isso aí que rola na rede, apesar de ser uma estória antiga que, remodelada, fica perto da realidade. Um prefeito queria construir uma ponte e chamou três empreiteiros: um japonês, um americano e um brasileiro.
- Faço por US$ 3 milhões - disse o japonês. - Um pela mão-de-obra, um pelo material, e um para meu lucro.
- Faço por US$ 6 milhões - propôs o americano. - Dois pela mão-de-obra, dois pelo material e dois para mim... Mas o serviço é de primeira!
- Faço por US$ 9 milhões - disse o brasileiro.
- Nove paus? - espantou-se o prefeito.
- Três para mim, três para você, três para o japonês fazer a obra.
- Negócio fechado! - respondeu o prefeito.

“...a decisão dos ministros foi “absurda, revoltante e retrógrada”.

Senadora Patrícia Sabóya sobre absolvição pelo STJ de exploradores sexuais de adolescentes.

Polêmica
Morre o Michael Jackson e a negrada no Brasil fica criticando o Erasmo Carlos porque disse que envelhecer é uma sacanagem de Deus. Concordo com o Tremendão. A gente deveria nascer velho e ir ficando novo. As besteiras ditas seriam muito menores e Deus teria menos trabalho.

Premio
O Tribunal Regional do Trabalho do Ceará, 7ª. Região instituiu um prêmio de reportagem. A notícia não trás detalhes, mas deve ser pra falar bem do TRT.

Aviãozinho
Tem um avião novo aí,o Cirrus, que tem um paraquedas. É um monomotor, modelo que voa pra cima e pra baixo com o Bruno, aquele do Marroni que chegou a Sobral nele.

Quem é?
Está confirmado para as 20 horas do próximo dia 18 de julho o show com o padre Reginaldo Manzotti em Juazeiro do Norte. Rima com Reginaldo Rossi.

O peso dos amigos
O jogo de futebol que reuniu em Acaraú os amigos do Prefeito Pedim do Cleto e do Vice-Governador candidato a deputado estadual arrecadou 138 quilos de alimentos.

Falangeta
A falange de Zé Airton, que não conseguiu nada no Governo do PT de Fortaleza e está fora do nacional, vai disputar a presidência do partido no Estado.Ele contra Ilário. Eita!

Vereador Carlos Dutra denuncia
Moradores do bairro José Walter estariam pagando para usar os equipamentos do Centro Social Urbano do bairro, como as quadras de esporte e a piscina. É ruim!

Parando
A Delta vai mudar de novo. No mês de julho serão mantidas as três freqüências semanais diretas, tipo bate e volta entre Fortaleza e Atlanta, nos estados Unidos.

Parando II
Em setembro a Delta dá um tempo entre o dia 15 e o dia 15 de outubro. Os vôos partirão de Manaus e São Paulo. De 1º.a 14 de novembro também pára. Aí volta ao normal.

Operário
O deputado Aníbal Gomes LEVOU mais um empreendedor para a terra dele. A Cataventos Acarau pediu licença pra implantar usina eólica no município. 31,5mw.

Poleiro sujo
A Comissão de Constituição e Justiça do Senado aprovou relatório da PEC que considera “incompatível com o decoro parlamentar” desvios de conduta anteriores à diplomação do político.

Será que continua?
A PEC, cujo primeiro signatário é o senador Arthur Virgílio, estende as normas aos suplentes. A medida precisa ser votada em dois turnos no Plenário para seguir à Câmara.

Mineiridade
O Padre Zé falou no Fala Ceará da TV Cidade. Pra ele Ciro é o grande nome pra presidente e oxigenação no executivo è saudável, referindo-se ao 3º mandato pra Lulalá.

Mudanças do Fernando
O novo homão da AMC, Fernando Bezerra anunciou as grandes mudanças iniciais no órgão: Arrumar a sinalização horizontal da cidade, quer dizer; pintar as faixas e etc e tal.

Pavor do prejuizo
No Chile, Michele Bachelet estrilou e a presidente da Argentina, Cristina Kirchner, ligou pra Lula: Manda o Temporão calar a boca sobre não vir pra cá por causa da gripe.

Boca larga
Abílio Diniz teve seus super mercados proibidos de vender remédios. Partiu para a compra de uma rede de farmácias. E quer também a Droga Raia e a Drogaria São Paulo.

Tudo,menos avião
O moderno aeroporto de Tauá serve pra tudo; proteger boi, namoro escondido de casal, ponto de visita...menos pra pousar avião. Até hoje não foi homologado pelo DAC.

