quinta-feira, 26 de março de 2015

Convite do Artur Bruno

O Secretário do Meio Ambiente, Artur Bruno, convida a todos para participar de reunião com as Entidades e Movimentos Ambientalistas, que acontecerá amanhã, 27, às 15h, no auditório da Secretaria do Meio Ambiente – Sema.
O encontro tem como objetivo fazer a apresentação da Sema e ouvir as demandas e sugestões das Entidades e Movimentos Ambientalistas, visando estabelecer parceria entre o Poder Público e a Sociedade Civil.

Repúdio contra Eduardo Cunha tem 8 deputados contra. São os inimigos de Cid Gomes.


Assembleia Legislativa aprova requerimento de moção
de repúdio ao presidente da Câmara dos Deputados
Na sessão desta quinta-feira, 26/3/2015, a Assembleia Legislativa aprovou requerimento de autoria do deputado Welington Landim que envia Moção de Repúdio ao presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha. Ele ordenou o esvaziamento das galerias e mandou retirar do Plenário Ulisses Guimarães a delegação do Ceará que assistia a a explanação do ex-governador e então ministro da Educação, Cid Ferreira Gomes.
Fizeram parte da delegação do Ceará que assistia a fala de Cid Gomes no último dia 18, entre outros, o governador Camilo Santana, o presidente da Assembleia Legislativa, deputado José Albuquerque, e o prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, além de vários deputados estaduais, entre eles Welington Landim, Odilon Aguiar, Manuel Duca, Augusta Brito e Osmar Baquit, licenciado para responder pela Secretária da Pesca, Aquicultura e Agricultura do Estado do Ceará.
O resultado da votação da Moção de Repúdio foi de 25 a 8, com uma abstenção (veja lista). A maioria dos que votaram contra o requerimento pertence ao PMDB, partido do presidente Eduardo Cunha, da Câmara dos Deputados. Agora, o requerimento será enviado pela Assembleia Legislativa para a presidenta da República, Dilma Roussseff, ao ministro-chefe da Casa Civil, Aloizio Mercadante;
Ainda na abertura da sessão plenária desta quinta-feira (26/03), o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Zezinho Albuquerque (Pros), criticou a atitude do presidente da Câmara dos Deputados, deputado Eduardo Cunha (PMDB/RJ), que, mandou evacuar as galerias e o Plenário da Casa durante pronunciamento do ex-ministro Cid Gomes. O parlamentar relatou que Eduardo Cunha ordenou que todos que não fossem deputados federais se retirassem do Plenário e galerias. “Eu estava lá e sei que não houve nenhuma atitude agressiva de qualquer membro que estava nas galerias ou no Plenário da Casa contra ninguém. O que houve ali foram apenas aplausos. Mas logo depois os seguranças chegaram e disseram que ninguém poderia aplaudir. Essa é a Câmara que está funcionando”, disse.
Zezinho Albuquerque afirmou que o povo do Estado do Ceará foi desrespeitado na Câmara Federal. “Nunca vi uma manifestação de desrespeito ao povo cearense como aquela. Falo independente de partidos e me solidarizo com os deputados e prefeitos que estavam representando o Ceará no Congresso e foram expulsos. Este Parlamento, que representa o povo cearense, merece respeito, mas foi desrespeitado”, frisou.
OSA 25 QUE VOTARAM A FAVOR DO REQUERIMENTO:
Welington Landim, Tin Gomes, Manuel Duca, Joaquim Noronha, Antônio Granja, Augusta Brito, Bethrose, Bruno Gonçalves, Bruno Pedrosa, José Sarto, Carlos Felipe, Elmano de Freitas, Evandro Leitão, Fernando Hugo, Heitor Ferrer, Ferreira Aragão, Júlio César Filho, Lucilvio Girão, Moisés Braz, Naumi Amorim, Odilon Aguiar, Professor Teodoro, Rachel Marques, Renato Roseno, Zé Ailton Brasil e Robério Monteiro.
OS 8 QUE VOTARAM CONTRA O REQUERIMENTO
Audic Mota, Dra. Silvana, Walter Cavalcante, Daniel Oliveira, Capitão Wagner, Fernanda Pessoa, Ely Aguiar e Thomaz Holanda.
Leia, abaixo, a íntegra do requerimento:

MOÇÃO DE REPÚDIO

Sr. Presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Ceará
Requer aprovação de Moção de Repúdio à decisão da presidência da Câmara dos Deputados de expulsar, ditatorialmente, parlamentares do Plenário e das galerias daquela Casa, no último dia 18”.
O deputado infra-assinado, com, base no Art. 128 do Regimento Interno e após ouvido o Plenário, requer aprovação de Moção de Repúdio à decisão da presidência da Câmara dos Deputados de expulsar, ditatorialmente, do Plenário e das galerias daquela Casa, no último dia 18, parlamentares que assistiam a sessão em que o ex-governador do Ceará e então Ministro de Estado da Educação, Cid Ferreira Gomes, fazia uma explanação convocado que foi para uma audiência geral.
A atitude antidemocrática da presidência da Câmara dos Deputados vai de encontro às prerrogativas dos parlamentares, que ficaram numa situação constrangedora, exigindo-se que deveria partir do Legislativo exemplos democráticos e de boas relações institucionais.
Ressalte-se o respeito e a atenção que a Assembleia Legislativa do Ceará sempre teve para com a Câmara dos Deputados, principalmente com os parlamentares federais que representam o Ceará.
Esta Moção de Repúdio, registre-se, não se trata do depoimento do Ministro Cid Gomes, mas da atitude da Presidência da Câmara em relação aos parlamentares. Espera-se que a Assembleia Legislativa do Ceará cumpra seu desiderato democrático, respaldando-o no fortalecimento para que todos os deputados que compõem esta Casa possam, livremente, manifestar-se e aprovar esta Moção de Repúdio.
Que a decisão deste Plenário seja comunicada ao Sr. Deputado Eduardo Cunha, Presidente da Câmara dos Deputados, no seguinte endereço: Palácio do Congresso Nacional, Praça dos Três Poderes - Brasília - DF - CEP 70160-900; à presidenta da República, dra. Dilma Rousseff e ao Ministro-Chefe da Casa Civil da Presidência da República, Dr. Aloizio Mercadante, ambos na Praça dos Três Poderes, Palácio do Planalto, Anexo I, Ala B, sala 107, Brasília-DF, CEP 70.150-900; ao prefeito de Fortaleza, Dr. Roberto Cláudio, na Rua Rua São José, nº 1, Fortaleza-CE, CEP 60.060-170. ao governador do Estado do Ceará, dr. Camilo Santana, na Av. Barão de Studart, 505, bairro Meireles, Fortaleza-CE, CEP 60.120-013; aos 22 deputados federais e aos três senadores cearenses e ao presidente da União Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais (UNALE), deputado Alexandre Postal, no seguinte endereço: SGAS 902 - Ed. Athenas - Entrada C - Salas 120 a 131, Cep: 70390-020 - Asa Sul - Brasília - Distrito Federal E e ao presidente da União Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais (UNALE), deputado Alexandre Postal, no seguinte endereço: SGAS 902 - Ed. Athenas - Entrada C - Salas 120 a 131, Cep: 70390-020 - Asa Sul - Brasília - Distrito Federal.
Sala das sessões, 20 de março de 2015
Deputado Welington Landim