Prorrogação
Só hoje a gente vai saber se vai ter segundo tempo, ou prorrogação do prazo para isenção do IPI dos automóveis. Foi essa isenção que tirou o setor do buraco.

Dindin pra pobre
Quarta feira vai valer o Microempreendedor Individual, novidade gerada pela Lei Geral da Micro e Pequena Empresa. Bancos oficiais vão financiar os pequenininhos, como já faz o BNB.

Note e anote
Hoje, 29 é dia de inhoque da sorte. Reserve o seu e sua notinha de dólar.

PREFEITURA DO JUAZEIRO EM MÃOS DE FORASTEIRO




Após 100 anos de desenvolvimento sustentado, sob a inspiração e a liderança insuperáveis do seu fundador, Padre Cícero, completados seis meses do atual Governo de Juazeiro do Norte, são cada vez mais evidentes os sinais de algo abominável na história da cidade, exatamente, agora, coincidentemente, quando se aproxima do seu primeiro centenário: Quem está mandando na Prefeitura do Juazeiro não é o prefeito eleito, Manoel Santana, mas um forasteiro, o famigerado e arrogante Secretário estadual de Cidades, Joaquim Cartaxo(foto), comunista-stalinista sem qualquer vínculo com sentimentos e aspirações do povo da Metrópole do Cariri. Muito pelo contrário, é conspirador contra os interesses do Juazeiro.