Medo do terrorismo no Stade de France

Amistoso França x Brasil tem alerta vermelho antiterrorismo e plano em ação

João Henrique Marques
Do UOL, em Paris (França)
Nas horas que antecedem o amistoso França x Brasil no Stade de France, em Saint-Denis, nesta quinta-feira (26), é comum ver mais policiais do que torcedores ao redor do local do jogo. O motivo é o alerta vermelho antiterrorismo que está acionado para a organização do evento e faz diversas práticas de segurança acontecer.
Logo nas redondezas, o trânsito é intenso muito por conta dos diversos policiais com armas de fogo que estão vigiando cada carro que passa pelas avenidas. Um dos policiais consultados pelo UOL Esporte disse que são mais de 300 envolvidos na segurança da partida.
O plano antiterrorista Vigipirate está acionado para o amistoso. Ele é comum em grandes eventos na França, principalmente, após o atentado terrorista a revista francesa Charlie Hebdo no início deste ano em Paris, cidade vizinha a Saint-Denis.
"É ação pertinente. Aqui estão todos traumatizados, e ocorrem ataques terroristas com maior frequência do que em vários países da Europa. Mas em geral os franceses se sentem seguros para o jogo sim. Nem pensam no caso", disse o parisiense Rounan Lloren, de 31 anos, que acompanhava um grupo de cinco amigos na porta do estádio.
Viaturas da polícia rondam o estádio e diversos oficiais com arma de fogo também circulam perto das catracas.
Antes de entrar, os torcedores passam por revista rigorosa dos seguranças. Até mesmo os jornalistas são obrigados a abrirem as malas e mochilas tendo todos os objetos revistados.
Dentro do estádio, diversos policias já estão a postos. Um deles disse a reportagem que o plano é exatamente o mesmo utilizado em grandes eventos no país. No Saint-Denis esteve em vigor na última vez há duas semanas no show do cantor Paul McCartney.
Ampliar

França x Brasil - amistoso no Stade de France

Torcedor francês Rounan Lloren (o primeiro à esquerda) relata que povo local ficou bastante traumatizado com atos terroristas que vitimou 12 pessoas no começo do ano João Henrique Marques/UOL

Cid reaparecerá amanhã

A primeira aparição pública do ex-governador Cid Gomes (Pros) após ter pedido demissão do cargo de ministro da Educação ocorrerá nesta sexta-feira, às 9 horas, no Tribunal de Contas dos Municípios (TCM). Ele é um dos convidados do ato de posse do conselheiro Domingos Filho na presidência do Instituto Escola Superior de Contas e Gestão Pública Waldemar Alcântara

Vem greve aí

“O Sindicato Nacional dos Técnicos do Banco Central (Sintbacen) informou, em nota divulgada hoje (26), que os servidores paralisarão as atividades por uma semana a partir da próxima segunda-feira (30). Eles reivindicam reestruturação da carreira de especialista do Banco Central (BC) e equilíbrio entre os cargos de analista e técnico. De acordo com eles, relatório apresentado em 2008 por um grupo de trabalho com representantes do BC, Ministério do Planejamento e dos servidores prevê a necessidade de rever o quantitativo dos cargos.

Segundo o Eliomar...

andreecosta
O advogado André Luís Costa foi nomeado para o cargo de Assessor Jurídico e de Relações Institucionais da Presidência da Assembleia Legislativa.
André, que substituirá Reno Ximenes, é advogado do governador Camilo Santana e do seu pai, Eudoro Santana.

Penso eu - Ah, bom.

Copiloto jogou o avião no chão


Promotoria francesa diz que copiloto teria derrubado avião deliberadamente

Aeronave da Germanwings caiu nos alpes franceses com 150 pessoas.
Segundo autoridades, copiloto não estava em lista de suspeitos de terrorismo.

Do G1, em São Paulo
O copiloto Andreas Lubitz (Foto: Reprodução)O copiloto Andreas Lubitz (Foto: Reprodução)
A Promotoria francesa disse nesta quinta-feira (26) que o copiloto do avião da Germanwings que caiu na terça-feira (24) nos alpes franceses assumiu o controle da aeronave e teria derrubado o avião de maneira deliberada. Segundo a autoridade, ele estava respirando normalmente até o momento em que a aeronave bateu nas montanhas.
O copiloto foi identificado como Andreas Lubitz, de 28 anos, de nacionalidade alemã. Segundo o jornal "Bild", ele seria de Montabaur, em Rhineland-Palatinate, na Alemanha. Ele não estava em lista de suspeitos de terrorismo, e por enquanto não há base para afirmar que tenha sido um incidente terrorista.
O promotor de Marselha, Brice Robin, afirmou em uma entrevista coletiva que os registros de áudio mostram que o piloto deixou a cabine e que o copiloto se recusou a abrir a porta para a volta do tripulante.
Robin também afirmou que o copiloto acionou o mecanismo de descida do avião de maneira voluntária quando estava sozinho na cabine. Não houve alerta de emergência vindo do avião, segundo o promotor.
 
Ainda de acordo com Robin, os sons da caixa-preta dão a entender que Andreas Lubitz estava bem e não parecia ter sofrido nenhum problema de saúde, como um AVC. Ele disse que só nos últimos minutos da gravação se ouvem gritos dos passageiros.
Segundo o promotor, durante os primeiros 20 minutos de voo, há uma troca de cortesias e até mesmo brincadeiras entre o piloto e o copiloto.
Quando o piloto começa a preparar o procedimento para a aterrissagem em Dusseldorf (Alemanha), o copiloto se mostrou mais "lacônico".
Depois que o comandante sai da cabine, o copiloto fica sozinho até o momento da queda.
"Por vontade própria, ele se negou a abrir a porta da cabine para o comandante", enfatizou.
"Ele não tinha nenhuma razão para impedir a volta do comandante ao cockpit", contou ainda Robin, acrescentando que o piloto pediu várias vezes acesso à cabine, sem obter resposta do copiloto.
Brice Robin, o promotor de Marselha, fala sobre investigações em coletiva de imprensa no sul da França. À direita, o general David Gaultier olha para baixo com as mãos na cabeça (Foto: AP)Brice Robin, o promotor de

Marselha, fala sobre investigações em coletiva de imprensa no sul da França. À direita, o general David Gaultier olha para baixo com as mãos na cabeça (Foto: AP)
Sozinho na cabine, o copiloto "pressionou o botão de perda de altitude por uma razão que não fazemos nenhuma ideia, mas que pode ser visto como um desejo de destruir a aeronave", afirmou.
Com os dados que a investigação tem até agora, não se pode falar de suicídio, segundo o promotor, que reforçou que todas as informações são preliminares e que as investigações continuam.
De acordo com Robin, a análise da caixa-preta de dados irá ajudar os investigadores a entender melhor o que aconteceu. Por enquanto, não há indícios de envolvimento de outras pessoas.
O ministro alemão de Transportes, Alexander Dobrindt, disse que, segundo especialistas alemães, é "plausível" que o copiloto tera deliberadamente derrubado o avião da Germanwings
Piloto teria tentado arrombar a porta
Nesta quarta, uma fonte militar próxima das investigações disse sob anonimato ao jornal “New York Times” que a gravação da caixa-preta indica que um dos pilotos teria ficado trancado para fora da cabine e não teria conseguido voltar.
A fonte disse que a gravação indica que no começo do voo os dois pilotos conversavam de maneira tranquila e que depois um deles teria saído da cabine e não teria conseguido entrar de volta.
"O homem do lado de fora bate levemente na porta da cabine e não há resposta. Depois bate mais forte e sem resposta. Nunca há uma resposta", diz a fonte. Também seria possível escutar ele tentando arrombar a porta.
Segundo a Promotoria francesa, a interpretação mais plausível dos dados obtidos até agora aponta que o copiloto deliberadamente se recusou a abrir a porta da cabine para a volta do piloto.
Lufthansa chocada
Carsten Spohr, CEO da Lufthansa, disse em entrevista coletiva após a divulgação das informações que está sem palavras com a revelação de que o copiloto teria deliberadamente derrubado o avião da Germanwings.
Segundo o CEO da Lufthansa, o copiloto Andreas Lubitz começou seu treinamento em 2008, mas o interrompeu brevemente. Ele foi comissário de bordo enquanto não podia pilotar. Ele começou a atuar como copiloto da companhia em 2013. Ele estava "100% apto para voar, sem restrições", e passou em todos os exames de pilotagem e médicos.
Spohr também disse que não tem nenhuma informação sobre o motivo que levou o copiloto Andreas Lubitz a fazer o que fez. "O que aconteceu foi um incidente trágico individual, eu gostaria de enfatizar isso", disse. "Temos altos padrões, mas um caso único como este não pode ser previsto."
Ele também explicou como funciona o acesso à cabine de comando. “Se um dos pilotos deixa a cabine, é possível chamar do lado de fora, o piloto pode olhar e ver quem quer entrar, e você pode abrir a porta controlada eletronicamente. Temos procedimentos – se o piloto saiu e o que ficou dentro está inconsciente, há um código que pode ser utilizado. Há um barulho dentro da cabine, e se ninguém abrir, a porta se abre eletronicamente. Mas a pessoa que está do lado de dentro pode impedir que a porta se abra.”
O que se sabe sobre a tripulação
Andreas Lubitz havia sido contratado em setembro de 2013 e tinha 630 horas de voo de experiência, informou a Lufthansa à AFP. Jornais internacionais disseram que Andreas se formou na escola de voo da Lufthansa em Bremen e obteve sua licença de voo em junho de 2010.
Ele vivia com os pais na cidade e também morava em Düsseldorf, afirmou a prefeita de Montabaur ao jornal "El País". O jornal espanhol afirmou ainda que o perfil de Andreas no Facebook foi apagado.
O promotor Brice Robin disse que não tem nenhuma informação sobre o perfil psicológico ou a filiação religiosa do copiloto.
Já o piloto do Airbus A320 tinha 10 anos de experiência e mais de 6.000 horas de voo, segundo a Germanwings. Identificado pelo jornal "Bild" como Patrick S., o piloto também era alemão.
Não explodiu
Segundo Rémi Jouty, diretor do BEA, órgão responsável pela investigação do acidente, a trajetória do avião indica que ele voou até a queda, descartando a hipótese de explosão no ar. "Isso não é a característica de um avião que explodiu em voo", disse, explicando a maneira como os destroços ficaram espalhados no terreno da queda. Ele se recusou a dizer se a tripulação estava consciente durante a queda e na hora do choque.
A última mensagem da cabine do avião para o controle de tráfego era rotineira, segundo a BEA. Um minuto depois, o avião começou a descida, que continuou até o impacto.
O radar acompanhou a aeronave até bem pouco antes do choque com a montanha. A aeronave perdeu contato com o tráfego aéreo francês quando estava a 6 mil pés de altura.
Segundo ele, é necessário comparar os dados das duas caixas-pretas para saber o que exatamente aconteceu com o avião acidentado. Isso pode levar dias, semanas ou meses. A segunda caixa-preta, que mostra dados do voo, ainda não foi encontrada.
Vítimas
As autoridades ainda não divulgaram a lista de passageiros e tripulantes embarcados no avião da Germanwings que caiu nos Alpes franceses. Porém, diante da notícia da tragédia, alguns familiares, empresas e órgãos oficiais dos países divulgaram nomes de pessoas que estavam no voo.
O Airbus A320 partiu de Barcelona, na Espanha, com destino a Düsseldorf, na Alemanha, e levava 150 pessoas – 144 passageiros e seis tripulantes.
Segundo informações da Germanwings, entre as vítimas do acidente havia 72 alemães, 35 espanhóis, 2 australianos, 2 argentinos, 2 iranianos, 2 venezuelanos, 2 americanos, 1 marroquino, 1 britânico, 1 holandês, 1 colombiano, 1 mexicano, 1 dinamarquês, 1 belga e 1 israelense.
A origem de algumas vítimas ainda é incerta, especialmente devido a casos de dupla nacionalidade. Devido à violência do acidente, as autoridades acham pouco provável encontrar sobreviventes.
Avião com parentes de vítimas decola de Düsseldorf, na Alemanha, nesta quinta (Foto: Reuters)Avião com parentes de vítimas decola de Düsseldorf, na Alemanha, nesta quinta (Foto: Reuters)

Morreu Zé Bonitinho


Ator Jorge Loredo, o Zé Bonitinho, morre ao 89 anos no Rio

Ele estava internado desde o dia 3 de fevereiro na UTI.
Ainda não foi divulgada a causa da morte.

Jorge Loredo (em 400) - 1925-2015 (Foto: Ana Ottoni/Folhapress/Arquivo)
Jorge Loredo morreu na Zona Sul do Rio
(Foto: Ana Ottoni/Folhapress/Arquivo)
O ator Jorge Loredo, o Zé Bonitinho, de 89 anos, morreu na manhã desta quinta-feira (26). Ele estava internado no Hospital São Lucas, em Copacabana, na Zona Sul do Rio, desde o dia 3 de fevereiro na Unidade de Terapia Intensiva.
Em nota, a assessoria de imprensa do hospital informou que Loredo estava internado no hospital desde o dia 3 de fevereiro e que a partir do dia 13 foi mantido na Unidade Cardio Intensiva. "Loredo lutava há anos contra uma Doença Pulmunar Obstrutiva Crônica (DPOC) grave e um Efisema Pulmunar", disse o texto. A causa da morte foi falência múltipla dos órgãos. Apesar da idade, até dois anos atrás o humorista continuava trabalhando e usando as redes sociais para falar com os fãs e divulgar sua agenda de shows.
"Zé Bonitinho", o perigote das mulheres, como o personagem de Loredo se apresentava nos esquetes de humorísticos, fez parte do enredo "Beleza pura?" da escola de samba União da Ilha, que teve como enredo a beleza em suas várias interpretações. "Zé Bonitinho" se achava um galã irresistível, sempre ajeitando a cabeleira com um pente enorme, tão grande quanto seus óculos escuros. 
Jorge Loredo nasceu em 7 de maio de 1925 (completa 90 anos em 2015) foi criado em  Campo Grande, na Zona Oeste do Rio de Janeiro. A infância e a juventude foram marcadas por doenças graves para a época: aos 12 anos, com com osteomielite na perna, sofria de dores constantes. Aos 20 anos, com  tuberculose, foi internado num sanatório, situação que acabou por lhe abrir as portas para a carreira. Incentivado pelos médicos, participou de um grupo teatral no hospital e descobriu sua vocação para os palcos.