Milhares de eleitores do Juazeiro do Norte decepcionados com o que está acontecendo já engrossam uma onda de arrependimento, insatisfação e indignação, como no recente Juaforró, onde mais de 50 mil pessoas vaiaram o prefeito Manoel Santana. Estão verificando, lastimavelmente, uma verdadeira agressão ao primado político deixado pelo Padre Cícero.Visceralmente comprometido com Juazeiro do Norte, o Juanorte não se alia nem se aliará a quaisquer partidos ou ideologias circunstancialmente no Governo da Cidade. Primeiro, porque são efêmeros no poder e o Juanorte assume os valores permanentes da cidade. Segundo, porque, para infelicidade da democracia brasileira, todos os partidos no País estão rigorosamente iguais: nenhum presta. Menos ainda o PT, que enganou o povo por mais de 20 anos com sua pregação ética e moral até chegar ao poder onde agora faz tudo ao contrário do prometido, desde o crime do tamanho e da gravidade do Mensalão, maior escândalo de corrupção da história da República com suas malas e cuecas cheias de dólares que jamais serão esquecidas pela Nação. De qualquer forma, o Juanorte respeita a vontade do povo que, nas últimas eleições no Juazeiro, por motivações não partidárias mas apenas por desejos de mudança, acabou escolhendo novo prefeito o então candidato do PT, Manoel Santana. Entretanto, completados seis meses do seu Governo, o que se afigura mais notável, além de uma inércia preocupante, é o quadro de explícita partidarização e ostensiva ideologização petista da administração municipal, subordinando os interesses da cidade aos interesses do PT estadual quando os interesses do PT deveriam estar subordinados aos interesses da cidade. Afinal, Manoel Santana não foi eleito pelo PT e pelo PT jamais seria. Foi eleito pelo povo, graças ao patronato político do ex-prefeito Raimundo Macedo, ex-PSDB agora no PMDB. Diante disso, depois de ouvir importantes personalidades e receber, de cidadãos comuns, manifestações de contrariedade e repúdio ao que ocorre na Prefeitura do Juazeiro, o Juanorte está denunciando o maquiavelismo do centralismo partidário e autoritário do PT do Ceará no atual Governo do Juazeiro, profundamente prejudicial ao desenvolvimento da cidade e ao seu povo: Quem está governando Juazeiro não é o prefeito eleito, Manoel Santana, mas o arrogante secretário estadual Joaquim Cartaxo, um forasteiro que não tem qualquer vinculação com Juazeiro, nem com os anseios e sentimentos do seu povo. Como diria o ex-ministro da Educação, Eduardo Portella, Manoel Santana não é prefeito, está prefeito. Quem é prefeito, sem a mínima legitimidade, é o despótico Joaquim Cartaxo, aiatolá do PT no Estado. Ele pode até ter olho grande para os 150 mil eleitores do Juazeiro, maior colegiado do interior do Ceará, mas não tem o mínimo direito de governar porque não foi eleito para isso, não recebeu um voto sequer do povo do Juazeiro. Chama-se usurpação o que ele está fazendo, exercendo o comando da gestão do Juazeiro que foi delegado pelo povo ao prefeito eleito Manoel Santana. Mais: o usurpardor não conhece, não entende, não sente e não interpreta Juazeiro. Pior: não gosta da cidade e conspira contra a cidade. Aos fatos: 1. É esse Secretário, como aiatolá do PT no Ceará, quem está orientando, aprovando ou negando, todas as decisões e iniciativas do prefeito Manoel Santana, sem autonomia e sem independência, transformado em apenas fantoche do partido. 2. É esse Secretário quem tenta o esvaziamento do progresso do Juazeiro, adotando o que ele chama, descaradamente, de "investimentos pactuados", para distribuir com outras cidades do Cariri, visando dividendos eleitoreiros, obras estaduais importantes Hospital do Cariri, Ceasa-Cariri e Centro de Conveções) que, por fundamentação técnica, administrativa e logística de gestão pública decente, deviam ser implantadas no Juazeiro; 3. É esse Secretário, inclusive, quem determina e fixa o cumprimento de medidas autoritárias e abusivas na atual Prefeitura como a absurda proibição ao vice-prefeito eleito, empresário Roberto Celestino, de conceder entrevistas, com o único intuito de manter sob absoluto controle o discurso petista, desrespeitando a autoridade eleita democraticamente e, portanto, desrespeitando a vontade do povo do Juazeiro. 4. É esse Secretário quem está por trás de maquinações do Governo do Estado, em "consilium fraudis" com o governador Cid Gomes, que não demonstra apreço por Juazeiro, como no recente episódio da criação da Região Metropolitana do Juazeiro. Gerou e induziu o Governo e Assembléia do Ceará a assumirem o erro primário e grosseiro, técnico, jurídico e institucionalmente em política de desenvolvimento metropolitano no Brasil, dando ao seu projeto a denominação incorreta de Cariri, apenas por agressão gratuita ao povo do Juazeiro. Por isso, embora até agora tenha torcido pelo êxito do Governo Manoel Santana, o Juanorte faz questão de denunciar essa armação partidária e ideológica petista contra os interesses do Juazeiro, produzida pelo senhor Joaquim Cartaxo e assumida,
passivamente, absurdamente, sem qualquer reação, pelo prefeito eleito. De tal forma, que na história da Região Metropolitana do Juazeiro, Manoel Santana não mexeu um dedo em defesa dos interesses da cidade. Sem capacidade de liderança, sem capacidade de reivindicação, não é líder, está sendo liderado. Essa armação deve ser cabalmente rejeitada pelo povo do Juazeiro que jamais aceitou ser governado por forasteiro e descomprometido com suas causas. Foi essa a razão primeira e fundamental que fez o Padre Cícero, pelo seu amor incomparável a esta cidade, enfrentar todas as adversidades como prefeito, duas vezes, de Juazeiro. Exatamente para impedir que um forasteiro qualquer viesse atrapalhar a marcha de progresso da cidade, como tenta agora esse petista comunista e stalinista de Fortaleza, onde vive encastelado, emitindo ordens executadas no Juazeiro por sua mulher, Fátima Bandeira, Chefe de Gabinete da Prefeitura. É a primeira usurpação eleitoral na história da cidade, uma desgraça tão grande para Juazeiro que o Padre Cícero deve estar se remexendo em seu túmulo na igreja do Socorro. Ele jamais aceitaria uma coisa dessas. Vejam como expressou seu devotamento ao Juazeiro ao ser prefeito, pela primeira vez: "Em 1911, quando elevado o Juazeiro, então povoado, à categoria de Vila, para atender aos insistentes pedidos do então presidente do Estado, o meu saudoso amigo Comendador Antonio Pinto Nogueira Acioli, e para evitar, ao mesmo tempo, que outro cidadão, na direção política deste povo, por não saber ou por não poder manter o equilíbrio de ordem, até esse tempo mantido por mim, comprometesse a boa marcha desta terra, vi-me forçado a colaborar na política". Depois, mesmo diante das hostilidades do Governo Franco Rabelo, voltou ao cargo de prefeito, novamente, somente para evitar que algum forasteiro oportunista, como acontece agora, assumisse o comando do Juazeiro. Justificou: "Sou responsável por este povo. Por ele sacrifiquei até minha vida. Juazeiro foi uma cidade feita por mim". Como ele, grandes prefeitos da história do Juazeiro - José Geraldo da Cruz, Antonio Conserva, Humberto Bezerra, Mauro Sampaio, Manoel Salviano, Carlos Cruz, Raimundo Macedo - todos, com suas virtudes e seus defeitos, porque todos têm defeitos e virtudes, exerceram seus mandatos na plenitude, com liderança pessoal, autoridade e dignidade - o que está faltando ao prefeito atual - sem permitir ingerências descabidas sobre econtra o destino da cidade como acontece nos dias de hoje com a Prefeitura do Juazeiro nas mãos de perigoso forasteiro. Quais as saídas emergenciais? Primeiro, o prefeito Manoel Santana precisa, urgentemente, deixar seu dogmatismo petista para ser exercido fora da Prefeitura, somente nas reuniões do seu partido. Segundo, precisa deixar de ser prefeito do PT e dos petistas e passar a ser prefeito de todos os juazeirenses que nunca foram petistas; Terceiro, precisa assumir, definitivamente, o mandato que lhe foi confiado pelo povo, sem permissão de transferência de poder, muito menos para forasteiro ou mulher de forasteiro; Quarto, precisa seguir um exemplo louvável do presidente Lula, que governa sem dar a menor importância ao PT, que só lhe tem criado problemas desde o vergonhoso Mensalão cheio de cínicos aloprados e cuecões; Quinto, precisa substituir, urgentemente, sua chefe do Gabinete, tão prepotente e arrogante quanto o marido, o intruso aitolá, por um líder juazeirense, qualificado, apartidário, respeitado e comprometido integralmente com a cidade. O que não é razoável, nem aceitável, é o prefeito eleito ser totalmente dependente federal do deputado José Guimarães, aquele da cueca de dólares do Mensalão, dependente estadual do aiatolá Joaquim Cartaxo e dependente municipal da mulher do aiatolá. Isto é, o prefeito eleito do Juazeiro está mal liderado, mal acompanhado e mal assessorado. Ou o prefeito Manoel Santana dá uma guinada radical em sua administração, exorcizando esse trio do mal do Governo da Cidade, ou acabará, logo logo, sendo veementemente repudiado pelo povo do Juazeiro. Se não fizer assim, o povo do Juazeiro poderá ir às ruas em protesto, gritando "Fora, Forasteiro", contra essa vergonhosa usurpação pelo PT da vontade eleitoral juazeirense e derrubar, porque é seu legítimo direito nas urnas que não está sendo desrespeitado, essa palhaçada petista antidemocrática. Se o prefeito eleito não tem personalidade, nem liderança, nem autoridade para se impor, como é seu direito e sua obrigação por mandato popular, que, então, renuncie e deixe o cargo para o vice eleito, Roberto Celestino. O que o povo do Juazeiro não vai nem pode admitir é perder quatro anos ou ter sua história manchada por quatro anos de desgoverno. Se o prefeito não acredita na insatisfação do povo saiba que o Juaforró pode ter sido o marco histórico de uma histórica insurreição do povo do Juazeiro. Basta ouvir o grito que expressa o sentimento do povo já nas ruas do Juazeiro: huuuu!... huuuu!.... huuuu!. Assim começam as insurreições!....