O personagem “Zé Bonitinho” foi criado por Loredo, inspirado num colega que se achava um grande galã. Loredo costumava imitá-lo nas festas, arrancando gargalhadas. “Zé Bonitinho” estreou na televisão em 1960 no programa “Noites Cariocas”, exibido pela extinta TV Rio, com os primeiros textos roteirizados por Chico Anysio.

Em 2010, ano em que completou 50 anos, “Zé Bonitinho” continuava na TV, no humorístico “A praça é nossa”. O irresistível "Zé Bonitinho" tinha bordões inesquecíveis, que Loredo repetia com a voz impostada de um conquistador: "Câmera, close; microfone, please", ou "Garotas do meu Brasil varonil: vou dar a vocês um tostão da minha voz!".
No final dos anos 50, Loredo já era famoso com o mendigo filósofo que interpretava na TV Rio no programa “Rio cinco para as cinco’ e depois na “A praça é nossa”, com Manoel de Nóbrega a quem o mendigo se apresentava com o bordão "Como vai, meu nobre colega?". O personagem usava fraque e cartola, bem esfarrapados, monóculo e luvas. O figurino, segundo contava Loredo, foi tirado de um filme de Charles Laugthon que fazia o papel de um mendigo aristocrata.
O personagem surgiu por ideia de sua mãe, que na infância conhecera um mendigo elegante que ia à sua casa pedir comida, mas queria uma mesa montada na garagem com toalha de renda e tudo.
O mendigo filósofo fez tanto sucesso que Loredo teve como padrinho de casamento o ex-presidente Juscelino Kubistcheck. O que lhe valeu um bordão famoso. Ele terminava o quadro do mendigo dizendo: “Agora vou encontrar com aquele menino, o Juscelino...”.
Criou outros tipos: um italiano que não podia ver televisão porque queria quebrá-la, o profeta Saravabatana que andava com uma cobra que dava consultas a mulheres, e o professor de português que tinha a voz do Ary Barroso.

O que é que o Camilo vai fazer hoje

Agenda do governador Camilo Santana Quinta-feira, 26 de março de 2015

10h: Reuniões internas

11h: Reunião com o secretário da Segurança Pública e Defesa Social, Delci Teixeira, para tratar sobre as promoções dos policiais militares

12h: Assinatura do ato de nomeação dos novos auditores da CGE.
15h: Recebe a titular da Controladoria Geral de Disciplina (CGD), Socorro França
16h: Reuniões internas

Agora vai


Aprovado aumento para o Judiciário
Na contramão das discussões para reduzir os gastos públicos, a Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira (25), um projeto que reajusta os salários dos servidores do Poder Judiciário da União.
Apresentado em 2014 pelo STF (Supremo Tribunal Federal), a proposta previa um impacto de R$ 1,4 bilhão nos cofres públicos para o orçamento de 2015.
O texto foi aprovado em caráter conclusivo pela comissão e, se não for apresentado recurso para votação em plenário, segue para votação diretamente no Senado.
A proposta exige que os órgãos do Poder Judiciário da União reduzam gastos com funções de confiança por meio de racionalização de suas estruturas administrativas. Para o cargo de analista judiciário, o salário previsto no texto varia entre R$ 7.323,60 e R$ 10.883,07, de acordo com a progressão na carreira. Para o cargo de técnico judiciário, os vencimentos propostos estão entre R$ 4.363,94 e R$ 6.633,12. Para o cargo de auxiliar judiciário, a previsão para o salário varia de R$ 2.584,50 e R$ 3.928,39.
Segundo o texto, o aumento será implementado em parcelas sucessivas: 20% em julho de 2015, 40% em de dezembro de 2015; 55% a partir de julho de 2016, chegando a 100% em dezembro de 2017.

Penso eu - O negócio da Câmara dos Deputados é lascar o governo.

O dia nasce em Fortaleza

Da janela do meu tugurio-05:53 da manhã

Bilhete do Samuel Martins


Boa tarde, amigo Macário!!!
 Oi!!Tudo bem? Ah quanto tempo!!! Gostaria de ver com o amigo da possibilidade de fazer uma matéria jornalística sobre o que vem acontecendo no município de Paramoti sobre a "DESTRUIÇÃO DO RIO CANINDÉ", onde cerca de 60 caçambas são retiradas de areia (manhã, tarde, noite e inclusive até de madrugada). Em decorrência disso, estas caçambas que vão descarregar em Fortaleza, estão acabando com a Rodovia CE 162 para ter acesso a comunidade de Santa Fé, BR 020. Umas das terras que as caçambas estão tirando é de propriedade do prefeito de Paramoti, Samuel Boyadjian. Já vieram duas equipes da SEMACE e infelizmente não vimos resultado positivo. Espero contar com o apoio do amigo para combater este crime ambiental que vem acontecendo em Paramoti. Deixo o número do meu celular para qualquer informação, (85) 9277.4777.
Atenciosamente, Samuel Martins.

Amigo Samuel,
estou publicando seu bilhete pra que sirva de pauta aos queridíssimos pauteiros e editores de interior dos nossos brilhantes jornais escritos, falados e imaginados (gostou do imaginados?)
Acredito que seja uma boa pauta pra turma dos verdes, por exemplo. Meio ambiente é boa pauta e dá boa audiência.
Grande abraço.

Mega Sena deu pra dois

Os números sorteados
02 - 05 - 13 - 27 - 41 - 53.

Avião não cai; derrubam.

Piloto da Germanwings foi trancado fora da cabine antes de acidente, diz NYT

  • F.Balsamo / Ministério do Interior da França
    Operação da equipe de resgate em busca de destroços do avião da Germanwings Operação da equipe de resgate em busca de destroços do avião da Germanwings
Enquanto as autoridades passaram esta quarta-feira (25) tentando explicar como o avião da Germanwings com 150 pessoas a bordo caiu com céu limpo, um investigador disse ao jornal "The New York Times" ter evidência de que uma gravação feita indica que um dos pilotos deixou a cabine antes do acidente e não conseguiu entrar de volta.
Um alto funcionário militar envolvido na investigação descreveu como "muito boa, muito legal" uma conversa entre os pilotos durante a primeira parte do voo de Barcelona para Düsseldorf. Em seguida, o áudio indica que um dos pilotos deixou a cabine e não poderia voltar a entrar.
"O cara do lado de fora está batendo de leve na porta e não há nenhuma resposta", disse o investigador. "E então ele bate na porta mais forte e não houve resposta. Nunca há uma resposta. Você pode ouvir que ele está tentando arrebentar a porta", disse o investigador.
Enquanto o áudio parecia dar alguma pista sobre as circunstâncias que levaram ao acidente, ele também deixou muitas perguntas sem resposta.
"Nós não sabemos ainda a razão pela qual um dos caras saiu", disse o funcionário, que pediu anonimato porque a investigação continua. "Mas o que é certo é que no final do voo, o outro piloto está sozinho e não quer abrir a porta."