Isto aí está no site www.juanorte.com.br

Haja cadeia



Policiais da CPRV aprendem mais de 100 quilos de maconha na rodovia Asa Branca, divisa do CE/PE

Uma blitze de rotina da Companhia de Policiamento Rodoviário (CPRV), na rodovia
Asa Branca que liga o Crato a cidade de Exú, em Pernambuco, foram apreendidos na noite de ontem mais de 100 quilos de maconha e dois traficante estão presos. Os policiais estavam próximos a divisa do Ceará com o Pernambuco quando perceberam um veículo gol vermelho, placas HWX-6390, inscrição de Fortaleza, em alta velocidade. Ao notarem a viatura da CPRV com o intermitente ligado, os ocupantes do gol aumentaram a velocidade, mas foram pegos alguns quilômetros depois pelos policiais militares.
No gol estavam Edmárcio Hildo dos Santos, 35 anos, juntamente com Antonio Carlos Pereira da Silva, 24 anos. Segundo os policiais, os dois já contam com passagem pela policia por tráfico de drogas. No porta malas do veículo vários sacos plástico contendo maconha, procedente de Salgueiro, em Pernambuco. Segundo Edmárcio, a droga seria entregue a uma pessoa que ele não sabe o nome, na rodoviária do Crato. Os dois receberam voz de prisão e foram levados, juntamente com toda maconha a sede da Policia Federal em Juazeiro do Norte, onde serão autuados por tráfico de drogas no dia de hoje.
A policia acredita que toda maconha seria distribuída com traficantes e viciados nas cidades de Crato, Juazeiro e Barbalha, principalmente agora no período da exposição do Crato que começa no próximo mês. Os policiais da CPRV estão cumprindo determinação do coronel Werisleike Pontes Matias, comandante da CPRV, para fiscalizar as estradas que dão acesso ao Cariri, procedente de Pernambuco. Além da fiscalização de rotina, os policiais também estão visando à entrada de drogas no Ceará. Como o Cariri é a porta de entrada da maconha para o Ceará, Paraíba e Rio Grande do Norte, a CPRV começou bem, tirando dois traficantes de circulação e apreendendo mais de 100 quilos da erva pronta para consumo.