Os novos cheios de privilégios de Fortaleza

Prefeitura apresenta novos táxis que passarão a circular em Fortaleza
A Prefeitura de Fortaleza apresenta nesta quinta-feira (26/03), em entrevista coletiva, os primeiros táxis aprovados e aptos a circular após a licitação realizada pela Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor). A partir das 8h30min, no Paço Municipal, serão apresentados os veículos já autorizados no processo licitatório para a concessão de 490 novas vagas de táxi.

A concorrência n°001/2014 SCSP/Etufor foi uma das mais disputadas do município de Fortaleza. Foram recebidas 3.985 propostas na fase inicial de habilitação, dos quais 3.243 foram habilitados. Foram contabilizados 1.077 recursos só nesta primeira fase. Já na fase do julgamento das propostas técnicas, foram contabilizados 3.764 recursos. Ainda foram impetrados 71 mandados de segurança.

Após considerar a execução de todas as fases, assim como a concessão de prazos para interposição de recursos e contrarrazões, e ainda apreciados todos os mandados de segurança da referida concorrência pública, em março, o processo licitatório foi homologado e adjudicado em favor dos licitantes vencedores que apresentaram as melhores propostas no dia 9 de março.

Em 12 de março, foi realizada a convocação para pré-vistoria dos licitantes que ocuparão as 490 novas vagas de táxis. Os licitantes convocados devem dirigir-se à sede da Etufor para apresentar os veículos equipados com os itens de segurança e conforto apresentados na proposta da licitação. Uma novidade entre os itens obrigatórios é uma mini-impressora para que o taxista possa fornecer os recibos das corridas.

As novas vagas são divididas em três tipos: 451 convencionais, 30 especiais para aeroporto e nove para o serviço de táxi adaptado, chamado de Sistema de Táxi Inclusivo (STI). Com as novas vagas, a capital passa a contar com 4.886 táxis. O prazo de pré-vistoria para os classificados nos lotes 01 (táxis especiais do aeroporto) e 02 (táxis convencionais) é de 60 dias. Os licitantes classificados no lote 03 (táxi adaptado para pessoas com deficiência e/ou com mobilidade reduzida, denominado Sistema de Táxi Inclusivo (STI) é de 90 dias, sem prorrogação.

Olhando o céu

O voo TAP 32, que saiu de Fortaleza para Lisboa às 10 e 45 da noite de ontem, está passando, neste exato momento sobre o arquipélago de Cabo Verdes, mais precisamente sobre a capital, Praia.

Olhando o céu

Tá passando agora, por cima de Fortaleza, o voo LH 506, da Lufthansa, de Frankfurt para Guarulhos, em São Paulo. Dá pra ouvir um pouco as turbinas roncando nas asas do Jumbo a 36 mil pés de altura.

Quem disse que tentar é pecado

Camilo e governadores do Nordeste apresentam pauta administrativa à presidenta Dilma

O governador Camilo Santana e os outros governadores do Nordeste se reuniram com a presidenta Dilma Rousseff na tarde desta quarta-feira (25), no Palácio do Planalto, em Brasília. Eles apresentaram uma pauta administrativa com cinco itens prioritários para a região e a `Carta dos Governadores`, que foram definidas em encontro realizado pela manhã no Meliá Hotel.

"É muito importante fortalecermos essa prioridade dos investimentos, principalmente das obras que já estão em andamento. No caso do Ceará, temos o problema da seca que é grave e não pode esperar", citou o governador Camilo Santana, durante a reunião da manhã com os governadores Rui Costa (Bahia), Flávio Dino (Maranhão), Wellington Dias (Piauí), Paulo Câmara (Pernambuco), Renan Filho (Alagoas), Robinson Faria (Rio Grande do Norte), Ricardo Coutinho (Paraíba) e Jackson Barreto (Sergipe).

Camilo apresentou aos governadores o Plano Estadual de Convivência com a Seca e enfatizou, ainda, a importância de financiamentos em áreas como saúde e segurança e o combate à corrupção como item prioritário para o País - na semana passada, o governador do Ceará acompanhou na Capital Federal o lançamento das medidas anticorrupção apresentadas pela presidenta Dilma.

FOTO: Roberto Stuckert Filho/PR
PAUTA ADMINISTRATIVA DOS GOVERNADORES DO NORDESTE
Os Governadores dos Estados do Nordeste brasileiro, que subscrevem este documento, apresentam ao Governo Federal os seguintes pontos administrativos que, por consenso, constituem as pautas prioritárias para garantir o desenvolvimento econômico e social da região: 
  • Acesso a financiamentos internos e externos, de acordo com a capacidade de endividamento de cada Estado. Os financiamentos devem ser voltados para investimentos em infraestrutura e para contrapartidas em convênios federais;
  • Continuidade de investimentos federais em andamento, com destaque para obras do PAC, do ‘Minha Casa, Minha Vida’, da Petrobras e em recursos hídricos;
  • Alternativas de novas fontes para o financiamento na Saúde, com a taxação de grandes fortunas para este fim e a retomada de credenciamentos de novos serviços e leitos;
  • Prioridade para o Nordeste no início do funcionamento do Sistema Único de Segurança Pública, com programas como o Brasil Mais Seguro, ‘Crack, é Possível Vencer’ e melhoria do sistema prisional;
  • Intensificação de ações emergenciais para convivência com a estiagem e combate à seca, com poços, carros-pipa e adutoras.

CARTA DOS GOVERNADORES DO NORDESTE 
Os Governadores dos Estados integrantes do Nordeste brasileiro, diante do clima de transitória instabilidade política e econômica, vêm se manifestar nos seguintes termos:
1 – Nos últimos 30 anos, a nossa Nação deu passos acertados que nos permitiram conquistar plena democracia política, controle da hiperinflação e expressivos benefícios sociais.  Esse patrimônio é essencial para que possamos continuar a sonhar e obter novas conquistas.
2 - Por isso mesmo, não podemos concordar que o legítimo exercício do direito de oposição e de livre manifestação seja confundido com teses sem qualquer amparo na Constituição Federal, e que dificultam o pleno funcionamento das instituições brasileiras.
3 – Outrossim, reconhecemos as dificuldades econômicas por que passa o Brasil, derivadas em larga medida da continuidade da crise mundial inaugurada em 2008. Por essa razão, compreendemos a necessidade de medidas de ajuste fiscal, de caráter transitório e emergencial. Concordamos que este é o momento de também apresentar rumos claros para as políticas públicas no Brasil, com atenção especial para o desenvolvimento do Nordeste.
4 -  Fazemos um apelo a todas as forças políticas, econômicas e sociais para um amplo entendimento nacional, baseado em uma agenda com os seguintes objetivos:
  • retomada do crescimento econômico;
  • defesa dos investimentos públicos e privados, aí abrangidos aqueles relacionados à PETROBRÁS – parte fundamental da nossa soberania;
  • preservação das políticas de combate às desigualdades sociais e regionais;
  • realização de uma ampla reforma política, que observe as garantias do Estado Democrático de Direito conquistados pela nação brasileira;
5 – Apoiamos as investigações dentro do Estado de Direito e o combate incessante à corrupção, com a punição de todos os culpados em quaisquer casos. Porém, entendemos que o Brasil não pode ser o país da agenda negativa e única. É preciso convergir esforços para superar os problemas e construir soluções que coloquem o país num cenário de crescimento, competitividade, aumento e distribuição de riquezas. O Brasil precisa de uma nova agenda política e econômica.
6 - Um quadro de conflagrações radicalizadas não trará nenhum benefício ao Brasil. A hora exige espíritos desarmados e elevado senso quanto aos deveres patrióticos das lideranças para o bem da Nação. É neste cenário que os governadores dos Estados do Nordeste conclamam todas as lideranças políticas e a sociedade civil a um amplo entendimento que ponha o Brasil em um novo ciclo de crescimento, superando os focos de crise em nome do desenvolvimento de todos os brasileiros.

Brasília, 25 de março de 2015

CAMILO SOBREIRA DE SANTANA
Governador do Estado do Ceará

RICARDO VIEIRA COUTINHO
Governador do Estado da Paraíba

PAULO HENRIQUE SARAIVA CÂMARA
Governador do Estado do Pernambuco

ROBINSON MESQUITA DE FARIA
Governador do Estado do Rio Grande do Norte

JOSÉ RENAN VASCONCELOS CALHEIROS FILHO
Governador eleito do Estado de Alagoas

JACKSON BARRETO DE LIMA
Governador do Estado do Sergipe

FLÁVIO DINO DE CASTRO E COSTA
Governador do Estado do Maranhão

RUI COSTA DOS SANTOS
Governador da Bahia

JOSÉ WELLINGTON BARROSO DE ARAÚJO DIAS
Governador do Estado do Piauí

Frescura de rabo


Dunga faz mistério
Dunga preferiu não revelar o time que levará a campo para o amistoso contra a França logo mais, às 17h (horário de Brasília), no Stade de France, em Paris. O atacante Roberto Firmino atuou entre os titulares no treinamento da última segunda-feira, mas o técnico da Seleção avisou que a presença do atleta não significa titularidade confirmada. “Nós não confirmamos nada. O colete é distribuição de posições. Atacante forma com atacante. Fizemos treino com balanço da defesa do ataque, tentamos posicionar, mas independentemente de quem vai jogar. Todos precisam estar preparados. O jogador tem de estar com a cabeça pronta até a hora para jogar”, explicou.
Em seu retorno ao comando técnico da seleção pentacampeã, o treinador reitera que o que vale é a produção do atleta em campo. Jogar só com o nome não terá futuro na seleção, costuma enfatizar o treinador. Bem humorado durante a entrevista coletiva de ontem, na capital francesa, Dunga disse que não se impressiona com estatísticas e números de jogadores apresentados em planilhas. “Pensarmos como vencedores. Agirmos como vencedores. Temos de ter atitude e colocar dentro de campo. Realizar o que pensamos. Porque vocês já fizeram essa brincadeira: no papel, no ‘Power Point’, todo mundo é bom. Mas, dentro de campo, as coisas são totalmente diferentes”.
Sobre o rival de hoje, Dunga afirma não ter sentimento de revanche. Ele estava em campo na derrota da seleção contra os franceses na decisão do Mundial de 1998, 3 a 0. O maior estrago ocorreu em 1990, diz Dunga, dizendo que ainda hoje é cobrado pela eliminação. “Em 90 doeu mais, pois toda responsabilidade foi colocada no meu nome. Em 98 também, mas jogar contra o organizador da copa, com grandes jogadores. E eles jogavam fora do país, eram experientes”. A seleção de 1990 ficou rotulada de ‘Era Dunga’. Então volante do time, Dunga simbolizava o estilo defensivo e brigador da seleção comandada por Sebastião Lazaroni. O time caiu nas oitavas, contra a Argentina.

Marcelo titular?
“Quanto ao Marcelo, não é questão minha. Basta ver os jogos no Real. Antes ele não jogava e agora ele está jogando continuamente. Melhorou muito em termos de posicionamento, coletividade. E ele melhorou muito no Real. Está em um bom momento, observamos todos e mesmo os que não estão aqui. É nossa missão, nossa responsabilidade, observar jogos e jogadores. A gente brinca para eles não se preocuparem, de assessor botar nota no jornal. A gente está olhando. Temos comissão para olhar”. O técnico também elogiou outro lateral. “Treinador gosta de quem resolve o problema. Danilo foi às primeiras convocações depois da saída do Maicon e foi bem. Como ele é jovem, temos que dar continuidade para ir adquirindo confiança. E ele correspondeu bem a isso. Se sente seguro”, explicou o comandante. O Brasil, após encarar a França, terá o Chile, em Londres, dia 29, pela frente.

Comunicações; estamos nas mãos da Itália.


Governo aprova compra da GVT pela Telefónica
O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) definiu, ontem, em unanimidade, a aprovação da operação da compra da GVT pelo grupo Telefónica, mediante condições previstas em acordo proposto pelas partes ao órgão. O acordo prevê, por exemplo, a saída da Telefónica do capital Telecom Italia, até quatro meses após a assinatura do acordo. Além disso, a Vivendi, que receberá como parte do pagamento pela GVT ações da Telefónica Brasil (VIVT4), terá de vender parte de suas ações na empresa brasileira, até um percentual não informado pelo Cade.
A oferta da operadora pela GVT foi de 7,45 bilhões de euros. Como parte do pagamento, a Telefónica ofereceu ao grupo Vivendi, controlador da GVT, 8,3% do capital votante da Telecom Italia. A aprovação de ontem pelo Cade abre caminho para a concretização do negócio. Nos últimos meses, o receio do órgão antitruste em dar aval às operações estava na possibilidade de a Telefónica manter participações na Vivo e na TIM, o que poderia prejudicar a competição entre as empresas e, com isso, restringir a oferta de produtos e serviços aos consumidores.
Ao adquirir ações da Telco, a Telefónica passou a ter participações na TIM. Isso gerou preocupações do Cade, que multou em R$ 15 milhões a empresa, em dezembro de 2013. A empresa espanhola detém a marca Vivo e a Telecom Italia é dona da TIM. Para o órgão antitruste, a separação de participações da empresa espanhola sobre as duas marcas seria condição para manter a concorrência no setor.

Governadores vão a DIlma. Pedir dinheiro.