Postado por Roberto Bulhoes da turma do blog no Cariri

CONVITE

O secretário do Turismo do Estado, Bismarck Maia, convida a imprensa para a apresentação do projeto de intervenção no trânsito na Av. Washington Soares e entorno, o qual será executado tendo em vista a construção do Centro de Eventos do Ceará.A coletiva acontecerá nesta segunda - feira (29/06) às 14 h, no Centro de Convenções .

BOM DIA

Quinhentas mortes violentas em quatro anos! E estamos vivendo em tempos de paz! No final de semana foram 10 os mortos assassinados no Ceará. Que qui é isso?!

domingo, 28 de junho de 2009

Fervendo




Neste momento o Castanhão está fervendo. Fervilhando de pescadores. vai começar agora, em cinco minutos o Torneio de Pesca do Castanhão, uma idéia do deputado Francinbi Guedes, que já foi Prefeito de Jaguaribara, em cujas terras está o reservatório construido pelo DNOCS, já nos extertores de sualonga e saudavel vida. De lá pra cá só cai e desanda. O último DG do DNOCS foi Celso de Macedo Veiga, os outros são ou foram figurações em busca de mandatos e empregos.

Aprecie sem moderação



Alo Eliomar de Lima. Melhorou da gripe? Bota este colírio aí, sem moderação!

As manchetes deste domingo

- Globo: Afastado, pivô de escândalo mantém o poder no Senado



- Folha: Empresas são maior fonte de dinheiro de partidos políticos



- Estadão: Gabrielli diz que Petrobras está pronta para ‘vale-tudo’



- JB: A economia que esquenta no inverno



- Correio: Filhos de imigrantes são adotados pelo crime



- Veja: Michael Jackson - 1958 – 2009



- Época: Michael Jackson - 1958-2009



- IstoÉ: As várias vidas de Michael Jackson



- IstoÉ Dinheiro: Vendi minha empresa. E agora?



- CartaCapital: O Senado acoelhado



- Exame: Gestão para os novos tempos

Alo moçada da caserna

A anistia pode valer para esses assassinos?

Da mais recente edição da Veja em reportagem sobre a guerrilha do Araguaia - a luta entre militantes do PC do B e tropas do Exército no início dos anos 70, em plena ditadura militar:

"A ordem, lembra o militar, era extrair o máximo de informações dos presos e, quase sempre, por meio de torturas. Depois, assassiná-los. Tudo feito clandestinamente. O militar entrevistado foi um dos algozes do cearense Antônio Teodoro de Castro, estudante universitário de 28 anos conhecido como "Raul". Ele conta que presenciou o interrogatório do estudante: "Ele tinha fome, vestia farrapos e estava amarelo, parecia ter malária. Nem precisamos bater para que ele falasse e dissesse tudo o que sabia".

Mesmo desarmado, famélico e doente, mesmo depois de contar tudo o que os oficiais queriam, Raul não foi poupado. Logo chegou a ordem: eles deveriam levá-lo para fazer um "reconhecimento". Reconhecimento, no código elaborado pelo Exército, era a senha para matar. [Major] Curió e seus homens, entre eles o militar entrevistado por VEJA, embarcaram Raul e outro guerrilheiro, o estudante gaúcho Cilon da Cunha Brun, de 28 anos, conhecido como "Simão", num helicóptero da Força Aérea.

Curió ordenou aos pilotos, os quais não tinham conhecimento da operação, que os transportassem até as terras da fazenda de um colaborador em Marabá. Para não permitir testemunhas, relembra o militar, Curió determinou que outra equipe da Força Aérea os buscassem num ponto diferente da mata, horas mais tarde. Após uma longa caminhada, o grupo parou para descansar. Todos se sentaram. Instantes depois, Curió disse aos colegas: "É agora!".