Em reunião com Dilma, governadores cobram recursos
Em meio à turbulência de seu mandato, a presidente Dilma Rousseff (PT) reuniu-se, ontem, no Palácio do Planalto, com os nove governadores do Nordeste. Na ocasião, Dilma recebeu dos governantes uma pauta administrativa com cinco pontos específicos, que reivindicam a garantia de recursos para o desenvolvimento econômico e social da região. Os chefes dos estados do Nordeste entregaram ainda a “Carta dos Governadores”, em que asseguram compreender a necessidade das medidas de ajuste fiscal, e ressaltam ser de caráter transitório e emergencial. Participaram os governadores Rui Costa (Bahia), Camilo Santana (Ceará), Flávio Dino (Maranhão), Wellington Dias (Piauí), Paulo Câmara (Pernambuco), Renan Filho (Alagoas), Robinson Faria (Rio Grande do Norte), Ricardo Coutinho (Paraíba) e Jackson Barreto (Sergipe).
“É muito importante fortalecermos essa prioridade dos investimentos, principalmente das obras que já estão em andamento. No caso do Ceará, temos o problema da seca, que é grave e não pode esperar”, citou o governador Camilo Santana aos governadores presentes. Camilo apresentou ainda o Plano Estadual de Convivência com a Seca e ratificou importância de financiamentos em áreas como saúde e segurança e o combate à corrupção como item prioritário para o País.

Pauta administrativa
Para garantirem o desenvolvimento de seus estados, que, anualmente, são assolados pela seca, afetando, respectivamente, suas economias, os governadores reivindicaram: Acesso a financiamentos internos e externos, de acordo com a capacidade de endividamento de cada estado, onde ressaltam que os financiamentos devem ser voltados para investimentos em infraestrutura e para contrapartidas em convênios federais; continuidade de investimentos federais em andamento, com destaque para obras do PAC, do “Minha Casa, Minha Vida”, da Petrobras e em recursos hídricos; alternativas de novas fontes para o financiamento na saúde, com a taxação de grandes fortunas para este fim e a retomada de credenciamentos de novos serviços e leitos; prioridade para o Nordeste no início do funcionamento do Sistema Único de Segurança Pública, com programas como o Brasil Mais Seguro, “Crack, é Possível Vencer” e melhoria do sistema prisional e, no último ponto, solicitam a intensificação de ações emergenciais para convivência com a estiagem e combate à seca, com poços, carros-pipa e adutoras.

Carta dos
governadores
Diante da instabilidade política e econômica por que o Brasil passa, os governadores fazem um apelo às forças políticas, econômicas e sociais para que haja um amplo entendimento nacional baseado em uma agenda com “objetivos de retomada do crescimento econômico; defesa dos investimentos públicos e privados, abrangendo, inclusive, a Petrobras e a preservação das políticas de combate às desigualdades sociais e regionais.

É Balhmann ou Zé Airton na bancada federal


Bancada federal cearense elegerá novo coordenador hoje, em Brasília
Em tom de despedida, o deputado Antônio Balhmann (Pros) conversou, ontem, com o jornal O Estado sobre a disputa pela coordenação da bancada federal do Ceará. A escolha do novo coordenador ocorrerá hoje, em Brasília. O deputado José Airton Cirilo (PT), nos bastidores, é apontado como sucessor de Balhmann.
Atualmente, a bancada do Ceará no Congresso é formada por 25 membros, sendo 22 deputados federais e três senadores. Todos estão aptos a votar e serem votados para novo coordenador. Tendo como principal função representar os parlamentares do Estado junto ao governo federal, o coordenador deve acompanhar a apresentação e execução das emendas coletivas ao orçamento da União. “O José Airton está pleiteando com muita energia nessa questão, mas é preciso ressaltar que a bancada é sábia quando decide, ou seja, saberá qual o nome que a representará melhor quando se trata principalmente, dos interesses do Ceará”, afirma.
O parlamentar defendeu ainda a união de deputados e senadores cearenses para a alocação de recursos e atuação de resultados, pois, segundo ele, o novo coordenador terá o desafio de lutar pela liberação de recursos federais, que estão muito difíceis, devido à grande crise econômica que o Brasil está vivendo no presente momento.

Apoio
Sobre o assunto, Cirilo confirma a pretensão e já conta com o apoio de 15 deputados e 2 senadores (José Pimentel e Eunício Oliveira), afirmando que a disposição não representa qualquer tipo de disputa política, muito menos insatisfação com o atual coordenador da bancada, até porque o mesmo já coordenou por duas vezes. “Portanto, a eleição para coordenação da bancada do Ceará é um fato rotineiro e, caso ocorra essa confirmação, muito me honra a confiança dos meus colegas”, afirmou recentemente conforme publicado pelo jornal O Estado.

Capa do jornal O Estado(CE)


O crônico canal do Crato volta a destruir


Canal transborda e causa destruição no centro do Crato
Moradores do Centro do Crato, cidade localizada a cerca de 500 quilômetros de Fortaleza, voltaram a conviver com pesadelo sofrido em 2011. A chuva de 105 mm de ontem fez o Canal do Rio Grangeiro transbordar, deixando rastro de destruição em seu entorno e ruas do Centro. Invadiu casas e comércios, deixou espaços intransitáveis e elevou a preocupação de moradores.
Por volta de três e meia a água do canal começou a transbordar, fechando ruas e jogando sobre o asfalto objetos que a água conseguia trazer, como lixo e até um sofá.
“A situação é preocupante, pois em menos de três anos quase se repete o estrago no mesmo local”, disse o Gestor Comercial Wagner Macedo Pinheiro. Ele é de Juazeiro do Norte e precisou dormir na casa da namorada, a estudante de Psicologia Natália Magalhães, na Rua José Alves de Figueiredo, porque ficou “ilhado”.
Wagner Macedo sugere o alongamento do canal para que a água não invada as casas. Ele diz temer uma tragédia: “Acreditamos que o alongamento do canal já amenizaria. Infelizmente pode se repetir e vir a se tornar uma tragédia, pois a água passa em uma velocidade que amedronta, pois leva tudo que estiver pela frente”.
 Lama
Casas comerciais que ficam na Avenida José Alves de Figueiredo foram invadidas pela lama. Logo nas primeiras horas da manhã de ontem comerciantes estiveram em seus estabelecimentos verificando os prejuízos. Pode-se também observar tratores da municipalidade limpando as vias que ficaram cheias de lama para melhorar o tráfego no local.
Em um trecho do canal, próximo à ladeira da Integração que liga os bairros Seminário e Pimenta, foi colocado um pluviômetro automático. Quando a chuva chega a 90mm as defesas civil municipal, estadual e federal são acionadas. Nos últimos quatro dias a cidade registrara 73, 52 e 37 milímetros, além dos 105m de ontem.
Funceme prevê mais chuvas hoje
Segundo a Fundação Cearense de Meteorologia e Recurso Hídricos (Funceme), a previsão na cidade do Crato para o dia de hoje é céu nublado com possibilidade concreta de chuvas fortes. Os moradores e comerciantes, portanto, devem ficar atentos porque pode cair mais chuva e complicar ainda mais a situação que já está ruim. Ainda segundo a Funceme, Crato terá uma temperatura máxima de 27 graus e mínima de 20 graus.

A barra pesada do Salitre

Vereadora presa por suspeita de assaltos e homicídios
Uma vereadora da cidade de Salitre, foi presa, ontem, pela Polícia Militar. Francisca Sales Vieira (PT) está sendo acusada de integrar uma quadrilha de cometia homicídios e assaltos. Junto com a vereadora, outras sete pessoas, supostamente integrantes do grupo, também foram presas. Segundo a polícia, Francisca Sales Vieira mantinha relação com um homem conhecido como Paulinho Tendel, que é conhecido na cidade por ter cometido vários assassinatos. A vereadora nega todos os crimes e diz que provará a sua inocência. “Depois que ela iniciou essa relação, ela passou a ser investigada. O Paulinho Tendel arregimentou uma quadrilha, que incluía a vereadora, com quem cometia vários assaltos”, disse, ao portal de notícias G1, o comandante do Destacamento Policial de Salitre, Paulo César. De acordo com a Polícia, a vereadora teria participação direta em assaltos a caminhoneiros, postos de combustível e casas lotéricas. Há a suspeita, ainda, de que os integrantes do bando matavam todos os bandidos que desertavam do grupo – foram cinco homicídios dessa forma somente neste ano. A polícia diz, ainda, que o grupo era investigado há um mês e teve o mandado de prisão preventiva expedido pelo juiz Marcelo Alencar Pereira de Matos, da comarca de Salitre. Todos os presos foram encaminhados à cadeia pública de Campos Sales, cidade próxima a Salitre.

Renegociando o débito


Governo pede mais prazo para renegociar dívidas
O líder do governo no Congresso Nacional, senador José Pimentel (PT), disse que o ministro da Fazenda Joaquim Levy, pediu aos senadores um prazo mais elástico para a regulamentação do projeto que muda o indexador da dívida de estados e municípios. No entanto, Levy não teria falado em que prazo isso deveria ser feito.
Na última terça-feira, o plenário da Câmara dos Deputados aprovou projeto de lei estipulando que permite a aplicação da renegociação de índice de correção das dívidas estaduais e municipais com a União. A matéria, agora, será analisada pelos senadores. O projeto, aprovado por 389 votos a favor e duas abstenções, concede o prazo de 30 dias para a União assinar com os estados e municípios os aditivos contratuais, independente de regulamentação.
O ministro teria dito, segundo Pimentel, que a troca do indexador da dívida seria “absorvível”. “O problema seria o momento político”, frisou o petista. Apesar de ainda não haver um consenso, integrantes da Comissão de Assuntos Econômicos (CAE), do Senado, marcaram uma nova reunião para a próxima terça-feira (31), onde o ministro prometeu levar uma lista de proposta sobre o assunto.
A presidente Dilma Rousseff, porém, já havia afirmado que o governo federal não tem condições de bancar a troca do indexador devido às turbulências econômicas.
Caso o governo não cumpra com a assinatura dos aditivos, os estados e municípios ficam autorizados a aplicar, automaticamente, o novo indexador. O texto permite que as dívidas contraídas antes de 2013 sejam recalculadas, de maneira retroativa.

Indices
Com a nova lei, o indexador das dívidas passa a ser o IPCA, o índice oficial de inflação, mais 4% ao ano, ou, se esta for menor, a taxa básica de juros definida pelo Banco Central. Atualmente, os débitos são corrigidos pelo IGP-DI mais juros de 6% a 9%. Ao todo, 180 municípios serão favorecidos pela nova lei. A maior beneficiada é a cidade de São Paulo, que tem dívida de R$ 62 bilhões com a União. Com a mudança dos índices de correção, o valor deve ser reduzido para R$ 36 bilhões, de acordo com projeções feitas pela Prefeitura.

Coluna do blog



Democracia é melhor
Quem foi para as ruas, dia 13, pró-Dilma, não deseja transformar o Brasil em uma Cuba, nem quem protestou contra a presidente dia 15 sonha com a volta dos militares. É o que conclui pesquisa entre os manifestantes dos dois grupos feita pela Fundação Perseu Abramo, do PT, dirigida por Márcio Pochmann. Para 87% da turma do 13, “a democracia é sempre melhor do que qualquer outra forma de governo”, número praticamente igual (81%) ao dos manifestantes do 15. O percentual dos que disseram que, em certas situações, é melhor a ditadura que o regime democrático é tão pequeno no ato pró-Dilma(5%) quanto no contra (12%). A pesquisa constatou que a convocação para a manifestação contra Dilma foi feita pelas redes sociais (75%). Ou seja, ao contrário do que dizem setores petistas, o PSDB e a imprensa não foram responsáveis pela ida dessas pessoas às ruas. Já o pessoal pró-governo foi convocado por “grupos de ação política a que pertencem (29%), redes sociais (23%) ou amigos (22%)”. A pesquisa com os dados, foi achada aí pelo Ancelmo que sempre disse que democracia é, infinitamente melhor. Quem passou por lá sabe porque.

A frase: “Esqueça a certeza. A esperança já basta!”. Tem alguém observando a cena.



 

Recorde no Paraquedismo (Nota da foto)

Na semana, 16 atletas da Federação Cearense de Paraquedismo, bateram um novo recorde. Lançados a 15 mil pés, cerca de 5 mil metros de altura, eles fizeram uma formação com 16 componentes. O recorde anterior era com 13 atletas. O salto foi em Aracati, no litoral leste do Ceará.

Desligado
Pra abrir a sessão especial do Leilão Reverso do Governo, na Assembleia, o Presidente Zezinho Albuquerque subiu à mesa diretora. O Governador Camilo, inadvertidamente acompanhou.

Volte, volte...
Zezinho, discretamente mandou o Governador voltar para fora do plenário. O normal é comissão de deputados ir buscar o governador pro plenário, Aí Zezinho nomeou Duquinha e Welington Landim para encaminha-lo.

Esta eu lembro
Se o Planalto tivesse ouvido o TCU quando Ubiratan Aguiar era presidente, a Lava Jato não existiria. Lá, nosso Bira avisou: Tão bulindo no dinheiro da Petrobras.

Multi-Prefeituras
Vicente Fialho, um dos maiores administradores que conheci, morando a 15 anos em Fortaleza e, lamentavelmente fora da política, é um raros técnicos que foi prefeito em duas capitais; São Luiz, no Maranhão e Fortaleza.

Não entendi
O Governo do Ceará e a Votorantim Cimentos firmaram parceria para a construção de duas novas fábricas no estado. Serão localizados em Sobral e no Pecém (São Gonçalo do Amarante).

Onde entra o Governo?
Batizadas de Sobral II e Pecém II, o total de investimentos nas empresas será de R$ 969 milhões - R$ 769 na indústria da Região Norte e R$ 200 milhões na companhia da Região Metropolitana de Fortaleza.

Aos verdes
A Secretaria do Meio Ambiente-Sema- promoverá na quinta-feira, 26, no Auditório do Centro Espiritual Uirapuru (CEU), o Seminário Estadual de Cenários para Gestão de Resíduos Sólidos do Ceará.

Requerimento de Welington Landim
Requer aprovação de Moção de Repúdio à decisão da presidência da Câmara dos Deputados de expulsar, ditatorialmente, parlamentares do Plenário e das galerias daquela Casa, no último dia 18”.

Menos um
Apenas um deputado presente à sessão de terça feira, ocupada pelo Governador pra fazer leilão reservo de obras no Estado, deixou de assinar o repúdio a Eduardo Cunha.Outros 26 botaram lá seu jamegão. Documento em poder da coluna.