Levantou-se num átimo, mirou seu fuzil Parafal na cabeça de Raul e disparou. O corpo do estudante caiu imediatamente sem vida. Os outros oficiais levantaram-se e descarregaram as armas nos dois. "Parecia pelotão de fuzilamento", lembra o militar. Eles tentaram cavar uma vala para enterrar os guerrilheiros, sem sucesso. Resolveram cobrir o local com galhos de árvore - e seguiram caminho. Alguns dias depois, o fazendeiro esteve com os militares e reclamou dos cadáveres. "Os corpos começaram a feder. Os animais já haviam comido quase tudo. Tive de enterrar os restos", contou. O fazendeiro tinha o apelido de "Zezão".

Aconteceram ainda outras atrocidades. O fotógrafo baiano José Lima Piauhy Dourado, o "Ivo", tinha 27 anos quando foi capturado pelos militares. Ele fora ferido na clavícula, depois de conseguir atingir um oficial. Não houve clemência. Transportado para a Casa Azul, Ivo passou por uma longa sessão de torturas. Apanhou e conheceu os horrores do pau de arara, método pelo qual se pendurava e amarrava o torturado de cabeça para baixo. Conta o militar: "O cara só gemia".

Gemia, mas, segundo a testemunha, não entregou ninguém. O depoimento do militar é perturbador: "Ele estava agonizando, pendurado no pau de arara. Alguém se aproximou e derramou um copo-d’água em sua boca. Ele morreu afogado, estrebuchando". O Exército também pagava pela cabeça dos guerrilheiros - e não era metaforicamente. "Tinha de trazer a cabeça mesmo, para provar que havia matado", lembra o militar. Cada cabeça rendia 5 000 cruzeiros ao matador. Em valores corrigidos, cerca de 11 000 reais. "Vi pelo menos umas três", conta.

Assinante da revista leia mais em Memórias do extermínio

Deu n'O Globo de hoje

Bolsa Ditadura vira indústria e já custa R$ 2,5 bilhões
A iniciativa destinada a reparar danos impostos, durante os 21 anos de ditadura militar, a cidadãos brasileiros transformou-se numa catedral de voracidade, privilégios e malandragens, segundo informa o colunista Elio Gaspari, na edição deste domingo do jornal O GLOBO.
De acordo com o colunista, o chamado Bolsa Ditadura - pagamento de indenizações e pensões a perseguidos políticos ou aos seus parentes - já custou R$ 2,5 bilhões e fez 160 milionários no Brasil. A previsão é de essa conta chegue a R$ 4 bilhões no ano que vem.

Do blog do Zé Dirceu

Fruta podre


Com o titulo “Jabuticaba”, o jornal da família Marinho, O Globo, faz editorial hoje criticando a proposta de regulação da profissão de jornalista que pode vir a ser tratada por proposta apresentada no Congresso Nacional.

O jornal dos Marinhos pede menos regulação na atual Constituição. Mas, ora, o país necessita exatamente de uma regulação nessa área, e de medidas concretas para democratizar os meios de comunicação - a exemplo de todo o mundo - além de por fim ao escandaloso império das oligarquias eletrônicas, que violam a lei e são um abuso do poder de informação a serviço de mandatos e eleições.

Essa posição das Organizações Globo é advocacia em causa própria. Dona há décadas do monopólio da informação no país - no Rio, então, nem se fala, são detentoras absolutas da comunicação e da informação! - fazem esse editorial como parte da campanha que sustentam contra toda e qualquer ato que lhes pareça ameaçar esse monopólio.

O que realmente querem e tem vergonha de confessar

Por isso são contra as medidas que estabelecem a convergência da midia via telefonia e que defendem a nossa cultura e a produção independente, com cotas e um fundo de financiamento. O pretexto que invocam é que três das telefônicas são de capital estrangeiro. Mas as medidas visam exatamente proteger a cultura nacional democratizando o acesso e a produção da informação.

Esse medo da concorrência e da perda de força política que o controle da informação no pais dá aos grupos econômicos, políticos e familiares que dominam nossa imprensa os tem levado a impedir o Congresso Nacional de legislar sobre a regulação da midia como um todo, a própria imprensa, e agora a profissão de jornalista.

A eles não importa os riscos a que o país ficou exposto pelo vazio jurídico produzido pela decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de extinguir, em boa hora, a Lei de Imprensa da ditadura, mas que deixou a cidadania sem seus direitos básicos constitucionais como o direito de resposta e o de defesa da imagem e da honra.

A pergunta que se faz é: até quando o Parlamento e os próprios jornalistas beneficiados pelo poder que detém na formação da opinião pública e - uma parcela - pelos altos salários que recebe, aceitarão essa herança e entulho da ditadura?

Tá no blog do Zé Dirceu

Por que a crise do Senado não acaba?
Boa pergunta. Será porque os senadores...

Boa pergunta. Será porque os senadores são os principais responsáveis por ela, começando pela Mesa diretora? Além do que, estão quase todos envolvidos. Basta ver a lista dos 37 senadores beneficiados pelos atos secretos, parlamentares de todos os partidos.

Veja-se, como exemplo, o caso Efraim Morais - o todo poderoso ex-1º secretário da Mesa e que sempre integrou este colegiado nos últimos anos. O senador do DEM da Paraíba nomeou quem quis e distribuiu, literalmente, licitações como bem entendeu. Aumentou seu patrimônio e nada! Na enxurrada de denúncias sobre atos secretos e nomeações de familiares e apadrinhados, tudo isso desapareceu, restou só uma figura-alvo, o presidente do Congresso, senador José Sarney (PMDB-AP).

Simon Catão

E ato final: o pedido de renúncia de Sarney da presidência do Senado feito pelo senador Pedro Simon (PMDB/RS), que vem agindo com dois pesos e duas medidas. Prega a moralidade na Casa, mas se omite em seu Estado, o Rio Grande do Sul.

Mais do que calar sobre o governo que ajuda a sustentar politicamente no Rio Grande do Sul, o de Yeda Crusius, o apoia e o defende. Simon assim se mantém, mesmo após todas as denúncias de suposta corrupção e desvio de dinheiro público atingindo a própria governadora com episódios como o da compra da mansão em que mora.

Por que esses episódios todos são varridos para baixo do tapete e, na crise, nas denúncias, no escândalo, só resta uma figura, José Sarney? Porque ele é a "cabeça-coroada" da vez, a que a mídia quer porque quer degolar, porque ele apóia o governo do presidente Lula e do PT.

Tambem tá no CH




OAB: é possível reverter decisão do STF
O presidente nacional da Ordem dos Advogados do Brasil, Cezar Britto, disse hoje (26) que é possível o Supremo Tribunal Federal rever a decisão sobre a dispensa de diploma de curso superior para a prática jornalística. Segundo ele, isso poderia ser feito de duas maneiras: por embargo de declaração ou por meio de uma ação embasada em novos fundamentos. O embargo é um instrumento (recurso) que “pode ser utilizado quando são identificados pontos omissos, erros ou contradições durante o processo”, explicou Britto. A nova ação, com novos fundamentos, pode ser analisada pela Corte.

Penso eu: Prefiro continuar cozinheiro a depender da sabedoria do Supremo.

Tá na Coluna de hoje do Claudio Humberto

28/06/2009 | 00:00
Senadores indicaram Agaciel a Sarney

Em política, as coisas nunca são o que parecem. A primeira indicação de Agaciel Maia à direção-geral do Senado, em 1996, chegou as mãos de José Sarney em documento assinado por senadores, incluindo líderes de bancada. Foi quando o então diretor-geral Alexandre Dupeyrat saiu para assumir um cargo no governo de Minas Gerais. Agaciel Maia era diretor da Gráfica do Senado e foi indicado a Sarney pelos senadores.


28/06/2009 | 00:00
Líderes da época

Em 1996, eram líderes de bancada no Senado, entre outros, Eduardo Suplicy e José Eduardo Dutra (SE), no PT, e Roberto Freire (PPS-PE).


28/06/2009 | 00:00
Elogios

Em 2003, na segunda presidência de Sarney, Arthur Virgílio (PSDB-AM) e Tião Viana (PT-AC) elogiaram por escrito a recondução de Agaciel.

Voce já leu aqui



Mangabeira Unger deixa o governo na próxima terça
O ministro Roberto Mangabeira Unger (Assuntos Estratégicos) deixará o governo Lula na próxima terça-feira. Sairá a pedido.
Deve-se a informação ao repórter Lauro Jardim, editor do Radar. Ele conta também que Lula planeja mandar ao meio-fio uma outra integrante de sua equipe.
O presidente deseja se livrar da secretária da Receira Federal, Lina Vieira. Vai chamar para uma conversa o ministro Guido Mantega (Fazenda), chefe da “Leoa”.


Penso eu: Uma semana antes da vinda de Mangabeira Unger ao Ceará, na segunda feira passada este blog e a coluna de papel do jornal O Estado anunciaram a saída dele do governo e os motivos.

CURSO DE FORMAÇÃO PARA HOMENS‏

INSCRIÇÕES ABERTAS (vagas limitadas)

Novo Curso de Formação para Homens
OBJETIVO PEDAGÓGICO : Permite aos homens desenvolver a parte do corpo da qual ignoram a existência ( o cérebro ).

Módulo 1: Introdução (Obrigatório)

1. Aprender a viver sem a mamãe (2.000 horas)
2. Minha mulher não é minha mãe (350 horas)
3. Entender que não se classificar para o Mundial não é a MORTE (500 hs)



Módulo 2: Vida a dois

1. Ser pai e não ter ciúmes do filho (50 horas)
2. Deixar de dizer impropérios quando a mulher recebe suas amigas (500 hs)
3. Superar a síndrome do ' o controle remoto é meu' (550 horas)
4. Não urinar fora do vaso ( 1.000 horas - exercícios práticos em vídeo)
5. Entender que os sapatos não vão sozinhos para o armário (800 hs)
6. Como chegar ao cesto de roupa suja (500 horas)
7. Como sobreviver a um resfriado sem agonizar (450 horas)


Módulo 3: Tempo livre

1. Passar uma camisa em menos de duas horas (exercícios práticos)
2. Tomar a cerveja sem arrotar, quando se está à mesa (exercícios práticos)



Módulo 4: Curso de cozinha

1. Nível 1 (principiantes - os eletrodomésticos) ON/OFF = LIGA/DESLIGA
2. Nível 2 (avançado) minha primeira sopa instantânea sem queimar a Panela
3 . Exercícios práticos - ferver a água antes de por o macarrão



CURSOS COMPLEMENTARES: POR RAZÕES DE DIFICULDADE , COMPLEXIDADE E ENTENDIMENTO DOS TEMAS , OS CURSOS TERÃO NO MÁXIMO 3 ALUNOS.
1. A eletricidade e eu: vantagens econômicas de contar com um técnico competente para fazer reparos;
2. Cozinhar e limpar a cozinha não provoca impotência nem homossexualidade (práticas em laboratório);
3. Porque não é crime presentear com flores, embora já tenha se casado com ela;
4. O rolo de papel higiênico: Ele nasce ao lado do vaso sanitário? (biólogos e físicos falarão sobre o tema da geração espontânea)
5. Como baixar a tampa do vaso passo a passo (teleconferência);
6. Porque não é necessário agitar os lençóis depois de emitir gases intestinais (exercícios de reflexão em dupla);
7. Os homens dirigindo, podem SIM, pedir informação sem se perderem ou correr o risco de parecerem impotentes (testemunhos);
8. O detergente: doses, consumo e aplicação.
Práticas para evitar acabar com a casa;
9. A lavadora de roupas: esse grande mistério!!
10. Diferenças fundamentais entre o cesto de roupas sujas e o chão (exercícios com musicoterapia);
11. A xícara de café: ela levita, indo da mesa à pia? ( exercícios Dirigidos por Mister M);
12. Analisar detidamente as causas anatômicas, fisiológicas e/ou psicológicas que não permitem secar o banheiro depois do banho.


Blogado pela Carol Muniz fron Mucambo(Ceará)

A difrença entre Barack Obama e Sarkozy





E eu não sou baú de ninguém!

Convite do Rogério Aguiar



Eita Chitão!

e.mail do bloguista

QUE É ISTO ROBERTO?

Construímos a Candidatura de Roberto a Prefeito de Maracanaú acreditando que ele (Roberto Pessoa) era um democrata...

Por que esta psicose de recriar a Previdência Municipal? É problema de caixa? É para dispor de mais “empregos” para usar como “cala-boca”?

Que tem a dizer sobre o fato os(as) companheiros(as) do PT, do PCB, do PSB, do PV, do PDT, do PTB, do PMN, do PMDB?

Neste caso o Prefeito está se comportando como capataz!

Os vereadores e vereadoras podem e devem se comportar com dignidade e não como serviçais do chefe do Poder Executivo.

A psicose de Roberto Pessoa de recriar a Previdência interessa a quem trabalha na Prefeitura e seus familiares, mas também, a quem de fato luta contra corrupção e pela Democracia.

CIRCO SIM, FOME NÃO!



Volta da Previdência é fome no Futuro para quem trabalha na Prefeitura e seus familiares.

Segunda-feira, 29 de junho de 2009, tentarão aprovar a volta da Previdência Municipal.

Vamos lá! Vamos ver se os vereadores e vereadoras se comportam com dignidade ou como serviçais do Poder Executivo.

DIVULGUE! COMENTE!

VÁ À CÂMARA!

Blogado por Candido Pinheiro

Penso eu: Nunca duvidei disso!

Opinião

A presunção dos tucanos contra os interesses do Brasil Jornal do Brasil A tucanada acha que Aécio Neves pode ser senador de um po...